Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Cidade
Estacionamento Rotativo amplia período de testes

"Isso está acontecendo por causa das chuvas que atrapalharam a pintura e a demarcação de vagas”

Quinta, 31/10/2019 14:04.
Divulgação/PMBC
Rotativo em Balneário Camboriú

Publicidade

O gestor do Fundo Municipal de Trânsito (Fumtran) Fernando Marchiori anunciou que a cobrança do estacionamento rotativo foi prorrogado, ao invés de iniciar no próximo dia 5, começará somente no dia 12.

“Isso está acontecendo por causa das chuvas que atrapalharam a pintura e a demarcação de vagas”, justificou.

Segundo Marchiori, das 2.800 vagas, 1.700 estão sinalizadas, incluso as 800 vagas já numeradas, disponíveis para uso na região central. Dia 12 o sistema começa a funcionar integralmente com todas as vagas previstas, sendo 2.350 para carros e outras 450 para motos.

Os motoristas irão pagar R$ 2 por hora e motociclistas, R$ 1, sendo permitido o fracionamento conforme o tempo de uso por minuto, pagando somente pelo tempo utilizado. No parquímetro, as frações são determinadas de acordo com o valor das moedas colocadas, por exemplo, se colocar 50 centavos serão creditados 15 minutos nas vagas de carro. As moedas aceitas no parquímetros são de 5,10,25,50 centavos e 1 real.

Informações - secretaria de Segurança (47) 3263-0190


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação/PMBC
Rotativo em Balneário Camboriú
Rotativo em Balneário Camboriú

Estacionamento Rotativo amplia período de testes

"Isso está acontecendo por causa das chuvas que atrapalharam a pintura e a demarcação de vagas”

Publicidade

Quinta, 31/10/2019 14:04.

O gestor do Fundo Municipal de Trânsito (Fumtran) Fernando Marchiori anunciou que a cobrança do estacionamento rotativo foi prorrogado, ao invés de iniciar no próximo dia 5, começará somente no dia 12.

“Isso está acontecendo por causa das chuvas que atrapalharam a pintura e a demarcação de vagas”, justificou.

Segundo Marchiori, das 2.800 vagas, 1.700 estão sinalizadas, incluso as 800 vagas já numeradas, disponíveis para uso na região central. Dia 12 o sistema começa a funcionar integralmente com todas as vagas previstas, sendo 2.350 para carros e outras 450 para motos.

Os motoristas irão pagar R$ 2 por hora e motociclistas, R$ 1, sendo permitido o fracionamento conforme o tempo de uso por minuto, pagando somente pelo tempo utilizado. No parquímetro, as frações são determinadas de acordo com o valor das moedas colocadas, por exemplo, se colocar 50 centavos serão creditados 15 minutos nas vagas de carro. As moedas aceitas no parquímetros são de 5,10,25,50 centavos e 1 real.

Informações - secretaria de Segurança (47) 3263-0190


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade