Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Cidade
Deslocamento de adutoras na obra do Elevado da Quarta Avenida será feito em duas etapas

Terça, 7/7/2020 17:32.
Camila Werner

Publicidade

A Empresa Municipal de Água e Saneamento (Emasa) planeja concluir nesta semana a primeira etapa do deslocamento de duas redes adutoras, para a obra do Elevado da Quarta Avenida. Esta etapa começou semana passada, mas não gera problemas no abastecimento.

Estas redes interligam a Estação de Tratamento de Água (ETA) ao reservatório R1, que abastece a região central. A obra consiste em executar duas novas adutoras – uma DN 400 e outra DN 700 – para substituir as existentes, que estão no trecho da pista que será rebaixada.

O engenheiro sanitarista do departamento de Manutenção de Água, Felippo Ferreira Brognoli explicou que nesta etapa são executadas as adutoras no trecho onde será o elevado, liberando para sua construção.

Segundo o engenheiro, a segunda etapa do deslocamento das adutoras, vai acontecer após executarem a pista no morro (sentido leste-oeste) e o trânsito ser liberado por lá e interrompido na Avenida do Estado para conclusão das novas adutoras.

O Elevado

O Elevado da Quarta Avenida terá quatro pistas para o trânsito de veículos, ciclovia protegida, calçadas com acessibilidade e uma área de urbanização com 15 mil m² em seu entorno, com parquinho, praça, dog park, espaço para ginástica e mobiliários urbanos.

A obra vai melhorar o trânsito no local e acabar com o congestionamento na rótula atual, que faz a ligação entre Avenida do Estado e a Quarta Avenida.

Informações: Emasa (47) 3261-0000


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Camila Werner

Deslocamento de adutoras na obra do Elevado da Quarta Avenida será feito em duas etapas

Publicidade

Terça, 7/7/2020 17:32.

A Empresa Municipal de Água e Saneamento (Emasa) planeja concluir nesta semana a primeira etapa do deslocamento de duas redes adutoras, para a obra do Elevado da Quarta Avenida. Esta etapa começou semana passada, mas não gera problemas no abastecimento.

Estas redes interligam a Estação de Tratamento de Água (ETA) ao reservatório R1, que abastece a região central. A obra consiste em executar duas novas adutoras – uma DN 400 e outra DN 700 – para substituir as existentes, que estão no trecho da pista que será rebaixada.

O engenheiro sanitarista do departamento de Manutenção de Água, Felippo Ferreira Brognoli explicou que nesta etapa são executadas as adutoras no trecho onde será o elevado, liberando para sua construção.

Segundo o engenheiro, a segunda etapa do deslocamento das adutoras, vai acontecer após executarem a pista no morro (sentido leste-oeste) e o trânsito ser liberado por lá e interrompido na Avenida do Estado para conclusão das novas adutoras.

O Elevado

O Elevado da Quarta Avenida terá quatro pistas para o trânsito de veículos, ciclovia protegida, calçadas com acessibilidade e uma área de urbanização com 15 mil m² em seu entorno, com parquinho, praça, dog park, espaço para ginástica e mobiliários urbanos.

A obra vai melhorar o trânsito no local e acabar com o congestionamento na rótula atual, que faz a ligação entre Avenida do Estado e a Quarta Avenida.

Informações: Emasa (47) 3261-0000


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade