Jornal Página 3
Coluna
ALBC Ecos Literários
Por Academia de Letras

Poesia em trovas

O meu peito tem a chama,
minha voz muda de tom;
sabe disso só quem ama
pois amor é muito bom.
Tamara Kaufmann

À noite vou namorar
da lua já nem preciso,
só quero o teu lindo olhar
atiçando o meu sorriso.
Ari Santos de Campos

Ser feliz eu me propus
e segui esta verdade:
quem semeia a própria luz
colhe sempre claridade.
Eliana Jimenez

Qual boca sensual, a onda
beija as areias da praia.
Ao final de cada ronda
volta ao seu leito... e desmaia.
Maria Luiza Walendowsky (membro correspondente)


Sem limites são as metas
para as livres criaturas...
Veja as águias e os poetas
como planam nas alturas!
A. A. de Assis (membro correspondente)

Escrito por Academia de Letras, 20/08/2018 às 15h29 | elianarjz@gmail.com



Academia de Letras

Assina a coluna ALBC Ecos Literários














Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br

Página 3
ALBC Ecos Literários
Por Academia de Letras

Poesia em trovas

O meu peito tem a chama,
minha voz muda de tom;
sabe disso só quem ama
pois amor é muito bom.
Tamara Kaufmann

À noite vou namorar
da lua já nem preciso,
só quero o teu lindo olhar
atiçando o meu sorriso.
Ari Santos de Campos

Ser feliz eu me propus
e segui esta verdade:
quem semeia a própria luz
colhe sempre claridade.
Eliana Jimenez

Qual boca sensual, a onda
beija as areias da praia.
Ao final de cada ronda
volta ao seu leito... e desmaia.
Maria Luiza Walendowsky (membro correspondente)


Sem limites são as metas
para as livres criaturas...
Veja as águias e os poetas
como planam nas alturas!
A. A. de Assis (membro correspondente)

Escrito por Academia de Letras, 20/08/2018 às 15h29 | elianarjz@gmail.com



Academia de Letras

Assina a coluna ALBC Ecos Literários