Jornal Página 3
Colunistas
Cidade

Prefeitura vai instalar estrutura em outro ponto


Policia

Ele foi detido por seguranças do local


Educação

Em Balneário há vagas para Engenharia de Petróleo e Administração Pública 


Agora Balneario

Participação é gratuita, mas as vagas são limitadas


Variedades

Evento seguirá até dia 24, na entrada de Balneário Camboriú


Entrevista


Publicidade

Leia a publicação do Convention Bureau 


publicidade

COPA - Argentina segue na berlinda e Uruguai assume vice-liderança

(UOL/FOLHAPRESS) - Dois jogos com o novo técnico Jorge Sampaoli e dois empates frustrantes. Após o 0 a 0 com o Uruguai em Montevidéu, o tropeço da Argentina nesta terça-feira (5) foi em casa -1 a 1 com a lanterna Venezuela- e aumentou o calvário da seleção nas eliminatórias sul-americanas para a Copa do Mundo de 2018.

A Argentina foi a 24 pontos e segue fora da zona que dá classificação direta para o Mundial: está em quinto, posição que garante apenas vaga na repescagem contra a Nova Zelândia. Já a Venezuela, em último e já eliminada, subiu para oito pontos.

Na próxima rodada, em 5 de outubro, os argentinos recebem o Peru. Já no dia 10, encerram a participação nas Eliminatórias contra o Equador, fora de casa.

Toda a pressão da Argentina, que jogou o tempo todo no campo de ataque, não foi o bastante para impedir que a Venezuela abrisse o placar.

Logo no começo do segundo tempo, os visitantes roubaram a bola no centro do campo e dispararam em velocidade contra uma defesa desorganizada. Murillo recebeu o passe em profundidade e, frente a frente com Romero, não desperdiçou: 1 a 0.

A Argentina chegou ao empate logo após tomar o gol. Acuña, que entrou no lugar do lesionado Di María, fez grande jogada pela esquerda e cruzou na medida para Mauro Icardi desviar para as redes. Foi o primeiro gol do centroavante da Inter de Milão pela seleção principal.

URUGUAI

Aposta do técnico Francisco Arce, Ángel Romero foi titular e até fez gol nesta terça. Mesmo assim, sua atuação não foi suficiente para parar o Uruguai, que venceu o Paraguai por 2 a 1, no Estádio Defensores del Chaco, em Assunção.

A revelação Federico Valverde fez o primeiro gol da seleção celeste, enquanto o segundo gol foi contra de Gustavo Gómez, após chute de Luis Suárez bater no travessão.

Com o resultado, o Uruguai passou a Colômbia e assumiu a vice-liderança das eliminatórias sul-americanas, com 27 pontos. Caso ganhe da Venezuela em seu próximo jogo, o time celeste garante sua vaga na Copa de 2018. Já o Paraguai permanece com 21 pontos, fica na 7ª posição, mas ainda sonha com uma vaga no Mundial.

Apesar da surpreendente vitória por 3 a 0 sobre o Chile, o técnico Francisco Arce mudou o time e colocou Ángel Romero, do Corinthians, e Lucas Barrios, do Grêmio, como titulares. O jogo, que em geral foi muito truncado, ganhou emoções só nos momentos finais.

Aos 30 minutos da etapa final, Federico Valverde abriu o placar para o Uruguai. A revelação do Real Madrid, que está emprestada ao Deportivo La Coruña, aproveitou um rebote da grande área e chutou. A bola desviou na zaga e enganou o goleiro Antony Silva.

Desesperado, o Paraguai foi para cima e levou o segundo gol apenas quatro minutos depois do primeiro. Luis Suárez arrancou, passou pelo goleiro e chutou. A bola bateu no travessão e logo depois no zagueiro Gustavo Gómez, que não conseguiu sair da frente da bola. 


Quarta, 6/9/2017 7:32.




publicidade




Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br