Jornal Página 3
Coluna
Falando Nisso
Por Marlise Schneider

Lutero 500


Quanto mais leio sobre Lutero mais o admiro.

Homem inteligente, de muita coragem e visionário.

Naqueles anos 1500 e pouco ele tinha convicções admiráveis, não aceitava aquele negócio de absolver pecados mediante pagamento...vender cadeira na céu...ele só queria espaço para debater, mostrar porque era contra e acabou provocando uma guerra religiosa, que deu origem ao protestantismo.

Mas ele queria muito mais: alfabetizar para que as pessoas pudessem ler e interpretar a Bíblia; queria educação ao alcance de todos; queria acabar com a hierarquia clerical, não teria mais papa, bispo etc; queria eliminar imagens de santos, porque Deus é um só; queria extinguir o latim em cerimônias religiosas; queria abolir confissão e comunhão; sugeria acabar com o celibato para sacerdotes (ele próprio era monge católico e casou com Catarina von Bora (que era freira) e tantas outras sugestões, muitas delas parecem tão atuais.

Será que ele imaginava o que provocou?

Escrito por Marlise Schneider, 31/10/2017 às 08h08 | lisi@pagina3.com.br

publicidade





publicidade



Marlise Schneider

Assina a coluna Falando Nisso

... curiosa desde guria, ligada, discreta, caseira, sonhadora. Jornalista, chefe de jornalismo do Jornal Página 3.
















Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br