Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Programa Bandeira Azul foi cumprido com sucesso em Balneário Camboriú
Divulgação

Segunda, 18/3/2019 8:16.

A temporada de verão 2018/19 do Programa Bandeira Azul nas praias do Estaleiro e Estaleirinho, deveria terminar oficialmente na última sexta-feira (15), após 90 dias de funcionamento. No entanto, a pedido de associações de moradores, comerciantes e donos de pousadas, as bandeiras continuarão hasteadas até a Páscoa.

“Trata-se de mais uma conquista que devemos comemorar junto com o sucesso que foi o programa nesta temporada. Toda a infra-estrutura exigida, inclusive a manutenção dos salva-vidas, seguirá até o feriado de Páscoa”, disse o secretário do Meio Ambiente, Ike Gevaerd.

Como funciona

O encerramento oficial após 90 dias deve-se ao fato de que praias com temporada de verão trimestral devem hastear a bandeira somente neste período, uma vez que a certificação deve estar compatível com os serviços de segurança das praias desenvolvido pelo Corpo de Bombeiros Militar. ‘Descer’ a Bandeira Azul após a temporada de verão, quando reduz o movimento de turistas e acaba a atuação dos salva-vidas, é praxe em todas as praias da região sul.

É uma espécie de ‘recesso’ do programa, mas o credenciamento está mantido e durante este período as ‘obrigações’ continuam para que no final do ano, quando inicia a nova temporada, as bandeiras sejam novamente hasteadas.

A etapa inicial

Segundo Ike Gevaerd a primeira etapa do programa foi uma vitória porque todos os objetivos foram alcançados.

“Ficamos os três meses sem nunca baixar a bandeira. Depois da Páscoa, as praias do Estaleiro e Estaleirinho continuam certificadas e a Bandeira será novamente hasteada na temporada 2019/2020. As análises de água que comprovam a excelente balneabilidade das praias continuarão a ser feitas e o projeto ambiental ‘Consciência na Praia’ permanecerá até o feriado de Páscoa”, disse Gevaerd.

Continuidade do programa

O secretário informou que ainda neste mês será iniciada a construção de um posto guarda vidas na praia do Estaleiro e neste ano, deverão ser investidos cerca de R$ 800 mil na manutenção e implantação de novas infraestruturas de acordo com projeto arquitetônico já elaborado.

“Esta verba é fruto do TAC Icon/Icad celebrado entre a prefeitura, MPSC e construtoras. Outros critérios continuarão sendo atendidos durante o ano, com vista ao hasteamento da Bandeira no verão 2019/2020”, segue o secretário.

Gevaerd disse que a manutenção da Bandeira hasteada durante esta temporada e o prolongamento até a Páscoa, aconteceu graças ao apoio recebido.

“É preciso destacar o apoio da comunidade, das associações de moradores, comerciantes e empresários e das equipes da secretaria de Obras, Emasa e Semam, cujo esforço coletivo foi responsável pela conquista da certificação e reconhecimento internacional de qualidade ambiental das praias do Estaleiro e Estaleirinho”, enfatizou Gevaerd.

Workshop Nacional

Balneário Camboriú será sede do XII Workshop Nacional do Programa Bandeira Azul, no mês de maio, onde acontecerão trocas de experiências e esclarecimentos sobre a temporada 2019/2020. 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Cidade


Geral

É a primeira visita de um alto funcionário do governo Bolsonato à cidade 


Política

Ele cometeu o sacrilégio de congelar preços, José Sarney não faria melhor.


Cidade

Serviço de coleta especial será triplicado e permanente em toda a cidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Programa Bandeira Azul foi cumprido com sucesso em Balneário Camboriú

Divulgação

Publicidade

Segunda, 18/3/2019 8:16.

A temporada de verão 2018/19 do Programa Bandeira Azul nas praias do Estaleiro e Estaleirinho, deveria terminar oficialmente na última sexta-feira (15), após 90 dias de funcionamento. No entanto, a pedido de associações de moradores, comerciantes e donos de pousadas, as bandeiras continuarão hasteadas até a Páscoa.

“Trata-se de mais uma conquista que devemos comemorar junto com o sucesso que foi o programa nesta temporada. Toda a infra-estrutura exigida, inclusive a manutenção dos salva-vidas, seguirá até o feriado de Páscoa”, disse o secretário do Meio Ambiente, Ike Gevaerd.

Como funciona

O encerramento oficial após 90 dias deve-se ao fato de que praias com temporada de verão trimestral devem hastear a bandeira somente neste período, uma vez que a certificação deve estar compatível com os serviços de segurança das praias desenvolvido pelo Corpo de Bombeiros Militar. ‘Descer’ a Bandeira Azul após a temporada de verão, quando reduz o movimento de turistas e acaba a atuação dos salva-vidas, é praxe em todas as praias da região sul.

É uma espécie de ‘recesso’ do programa, mas o credenciamento está mantido e durante este período as ‘obrigações’ continuam para que no final do ano, quando inicia a nova temporada, as bandeiras sejam novamente hasteadas.

A etapa inicial

Segundo Ike Gevaerd a primeira etapa do programa foi uma vitória porque todos os objetivos foram alcançados.

“Ficamos os três meses sem nunca baixar a bandeira. Depois da Páscoa, as praias do Estaleiro e Estaleirinho continuam certificadas e a Bandeira será novamente hasteada na temporada 2019/2020. As análises de água que comprovam a excelente balneabilidade das praias continuarão a ser feitas e o projeto ambiental ‘Consciência na Praia’ permanecerá até o feriado de Páscoa”, disse Gevaerd.

Continuidade do programa

O secretário informou que ainda neste mês será iniciada a construção de um posto guarda vidas na praia do Estaleiro e neste ano, deverão ser investidos cerca de R$ 800 mil na manutenção e implantação de novas infraestruturas de acordo com projeto arquitetônico já elaborado.

“Esta verba é fruto do TAC Icon/Icad celebrado entre a prefeitura, MPSC e construtoras. Outros critérios continuarão sendo atendidos durante o ano, com vista ao hasteamento da Bandeira no verão 2019/2020”, segue o secretário.

Gevaerd disse que a manutenção da Bandeira hasteada durante esta temporada e o prolongamento até a Páscoa, aconteceu graças ao apoio recebido.

“É preciso destacar o apoio da comunidade, das associações de moradores, comerciantes e empresários e das equipes da secretaria de Obras, Emasa e Semam, cujo esforço coletivo foi responsável pela conquista da certificação e reconhecimento internacional de qualidade ambiental das praias do Estaleiro e Estaleirinho”, enfatizou Gevaerd.

Workshop Nacional

Balneário Camboriú será sede do XII Workshop Nacional do Programa Bandeira Azul, no mês de maio, onde acontecerão trocas de experiências e esclarecimentos sobre a temporada 2019/2020. 

Publicidade

Publicidade