Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Josi Alves, há 10 anos levando Balneário mundo afora

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Divulgação / CBV
Josi Alves

Segunda, 6/8/2018 15:07.

“Aos 12 anos de idade eu só tinha uma certeza, que eu seria atleta. Segunda, quarta e sexta era escolinha de vôlei, terça e quinta de handebol, duas paixões e uma escolha, escolha esta que foi feita aos 15 anos de idade. E aos 17, eu já estava defendendo o time de vôlei de quadra da Bluvôlei. Mas aquilo foi ficando pequeno para mim, e quando assisti a final do vôlei de praia nas Olimpíadas de Atenas, pensei: eu quero ser profissional de vôlei de praia. Até então, eu já tinha conquistado alguns títulos nos Jogos Abertos de Santa Catarina. Mas para eu me tornar uma profissional de alto nível, viver a manhã e a tarde treinando, eu precisava de mais. No ano de 2008, a cidade de Balneário Camboriú, por meio da administração da Fundação de Esportes na época e a parceria da atleta Leize Bianchini, abriu as portas para uma futura vencedora de títulos nacionais e internacionais. Minha eterna gratidão a Balneário Camboriú que deu ensejo à minha caminhada”.

Balneário Camboriú abriu as portas em 2008 e Josi Alves está devolvendo sua gratidão até os dias de hoje. Dez anos depois, 2018, ela continua colecionando títulos, como vem fazendo no Circuito Mundial da Confederação Internacional de Vôlei de Praia, onde anda frequentando o lugar mais alto do pódio seguidamente. Em junho, em duas semanas, ela e sua parceira, a capixaba Lili Maestrini, levantaram o troféu duas vezes, na China. Hoje ela leva o nome de Balneário Camboriú mundo afora, na condição de única representante catarinense nas etapas mundiais.

Em 2009 Josi entrou definitivamente no cenário nacional do vôlei de praia, quando começou a disputar o Circuito BB com a parceira Leize Bianchini. Depois mudou várias vezes a parceria em nível nacional até fechar com a capixaba Lili no ano passado.

Mas no cenário catarinense, a dupla Josi Alves/Leize Bianchini segue imbatível. Nos Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC) ano passado, a dupla de Balneário Camboriú faturou seu décimo título nesta competição, que é a mais importante do Estado.

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Educação

A comunidade de toda região está convidada para opinar


Eleições

Ele é surdo e por isso conhece as dificuldades enfrentadas por pessoas em situação semelhante 


Eleições

Em entrevista ao Página 3 ele conta que quer ser deputado do empreendedorismo


Saúde

Destaque para o Dia D contra sarampo e polio  


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade