Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Cidade
Baturité e Tedesco, marcas icônicas do turismo da cidade

 #BC54anos

Terça, 24/7/2018 16:55.
Reprodução

Publicidade

Se alguém perguntar aos moradores antigos o que foi mais importante no desenvolvimento de Balneário Camboriú provavelmente a resposta será “vida noturna”, porque os jovens insistiam com seus pais para alugar ou comprar imóveis aqui, onde o verão era mais quente.

 

A Boate e o Rancho do Baturité foram os pontos de verão mais conhecidos nessa região em sua época, mas estavam inseridos num espaço de lazer desenvolvido pela família Tedesco, a Barra Sul, que contava com atrações para todos os gostos e bolsos.

Os Tedesco eram visionários que na década de 1980 tinham um camping hospedando mais veranistas do que a rede hoteleira da cidade.

Também desenvolveram ou alugaram imóveis para alguém empreender minigolfe, restaurantes, boliche, shopping de verão e diversos bares e boates.

O transporte da Barra Sul ficou famoso, o Bondindinho, pertencente aos Tedesco, chegava a andar dobrado de tanto peso e não raro no fim da balada carregava gente surfando no teto de veículo.

Com o tempo e a excepcional valorização imobiliária da Avenida Atlântica o perfil dos empreendimentos na Barra Sul mudou, mas os Tedesco continuaram plantando marcos fundamentais para a cidade.

Construíram o teleférico, desde então o mais importante equipamento turístico da cidade; se associaram a uma empresa existente e profissionalizaram a administração dos passeios de barco e cometeram a façanha de tornar Balneário Camboriú um dos poucos destinos brasileiros para navios de cruzeiros.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Baturité e Tedesco, marcas icônicas do turismo da cidade

Reprodução

Publicidade

Terça, 24/7/2018 16:55.

Se alguém perguntar aos moradores antigos o que foi mais importante no desenvolvimento de Balneário Camboriú provavelmente a resposta será “vida noturna”, porque os jovens insistiam com seus pais para alugar ou comprar imóveis aqui, onde o verão era mais quente.

 

A Boate e o Rancho do Baturité foram os pontos de verão mais conhecidos nessa região em sua época, mas estavam inseridos num espaço de lazer desenvolvido pela família Tedesco, a Barra Sul, que contava com atrações para todos os gostos e bolsos.

Os Tedesco eram visionários que na década de 1980 tinham um camping hospedando mais veranistas do que a rede hoteleira da cidade.

Também desenvolveram ou alugaram imóveis para alguém empreender minigolfe, restaurantes, boliche, shopping de verão e diversos bares e boates.

O transporte da Barra Sul ficou famoso, o Bondindinho, pertencente aos Tedesco, chegava a andar dobrado de tanto peso e não raro no fim da balada carregava gente surfando no teto de veículo.

Com o tempo e a excepcional valorização imobiliária da Avenida Atlântica o perfil dos empreendimentos na Barra Sul mudou, mas os Tedesco continuaram plantando marcos fundamentais para a cidade.

Construíram o teleférico, desde então o mais importante equipamento turístico da cidade; se associaram a uma empresa existente e profissionalizaram a administração dos passeios de barco e cometeram a façanha de tornar Balneário Camboriú um dos poucos destinos brasileiros para navios de cruzeiros.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade