Jornal Página 3
Coluna
Bem Temperada
Por Fernanda Schneider

Caldo verde da tia!

Esses dias comi um caldo verde da Tia Marilene, mãe de uma amiga, que cozinha de olhos fechados! Segue a receita, fácil de fazer, gordinha e deliciosa!


Para quatro pessoas você vai precisar de cinco batatas grandes, dois maços de couve, dois paios e duas linguiças calabresa sem pele.

Faz assim: Descasca e cozinha as batatas num litro de água, amassa parte dessas batatas cozidas (deixe uns pedaços mais inteiros), e acrescenta a lingüiça e o paio cortados em fatias. Deixa essas carnes cozinharem com as batatas, um fio de azeite e sal e finaliza com a couve cortada em tiras finas. Mas só dá um susto na couve! Coloca na panela e dois, três minutos depois, desliga o fogo. Assim ela não deixa o caldo amargo e nem perde os nutrientes, que são vários.

Bom demais, melhor ainda se for servido com um pãozinho de aipim cortadinho e refogado no azeite com alho. Nham! 

 

 

 

Escrito por Fernanda Schneider, 23/06/2015 às 14h57 | fernanda@pagina3.com.br

publicidade

Chocolate quente com leite de côco

Você vai precisar de leite de côco, cacau em pó e para adoçar açúcar de côco (mais saudável e mais caro) ou açúcar demerara, mel ou melado. Você escolhe. Simples e prático. Aquece o leite de côco, mistura o cacau e o que quiser para adoçar. O contraste do leite de côco com o cacau fica delicioso. A consistência é grossinha, se você quiser mais fino, dilui com um pouco de água.

Por cima, bastante canela, of course.

PS 1 - Se escolheu adoçar com açúcar, derrete ele com o cacau um pouco e despeja o leite de côco quente por cima. 

PS – O leite de côco é rico em antioxidantes, possui propriedades contra fungos, vírus e bactérias e se usado com regularidade, a gente sente os efeitos saudáveis na pele!


 

Escrito por Fernanda Schneider, 18/06/2015 às 14h56 | fernanda@pagina3.com.br

publicidade

Creme de abóbora com gengibre!

 

 

 

Esse friozinho está perfeito para um creme de abóbora! Rápido, facílimo e nutritivo.

Cozinhe meia abóbora Hokkaido (ou japonesa) durante uns 10 minutos na panela de pressão ou tempo suficiente para ela amolecer. Eu sugiro lavar bem e cozinhar com a casca mesmo, porque ela é bastante dura para descascar enquanto crua.

Quando estiver bem molinha, leve ao liquidificador com uma pitada de sal e lascas generosas de gengibre, juntando a água do cozimento até achar o ponto que você prefere, mais consistente ou mais fina.  Acrescente um fio de azeite e sirva com pedaços de pães adormecidos refogados no alho e orégano. Nham!


PS para os fãs de creme de leite - Volte a mistura do liquidificador para a panela, aqueça bem, desligue o fogo e acrescente duas colheres de sopa de creme de leite fresco. Uma variação mais saudável é substituir o creme de leite pelo leite de côco. Recomendo!

PS 2 – Gengibre é anti inflamatório, analgésico, bom para azia, enjôo, prevenir e tratar gripes. A abóbora é rica em carotenóides, antioxidantes que previnem contra o envelhecimento precoce e alguns tipos de câncer, doenças do coração e aumentam a imunidade.

Ela contém muitas fibras e poucas calorias, ou seja, não engorda mas sacia. Delícia né?

 

Escrito por Fernanda Schneider, 16/06/2015 às 17h44 | fernanda@pagina3.com.br

publicidade

Leia os rótulos!

 

 

 A indústria alimentícia enche as prateleiras de cores e designs bonitos para agradar os olhos dos consumidores. Mas, você costuma ler os rótulos do que consome?

