Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Cidade
Fabrício diz que não abre mão de manter a praia de Taquarinhas preservada

Prefeito de Balneário Camboriú avisa que eventual comprador não poderá construir

Quinta, 1/8/2019 9:03.
Rivo Biehl.

Publicidade

O prefeito Fabrício Oliveira disse ontem (31) ao Página 3 que não abrirá mão de manter a praia de Taquarinhas preservada e que eventuais interessados em adquiri-la no leilão que acontecerá amanhã devem ter em conta que não será permitido construir naquela área.

“Não abro mão que seja um santuário ecológico” disse o prefeito a respeito de Taquarinhas que é uma das poucas praias em zona urbana preservadas no país.

Os seis lotes que compõem a praia de Taquarinhas passaram à propriedade da Caixa numa operação nebulosa empréstimo a uma construtora.

Em março, a Caixa pretendia levar os terrenos a leilão por R$ 230 milhões, valor que agora foi reduzido para R$ 87 milhões.

“Não vou desistir, não abro mão, quem comprar terá prejuízo”, finalizou o prefeito


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Rivo Biehl.

Fabrício diz que não abre mão de manter a praia de Taquarinhas preservada

Prefeito de Balneário Camboriú avisa que eventual comprador não poderá construir

Publicidade

Quinta, 1/8/2019 9:03.

O prefeito Fabrício Oliveira disse ontem (31) ao Página 3 que não abrirá mão de manter a praia de Taquarinhas preservada e que eventuais interessados em adquiri-la no leilão que acontecerá amanhã devem ter em conta que não será permitido construir naquela área.

“Não abro mão que seja um santuário ecológico” disse o prefeito a respeito de Taquarinhas que é uma das poucas praias em zona urbana preservadas no país.

Os seis lotes que compõem a praia de Taquarinhas passaram à propriedade da Caixa numa operação nebulosa empréstimo a uma construtora.

Em março, a Caixa pretendia levar os terrenos a leilão por R$ 230 milhões, valor que agora foi reduzido para R$ 87 milhões.

“Não vou desistir, não abro mão, quem comprar terá prejuízo”, finalizou o prefeito


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade