Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Cidade
Prefeitura ficou insatisfeita com serviços dos banheiros químicos

Dimensionamento foi insuficiente para o público esperado

Quarta, 3/1/2018 8:39.
Marlise Schneider Cezar
Fila em banheiro de quiosque, na tarde do dia 29.

Publicidade

A prefeitura de Balneário Camboriú anunciou ontem a intenção de notificar por descumprimento contratual a empresa responsável pela colocação de 250 banheiros químicos na praia central durante a virada o ano.

Alega a administração que a empresa atrasou a colocação e a retirada dos sanitários nos prazos previstos, além de não ter feito a limpeza de manutenção como contratado.

Cálculo insuficiente

A principal deficiência na praia central de Balneário Camboriú são banheiros públicos, existem cerca de 50 nos quiosques.

Durante o feriadão, à tarde, havia filas para usar os sanitários dos quiosques.

A quantidade de 250 banheiros químicos é insuficiente. Somados aos dos quiosques, se metade do anunciado milhão de pessoas que foi à praia na virada quisesse usar e gastasse um minuto, o último da fila teria que esperar 27 horas.

Banheiros químicos são baratos, a prefeitura gastou R$ 24 mil para contratar as 250 unidades.

Mudanças

As deficiências de organização do Réveillon foram anotadas e dentre as propostas para o próximo surgiu a de instalar ilhas de banheiros químicos nas ruas transversais à praia.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Marlise Schneider Cezar
Fila em banheiro de quiosque, na tarde do dia 29.
Fila em banheiro de quiosque, na tarde do dia 29.

Prefeitura ficou insatisfeita com serviços dos banheiros químicos

Dimensionamento foi insuficiente para o público esperado

Publicidade

Quarta, 3/1/2018 8:39.

A prefeitura de Balneário Camboriú anunciou ontem a intenção de notificar por descumprimento contratual a empresa responsável pela colocação de 250 banheiros químicos na praia central durante a virada o ano.

Alega a administração que a empresa atrasou a colocação e a retirada dos sanitários nos prazos previstos, além de não ter feito a limpeza de manutenção como contratado.

Cálculo insuficiente

A principal deficiência na praia central de Balneário Camboriú são banheiros públicos, existem cerca de 50 nos quiosques.

Durante o feriadão, à tarde, havia filas para usar os sanitários dos quiosques.

A quantidade de 250 banheiros químicos é insuficiente. Somados aos dos quiosques, se metade do anunciado milhão de pessoas que foi à praia na virada quisesse usar e gastasse um minuto, o último da fila teria que esperar 27 horas.

Banheiros químicos são baratos, a prefeitura gastou R$ 24 mil para contratar as 250 unidades.

Mudanças

As deficiências de organização do Réveillon foram anotadas e dentre as propostas para o próximo surgiu a de instalar ilhas de banheiros químicos nas ruas transversais à praia.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade