Jornal Página 3
Coluna
CINERAMA BC
Por André Gevaerd

Orquestra DSO lança concurso de curta-metragens no Brasil

Antecipando turnê sul-americana, orquestra berlinense convida cineastas a conectar a mobilidade atual ao universo musical de Beethoven. A premiação será em maio, em concerto com DSO e Orquestra Jovem de São Paulo.

Beethoven é uma das poucas grandezas absolutas da cultura ocidental: gênio, revolucionário, titã da música, incontestavelmente moderno. No entanto, como chegam, hoje, as suas composições aos ouvidos brasileiros, em especial aos dos jovens?
A partir dessa pergunta, a Deutsches Symphonie-Orchester (DSO), de Berlim, está lançando um concurso de curta-metragens sob o mote Music on the Road – Música na estrada. A iniciativa acompanha a turnê da orquestra pela América do Sul, em maio de 2012.
A concepção do concurso é inusitada: pela internet, os cineastas interessados têm acesso a alguns breves trechos da Sinfonia nº 6, "Pastoral". O convite é para que se "apossem" de Beethoven, estando livres para combinar e sobrepor os fragmentos, editá-los, remixá-los. E utilizá-los como trilha sonora de um curta-metragem em torno do tema "Música na estrada".
 
 

 

 

 

Informações em http://www.dw.de/dw/article/0,,15854419,00.html

Escrito por André Gevaerd, 17/04/2012 às 14h56 | andre@cineramabc.com

E que venha o terceiro!

De 4 a 8 de Abril aconteceu o 2º Cinerama.BC – Festival Internacional de Cinema em Balneário Camboriú. Uma equipe pequena e especial trabalhou durante os cinco meses entre a primeira e a segunda edição. O festival durou cinco dias de intenso trabalho e dedicação total tendo como resultado um boa realização do evento.

Grandes desafios foram realizados em 2012. Na parte da produção triplicando o número de profissionais e personalidades do cinema (e incluindo convidados internacionais) e realizando duas sessões gratuitas, uma delas para o público infantil. Na curadoria mantendo o nível da primeira edição e o interesse com filmes inscritos, e pela primeira vez premiando através de um júri especializado os filmes da Seleção Oficial.

Os convidados foram só elogios e agradeceram ao espaço de criação oferecido para eles, todos trocaram experiência entre si e com o público intensamente e alguns tornaram-se grandes amigos.

Além da presença na sessão do filme infantil “Uma Professora Muito Maluquinha", as crianças acabaram indo também na outra sessão gratuita do Cinerama.BC, onde foi exibido o filme "O Mundo em Duas Voltas", documentário sobre uma família que dá a volta ao mundo em um barco á vela. O filme é dirigido pelo catarinense David Schurmann, homenageado da Mostra Catarina e que esteve presente após a sessão para debater sobre o filme e a experiência, o que envolveu todos na sala, inclusive as ?crianças, entre as quais muitas estavam dentro de um cinema pela primeira vez.

Recebemos inscritos 261 curtas-metragens, 100 filmes de novas mídias e 120 longas-metragens, todos de diversas partes do mundo. Foram selecionados 14 filmes de novas mídias, 5 curtas catarinenses, 1 longa-metragem catarinense, 1 longa-metragem infantil, 6 curtas-metragens internacionais inéditos e 6 longas-metragens internacionais inéditos.

O júri discutiu bastante (positivamente) para chegar aos prêmios que foram entregues por eles aos vencedores na Cerimônia de Encerramento. Tivemos um juri para curtas-metragens e outro para longas. Em resumo o 2º Cinerama.BC foi repleto de quem realmente gosta e faz cinema. Esperamos todos mais uma vez na primeira quinzena de Abril do ano que vem.

Escrito por Barbara Sturm, 13/04/2012 às 15h51 | barbara@cineramabc.com

9º Festival de Cinema de Maringá

Festival já registra grande procura por inscrições. 

A organização do 9º Festival de Cinema de Maringá está comemorando o sucesso das inscrições para o evento, que continuam abertas até o dia 14 de abril, pelo site www.festcinemaringa.com.br  

Já se inscreveram produções do Paraná, Minas Gerais, Piauí, Roraima, Amazonas, Ceará, Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, Alagoas, Bahia,  Mato Grosso,Rio Grande do Norte, Maranhão, Espírito Santo, Paraíba e Distrito Federal.   

Segundo os organizadores do evento, Pery de Canti e Inez Petri, muito mais filmes são esperados para esta edição, superando o recorde que foi registrado no ano passado quando 295 filmes se inscreveram para a mostra competitiva. Podem participar  filmes 35mm e Digital, Longas-Metragens e Curtas-Metragens Ficção, Animação, Documentários e Experimental. 
 

Os interessados em inscrever seus filmes para o festival podem preencher a ficha de inscrição, onde também consta o regulamento do evento. O festival nesta edição será realizado, entre os dias quatro e 11 de Junho.  

Para este ano, o tema do Festival contemplará o centenário de um dos mais importantes atores do cinema, Amácio Mazzaropi – o Mazzaropi, referendando o cinema caipira brasileiro, que contará com uma Mostra de filmes deste genial ator tipicamente tupiniquim.  

O Festival de Cinema de Maringá conta com o patrocínio âncora da Viapar, através da Lei Rouanet de incentivo a cultura, do Ministério da Cultura e da Copel (via Lei Rouanet), companhia de Energia Elétrica do Paraná, através do Edital do Conta Cultura 2ª edição da SEEC/PR – Secretaria Estadual de Cultura do Paraná, e apoio cultural do Ministério da Cultura, - MinC, da Secretaria do Audiovisual – SAV e do Conselho Nacional de Incentivo a Cultura – CNIC. 


Podem participar  filmes 35mm e Digital, Longas-Metragens e Curtas-Metragens Ficção, Animação, Documentários e Experimental. Os interessados em inscrever seus filmes para o festival podem acessar o site  www.festcinemaringa.com.br

 e preencher a ficha de inscrição, onde também consta o regulamento do evento. O festival nesta edição será realizado, entre os dias quatro e 11 de Junho.

Prazo para Inscrições –14 de abril de 2012

Escrito por André Gevaerd, 30/03/2012 às 11h32 | andre@cineramabc.com

Olhar, Ver, Gravar: Um olho na câmera, outro na cena

 Estão abertas inscrições para a oficina com Carlos Ebert que acontecerá em Jaraguá do Sul no Teatro da SCAR. Vagas limitadas.

 
Para mais informações [email protected]
*Associados da cinemateca terão 10% de desconto.
 
 
Escrito por André Gevaerd, 28/03/2012 às 11h00 | andre@cineramabc.com

Cine enConstrucción premia filmes em fase de finalização

 Seis filmes latino-americanos de longa-metragem foram selecionados para participar da 21ª edição do Cine enConstrucción (iniciativa dos festivais de San Sebastián e de Toulouse), que acontecerá entre os dias 29 e 30 de março durante a 24ª edição do Festival Cinema Latino - Rencontrés de Toulouse.

Entre os 150 filmes enviados para a seleção, apenas um brasileiro – ‘CORES’, dirigido por Francisco Garcia – foi selecionado para o evento. O filmetem produção e montagem assinadas pelo cineasta catarinense André Gevaerd que estará presente no festival junto do diretor, ondeacompanharão a projeção do filme pela primeira vez em tela grande,para um público formado por profissionais, investidores e cinéfilos.

O filme vencedor do prêmioterá seus custos de finalização bancados pelo Cine enConstrucción. Além disso, os filmes selecionados terão alguns prêmios extras, como a edição de som do título no valor de 15 mil euros pela MAC’TARI; a tradução (francês e inglês) e legendagem pela TITRA TVS e a distribuição pela EUROPA DISTRIBUTION INTERNATIONAL.

‘CORES’ é uma história de amizade e desilusão entre três jovens amigos em uma grande metrópole (no caso São Paulo). Por um momento se tem a impressão de que as coisas podem mudar, mas o sentido da vida se perde em tempos onde "tudo que é sólido se desmancha no ar".

Escrito por Barbara Sturm, 26/03/2012 às 11h23 | barbara@cineramabc.com

Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis participa do BUFF Festival, na Suécia

Pelo 4º ano consecutivo, a Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis participa do BUFF Film Festival, que ocorre entre os dias 14 e 17 de março, em Malmo, na Suécia. A parceria entre os dois festivais possibilita a produtores brasileiros participarem do Fórum de Financiamento do Festival, em busca de coprodução internacional com o norte europeu. O Pitching que seleciona os projetos de longa-metragem nacionais participantes é realizado desde o ano passado pela Mostra em conjunto com o FICI – Festival Internacional de Cinema Infantil, no Rio de Janeiro.
Já passaram pelo Fórum de Financiamento sueco os projetos dos filmes Eu e Meu Guarda Chuva, de Toni Vanzolini, Conspiração Filmes; As Aventuras do Avião Vermelho, de Frederico Pinto e José Maia, Armazém de Imagens; O Menino no Espelho, de Guilherme Fiúza, Camisa Listrada Produções; e Tainá 3, de Rosane Svartman, Sincrocine. Neste ano, o projeto que participará do evento é o do longa de animação Tarsilinha, inspirado na artista brasileira Tarsila do Amaral, com realização da TV PinGuin.
 

A delegação brasileira na Suécia tem o apoio do Ministério das Relações Exteriores, do Governo do Brasil e é composta por Célia Catunda, da TV PinGuin, RosaneSvartman, diretora dos filmes Tainá 3 e Desenrola, Virgínia Limberger, produtora da Sincrocine e Luiza Lins, diretora da Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis. O grupo apresentará o seminário Olá Brasil, sobre a produção e a direção de cinema voltado para crianças, além das políticas públicas existentes no Brasil para o setor.

A parceria do Brasil com a Suécia vem crescendo anualmente, e de acordo com Luiza Lins a ideia é que exista um acordo de coprodução entre os dois países. “O cinema infantil brasileiro precisa de mais ações efetivas para deslanchar, e a parceria com um país onde 25% do valor investido no cinema vai para as produções indicadas para o público infantil, pode ajudar muito”, enfatiza. Segundo Annette Brejner, diretora do Fórum, a Suécia tem interesse em conhecer melhor a diversidade cultural brasileira e deseja entrar neste mercado, que considera promissor.

 

Escrito por André Gevaerd, 12/03/2012 às 14h18 | andre@cineramabc.com



23 24 25 26 27 28 29 30 31

André Gevaerd

Assina a coluna CINERAMA BC

Nasceu em Balneário Camboriú, resolveu fazer cinema, mudou-se para São Paulo, fez muitos filmes, voltou para Balneário. Continua fazendo filmes. Diretor do Festival CinemaramaBC e idealizador da sala de cinema e eventos, ArtHouse.














Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: [email protected]

Página 3
CINERAMA BC
Por André Gevaerd

Orquestra DSO lança concurso de curta-metragens no Brasil

Antecipando turnê sul-americana, orquestra berlinense convida cineastas a conectar a mobilidade atual ao universo musical de Beethoven. A premiação será em maio, em concerto com DSO e Orquestra Jovem de São Paulo.

Beethoven é uma das poucas grandezas absolutas da cultura ocidental: gênio, revolucionário, titã da música, incontestavelmente moderno. No entanto, como chegam, hoje, as suas composições aos ouvidos brasileiros, em especial aos dos jovens?
A partir dessa pergunta, a Deutsches Symphonie-Orchester (DSO), de Berlim, está lançando um concurso de curta-metragens sob o mote Music on the Road – Música na estrada. A iniciativa acompanha a turnê da orquestra pela América do Sul, em maio de 2012.
A concepção do concurso é inusitada: pela internet, os cineastas interessados têm acesso a alguns breves trechos da Sinfonia nº 6, "Pastoral". O convite é para que se "apossem" de Beethoven, estando livres para combinar e sobrepor os fragmentos, editá-los, remixá-los. E utilizá-los como trilha sonora de um curta-metragem em torno do tema "Música na estrada".
 
 

 

 

 

Informações em http://www.dw.de/dw/article/0,,15854419,00.html

Escrito por André Gevaerd, 17/04/2012 às 14h56 | andre@cineramabc.com

E que venha o terceiro!

De 4 a 8 de Abril aconteceu o 2º Cinerama.BC – Festival Internacional de Cinema em Balneário Camboriú. Uma equipe pequena e especial trabalhou durante os cinco meses entre a primeira e a segunda edição. O festival durou cinco dias de intenso trabalho e dedicação total tendo como resultado um boa realização do evento.

Grandes desafios foram realizados em 2012. Na parte da produção triplicando o número de profissionais e personalidades do cinema (e incluindo convidados internacionais) e realizando duas sessões gratuitas, uma delas para o público infantil. Na curadoria mantendo o nível da primeira edição e o interesse com filmes inscritos, e pela primeira vez premiando através de um júri especializado os filmes da Seleção Oficial.

Os convidados foram só elogios e agradeceram ao espaço de criação oferecido para eles, todos trocaram experiência entre si e com o público intensamente e alguns tornaram-se grandes amigos.

Além da presença na sessão do filme infantil “Uma Professora Muito Maluquinha", as crianças acabaram indo também na outra sessão gratuita do Cinerama.BC, onde foi exibido o filme "O Mundo em Duas Voltas", documentário sobre uma família que dá a volta ao mundo em um barco á vela. O filme é dirigido pelo catarinense David Schurmann, homenageado da Mostra Catarina e que esteve presente após a sessão para debater sobre o filme e a experiência, o que envolveu todos na sala, inclusive as ?crianças, entre as quais muitas estavam dentro de um cinema pela primeira vez.

Recebemos inscritos 261 curtas-metragens, 100 filmes de novas mídias e 120 longas-metragens, todos de diversas partes do mundo. Foram selecionados 14 filmes de novas mídias, 5 curtas catarinenses, 1 longa-metragem catarinense, 1 longa-metragem infantil, 6 curtas-metragens internacionais inéditos e 6 longas-metragens internacionais inéditos.

O júri discutiu bastante (positivamente) para chegar aos prêmios que foram entregues por eles aos vencedores na Cerimônia de Encerramento. Tivemos um juri para curtas-metragens e outro para longas. Em resumo o 2º Cinerama.BC foi repleto de quem realmente gosta e faz cinema. Esperamos todos mais uma vez na primeira quinzena de Abril do ano que vem.

Escrito por Barbara Sturm, 13/04/2012 às 15h51 | barbara@cineramabc.com

9º Festival de Cinema de Maringá

Festival já registra grande procura por inscrições. 

A organização do 9º Festival de Cinema de Maringá está comemorando o sucesso das inscrições para o evento, que continuam abertas até o dia 14 de abril, pelo site www.festcinemaringa.com.br  

Já se inscreveram produções do Paraná, Minas Gerais, Piauí, Roraima, Amazonas, Ceará, Pernambuco, Rio de Janeiro, São Paulo, Rio Grande do Sul, Santa Catarina, Sergipe, Alagoas, Bahia,  Mato Grosso,Rio Grande do Norte, Maranhão, Espírito Santo, Paraíba e Distrito Federal.   

Segundo os organizadores do evento, Pery de Canti e Inez Petri, muito mais filmes são esperados para esta edição, superando o recorde que foi registrado no ano passado quando 295 filmes se inscreveram para a mostra competitiva. Podem participar  filmes 35mm e Digital, Longas-Metragens e Curtas-Metragens Ficção, Animação, Documentários e Experimental. 
 

Os interessados em inscrever seus filmes para o festival podem preencher a ficha de inscrição, onde também consta o regulamento do evento. O festival nesta edição será realizado, entre os dias quatro e 11 de Junho.  

Para este ano, o tema do Festival contemplará o centenário de um dos mais importantes atores do cinema, Amácio Mazzaropi – o Mazzaropi, referendando o cinema caipira brasileiro, que contará com uma Mostra de filmes deste genial ator tipicamente tupiniquim.  

O Festival de Cinema de Maringá conta com o patrocínio âncora da Viapar, através da Lei Rouanet de incentivo a cultura, do Ministério da Cultura e da Copel (via Lei Rouanet), companhia de Energia Elétrica do Paraná, através do Edital do Conta Cultura 2ª edição da SEEC/PR – Secretaria Estadual de Cultura do Paraná, e apoio cultural do Ministério da Cultura, - MinC, da Secretaria do Audiovisual – SAV e do Conselho Nacional de Incentivo a Cultura – CNIC. 


Podem participar  filmes 35mm e Digital, Longas-Metragens e Curtas-Metragens Ficção, Animação, Documentários e Experimental. Os interessados em inscrever seus filmes para o festival podem acessar o site  www.festcinemaringa.com.br

 e preencher a ficha de inscrição, onde também consta o regulamento do evento. O festival nesta edição será realizado, entre os dias quatro e 11 de Junho.

Prazo para Inscrições –14 de abril de 2012

Escrito por André Gevaerd, 30/03/2012 às 11h32 | andre@cineramabc.com

Olhar, Ver, Gravar: Um olho na câmera, outro na cena

 Estão abertas inscrições para a oficina com Carlos Ebert que acontecerá em Jaraguá do Sul no Teatro da SCAR. Vagas limitadas.

 
Para mais informações [email protected]
*Associados da cinemateca terão 10% de desconto.
 
 
Escrito por André Gevaerd, 28/03/2012 às 11h00 | andre@cineramabc.com

Cine enConstrucción premia filmes em fase de finalização

 Seis filmes latino-americanos de longa-metragem foram selecionados para participar da 21ª edição do Cine enConstrucción (iniciativa dos festivais de San Sebastián e de Toulouse), que acontecerá entre os dias 29 e 30 de março durante a 24ª edição do Festival Cinema Latino - Rencontrés de Toulouse.

Entre os 150 filmes enviados para a seleção, apenas um brasileiro – ‘CORES’, dirigido por Francisco Garcia – foi selecionado para o evento. O filmetem produção e montagem assinadas pelo cineasta catarinense André Gevaerd que estará presente no festival junto do diretor, ondeacompanharão a projeção do filme pela primeira vez em tela grande,para um público formado por profissionais, investidores e cinéfilos.

O filme vencedor do prêmioterá seus custos de finalização bancados pelo Cine enConstrucción. Além disso, os filmes selecionados terão alguns prêmios extras, como a edição de som do título no valor de 15 mil euros pela MAC’TARI; a tradução (francês e inglês) e legendagem pela TITRA TVS e a distribuição pela EUROPA DISTRIBUTION INTERNATIONAL.

‘CORES’ é uma história de amizade e desilusão entre três jovens amigos em uma grande metrópole (no caso São Paulo). Por um momento se tem a impressão de que as coisas podem mudar, mas o sentido da vida se perde em tempos onde "tudo que é sólido se desmancha no ar".

Escrito por Barbara Sturm, 26/03/2012 às 11h23 | barbara@cineramabc.com

Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis participa do BUFF Festival, na Suécia

Pelo 4º ano consecutivo, a Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis participa do BUFF Film Festival, que ocorre entre os dias 14 e 17 de março, em Malmo, na Suécia. A parceria entre os dois festivais possibilita a produtores brasileiros participarem do Fórum de Financiamento do Festival, em busca de coprodução internacional com o norte europeu. O Pitching que seleciona os projetos de longa-metragem nacionais participantes é realizado desde o ano passado pela Mostra em conjunto com o FICI – Festival Internacional de Cinema Infantil, no Rio de Janeiro.
Já passaram pelo Fórum de Financiamento sueco os projetos dos filmes Eu e Meu Guarda Chuva, de Toni Vanzolini, Conspiração Filmes; As Aventuras do Avião Vermelho, de Frederico Pinto e José Maia, Armazém de Imagens; O Menino no Espelho, de Guilherme Fiúza, Camisa Listrada Produções; e Tainá 3, de Rosane Svartman, Sincrocine. Neste ano, o projeto que participará do evento é o do longa de animação Tarsilinha, inspirado na artista brasileira Tarsila do Amaral, com realização da TV PinGuin.
 

A delegação brasileira na Suécia tem o apoio do Ministério das Relações Exteriores, do Governo do Brasil e é composta por Célia Catunda, da TV PinGuin, RosaneSvartman, diretora dos filmes Tainá 3 e Desenrola, Virgínia Limberger, produtora da Sincrocine e Luiza Lins, diretora da Mostra de Cinema Infantil de Florianópolis. O grupo apresentará o seminário Olá Brasil, sobre a produção e a direção de cinema voltado para crianças, além das políticas públicas existentes no Brasil para o setor.

A parceria do Brasil com a Suécia vem crescendo anualmente, e de acordo com Luiza Lins a ideia é que exista um acordo de coprodução entre os dois países. “O cinema infantil brasileiro precisa de mais ações efetivas para deslanchar, e a parceria com um país onde 25% do valor investido no cinema vai para as produções indicadas para o público infantil, pode ajudar muito”, enfatiza. Segundo Annette Brejner, diretora do Fórum, a Suécia tem interesse em conhecer melhor a diversidade cultural brasileira e deseja entrar neste mercado, que considera promissor.

 

Escrito por André Gevaerd, 12/03/2012 às 14h18 | andre@cineramabc.com



23 24 25 26 27 28 29 30 31

André Gevaerd

Assina a coluna CINERAMA BC

Nasceu em Balneário Camboriú, resolveu fazer cinema, mudou-se para São Paulo, fez muitos filmes, voltou para Balneário. Continua fazendo filmes. Diretor do Festival CinemaramaBC e idealizador da sala de cinema e eventos, ArtHouse.