Então aí vai uma dica importante: os ingredientes estão definidos em forma decrescente, de acordo com a quantidade que o produto possui. Por exemplo, se você compra uma bolacha e o primeiro ingrediente é o açúcar, significa que há excesso de açúcar. Não importa se ele tem vitaminas, porque o açúcar é o que prevalece naquele alimento.

Alimento?
Alimento a gente faz em casa, comida de verdade. Ao invés de sopa pronta, vá à feira, ao invés do leite de caixinha (será que é leite mesmo?), compre amêndoas ou aveia e faça um leite em casa... Ao invés de refrigerante, uma água com gás e suco de uva concentrado e por aí vai. São pequenas substituições importantes.

Se você não tem tempo, tire seu dia de folga/ final de semana e faça pratos congelados caseiros. Se você não tem um dia de folga, repense sobre o que está fazendo da sua vida. E se você for consumir os industrializados, pelo menos leia antes de comprar.

A maioria do que vendem por aí, com rótulos extensos, letras pequeninhas e um monte de palavras que a gente não entende, dá doença. Seja física ou emocional, pode apostar, uma hora a conta chega.

 

Escrito por Fernanda Schneider, 12/06/2015 às 11h24 | fernanda@pagina3.com.br

publicidade

Coxa e sobrecoxa ao invés de peito!

Você aí, já deve ter ouvido dizer que o peito é a parte mais saudável do frango. Se for o frango convencional, não é!


Na verdade, o mais saudável seria se consumíssemos o frango orgânico ou caipira, livre de hormônios e outros produtos químicos. Se não for possível (é bem mais caro e a vigilância anda proibindo frango caipira), prefira a coxa e a sobrecoxa do frango convencional. O peito, nesse caso, recebe uma substância com sódio para ficar maior, o que para o nosso corpo é um verdadeiro veneninho.

Sobrecoxa com alecrim, azeite e alho
Tempere a sobrecoxa com bastante alecrim, pitada de sal, azeite de oliva e alho em lascas. Eu calculo duas por pessoa. Se tiver com tempo, deixe marinar por uns 40 minutos, fica mais saboroso. Leve ao forno pré aquecido a 180º, por cerca de meia hora ou até ficar bem douradinho. Fica uma delicia servir com arroz integral e uma salada verde. O alecrim é super digestivo! 

PS chatinho – Sabe aquela raspinha preta que fica quando assamos e/ou grelhamos uma carne ou até um vegetal? Delícia né?

É cancerígena!

Toda a raspinha carbonizada do alimento libera uma substância tóxica e cancerígena para o nosso organismo. Melhor então, dispensar... :(

 

Escrito por Fernanda Schneider, 11/06/2015 às 14h29 | fernanda@pagina3.com.br

publicidade

Café faz mal?

 Fiz uma pequena pausa para o café e tive a idéia de escrever sobre.

Muitos profissionais da área médica e nutricional dizem que o café faz mal, outros defendem a bebida, com uso moderado, of course. Estudos recentes apontam benefícios do café para prevenir problemas cardíacos, reduzir nível de açúcar no sangue e combater diabetes.

Além da cafeína, a bebida possui sais minerais ferro, sódio, zinco, cobre, magnésio, vitaminas do complexo B, aminoácidos (cisteína, tirosina, valina), lipídios (ácidos graxos livres e triglicerídeos) e açúcares (sucrose, glicose, frutose) e polifenóis (antioxidantes que combatem o envelhecimento das células).


De fato, se você sofre de ansiedade, insônia, problemas de irritação no estômago, osteoporose avançada, ou alergia à cafeína, é prudente evitar.  Mas se não é seu caso, bote fé no café!

 

 

Escrito por Fernanda Schneider, 03/06/2015 às 17h05 | fernanda@pagina3.com.br

publicidade





publicidade



1 2 3 4

Fernanda Schneider

Assina a coluna Bem Temperada
















Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br