Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Cidade
Ordem de serviço da base de segurança da região sul de Balneário Camboriú será assinada hoje

Quarta, 10/7/2019 10:02.
Reprodução
Base de segurança da região sul terá estrutura de contêiner, sendo a primeira nesse estilo em Santa Catarina

Publicidade

Um novo conceito de estrutura de segurança será construído no Bairro da Barra, ao lado da passarela, para aproximar ainda mais os agentes de segurança da população. A ordem de serviço será assinada na tarde de hoje (10).

A base de segurança integrada, que será um contêiner de 90m² - sendo a primeira nesse estilo de Santa Catarina, é um investimento do município, que irá custar R$ 334 mil.

A princípio o local será ocupado pela Polícia Militar, mas a ideia é que a Guarda Municipal também o utilize.

O secretário de Segurança de Balneário Camboriú, David Queiroz, explica que a base é um pedido feito anteriormente pelo comando geral da PM de Santa Catarina e que foi atendido pelo prefeito Fabrício Oliveira.

A comunidade da região sul, que engloba o Bairro da Barra e as praias agrestes, também solicitava mais atenção para a segurança do local. A base será construída ao lado da passarela, onde hoje há um ponto de ônibus.

“Vejo com bons olhos, é um investimento total do município, e abre a possibilidade para vir mais efetivo da Polícia Militar para a cidade, além de aprimorar a integração das forças da segurança, já que pretendemos que a Guarda Municipal também utilize a estrutura. O prefeito está demonstrando que realmente se importa e que está investindo para tornar a nossa cidade cada vez mais segura”, diz.

Segundo Queiroz, a estrutura será grande, contando inclusive com um parquinho infantil na parte de trás da base. Ela será um modelo, sendo a primeira nesse estilo em Santa Catarina.

“Após a assinatura da ordem de serviço, tende a ser algo rápido. Até a temporada de verão deverá estar tudo pronto”, acrescenta.

O secretário antecipa que a princípio o local será ocupado somente pela PM e pela Guarda, mas que estudam a participação da Polícia Civil também.

Polícia Militar

O comandante do 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Balneário Camboriú, Tenente-Coronel Alexandre Coelho, diz que a princípio a base será ocupada somente pela PM, já que o acordo foi firmado entre a prefeitura e o comando geral da corporação.

“Temos que analisar a estrutura para saber se será possível o uso compartilhado com a Guarda Municipal, mas os guardas serão sempre muito bem-vindos, assim como eles nos recebem na praça Tamandaré e no Pontal Norte. A cooperação e esse trabalho conjunto que estamos realizando têm sido muito bons, um sucesso total”, acrescenta.

Coelho afirma que a escolha do local onde a base será instalada foi ‘estratégico’, já que fica próximo do Rio Camboriú, atende o Bairro da Barra e também possibilita um fácil acesso às praias agrestes.

“Sem dúvidas vai nos auxiliar e conseguiremos fazer mais operações e rondas por aquela localidade. A intenção é que haja PM na base 24h por dia”, finaliza. 


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Ordem de serviço da base de segurança da região sul de Balneário Camboriú será assinada hoje

Reprodução
Base de segurança da região sul terá estrutura de contêiner, sendo a primeira nesse estilo em Santa Catarina
Base de segurança da região sul terá estrutura de contêiner, sendo a primeira nesse estilo em Santa Catarina

Publicidade

Quarta, 10/7/2019 10:02.

Um novo conceito de estrutura de segurança será construído no Bairro da Barra, ao lado da passarela, para aproximar ainda mais os agentes de segurança da população. A ordem de serviço será assinada na tarde de hoje (10).

A base de segurança integrada, que será um contêiner de 90m² - sendo a primeira nesse estilo de Santa Catarina, é um investimento do município, que irá custar R$ 334 mil.

A princípio o local será ocupado pela Polícia Militar, mas a ideia é que a Guarda Municipal também o utilize.

O secretário de Segurança de Balneário Camboriú, David Queiroz, explica que a base é um pedido feito anteriormente pelo comando geral da PM de Santa Catarina e que foi atendido pelo prefeito Fabrício Oliveira.

A comunidade da região sul, que engloba o Bairro da Barra e as praias agrestes, também solicitava mais atenção para a segurança do local. A base será construída ao lado da passarela, onde hoje há um ponto de ônibus.

“Vejo com bons olhos, é um investimento total do município, e abre a possibilidade para vir mais efetivo da Polícia Militar para a cidade, além de aprimorar a integração das forças da segurança, já que pretendemos que a Guarda Municipal também utilize a estrutura. O prefeito está demonstrando que realmente se importa e que está investindo para tornar a nossa cidade cada vez mais segura”, diz.

Segundo Queiroz, a estrutura será grande, contando inclusive com um parquinho infantil na parte de trás da base. Ela será um modelo, sendo a primeira nesse estilo em Santa Catarina.

“Após a assinatura da ordem de serviço, tende a ser algo rápido. Até a temporada de verão deverá estar tudo pronto”, acrescenta.

O secretário antecipa que a princípio o local será ocupado somente pela PM e pela Guarda, mas que estudam a participação da Polícia Civil também.

Polícia Militar

O comandante do 12º Batalhão de Polícia Militar (BPM) de Balneário Camboriú, Tenente-Coronel Alexandre Coelho, diz que a princípio a base será ocupada somente pela PM, já que o acordo foi firmado entre a prefeitura e o comando geral da corporação.

“Temos que analisar a estrutura para saber se será possível o uso compartilhado com a Guarda Municipal, mas os guardas serão sempre muito bem-vindos, assim como eles nos recebem na praça Tamandaré e no Pontal Norte. A cooperação e esse trabalho conjunto que estamos realizando têm sido muito bons, um sucesso total”, acrescenta.

Coelho afirma que a escolha do local onde a base será instalada foi ‘estratégico’, já que fica próximo do Rio Camboriú, atende o Bairro da Barra e também possibilita um fácil acesso às praias agrestes.

“Sem dúvidas vai nos auxiliar e conseguiremos fazer mais operações e rondas por aquela localidade. A intenção é que haja PM na base 24h por dia”, finaliza. 


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade