Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Carnaval Balneário Camboriú: 150 agentes de segurança nas ruas por dia no feriado
Divulgação

Quinta, 28/2/2019 9:48.

O comando geral da Polícia Militar anunciou o reforço de 45 policiais, até 50 dependendo do dia, para trabalhar no período do Carnaval, que começa nesta sexta-feira (1) e segue até a próxima terça-feira (5). A programação organizada pela secretaria de Turismo, com desfiles de blocos, escolas de samba, trios elétricos e carnaval infantil está concentrada na beira mar.

O secretário municipal de Segurança, David Queiroz explica que os policiais militares, agentes de trânsito e guardas municipais vão trabalhar em conjunto em pontos chaves da cidade, cobrindo de forma ostensiva para evitar ocorrências criminais.A

A Polícia Civil vai instalar um posto de atendimento na praça Tamandaré, para evitar o deslocamento até a delegacia. “Assim os guardas e policiais ficam na rua, não os perdemos para o trânsito e para os trâmites que ocorrem na delegacia”, diz.

Alguns guardas patrimoniais também vão participar da Operação Carnaval e vai haver um reforço na Central de Monitoramento. Segundo Queiroz, as câmeras têm ajudado a evitar muitos delitos. “Vamos estar com no mínimo 45 guardas municipais por dia nas ruas, chegando a 52 no sábado, mais o apoio dos agentes de trânsito, policiais militares e guardas patrimoniais teremos o número considerável de 150 agentes de segurança por dia trabalhando no Carnaval”, conta.

Queiroz reconhece que o trabalho é intenso e que exige cuidado, pois muitas pessoas vão estar circulando pela Avenida Atlântica, principalmente nos dias de desfile (2 a 4). “Proibimos os quiosques e restaurantes de comercializar bebidas em embalagem de vidro, alguns blocos também contrataram seguranças privados, que nos auxiliam. As grades colocadas para separar o público também ajudam, estamos investindo o máximo em prevenção, procurando evitar que acidentes e crimes aconteçam”, informa.

Trânsito

De sábado (2) a segunda-feira (4), o trânsito na Avenida Atlântica será fechado às 19h30, na altura da Rua 3.000, onde será desviado o trânsito. A concentração dos blocos começa a partir da Rua 2.000, dali seguem até a praça Tamandaré.

A liberação da pista na beira mar vai depender do final dos desfiles, que costumam atrasar. Mas o secretário acredita que na primeira hora da madrugada a avenida seja liberada ao fluxo de veículos. A recomendação é que os motoristas evitem a Atlântica e a região central nessas noites.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Carnaval Balneário Camboriú: 150 agentes de segurança nas ruas por dia no feriado

Divulgação

Publicidade

Quinta, 28/2/2019 9:48.

O comando geral da Polícia Militar anunciou o reforço de 45 policiais, até 50 dependendo do dia, para trabalhar no período do Carnaval, que começa nesta sexta-feira (1) e segue até a próxima terça-feira (5). A programação organizada pela secretaria de Turismo, com desfiles de blocos, escolas de samba, trios elétricos e carnaval infantil está concentrada na beira mar.

O secretário municipal de Segurança, David Queiroz explica que os policiais militares, agentes de trânsito e guardas municipais vão trabalhar em conjunto em pontos chaves da cidade, cobrindo de forma ostensiva para evitar ocorrências criminais.A

A Polícia Civil vai instalar um posto de atendimento na praça Tamandaré, para evitar o deslocamento até a delegacia. “Assim os guardas e policiais ficam na rua, não os perdemos para o trânsito e para os trâmites que ocorrem na delegacia”, diz.

Alguns guardas patrimoniais também vão participar da Operação Carnaval e vai haver um reforço na Central de Monitoramento. Segundo Queiroz, as câmeras têm ajudado a evitar muitos delitos. “Vamos estar com no mínimo 45 guardas municipais por dia nas ruas, chegando a 52 no sábado, mais o apoio dos agentes de trânsito, policiais militares e guardas patrimoniais teremos o número considerável de 150 agentes de segurança por dia trabalhando no Carnaval”, conta.

Queiroz reconhece que o trabalho é intenso e que exige cuidado, pois muitas pessoas vão estar circulando pela Avenida Atlântica, principalmente nos dias de desfile (2 a 4). “Proibimos os quiosques e restaurantes de comercializar bebidas em embalagem de vidro, alguns blocos também contrataram seguranças privados, que nos auxiliam. As grades colocadas para separar o público também ajudam, estamos investindo o máximo em prevenção, procurando evitar que acidentes e crimes aconteçam”, informa.

Trânsito

De sábado (2) a segunda-feira (4), o trânsito na Avenida Atlântica será fechado às 19h30, na altura da Rua 3.000, onde será desviado o trânsito. A concentração dos blocos começa a partir da Rua 2.000, dali seguem até a praça Tamandaré.

A liberação da pista na beira mar vai depender do final dos desfiles, que costumam atrasar. Mas o secretário acredita que na primeira hora da madrugada a avenida seja liberada ao fluxo de veículos. A recomendação é que os motoristas evitem a Atlântica e a região central nessas noites.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade