Jornal Página 3
Coluna
J. Júnior
Por Jonas Ramos Júnior

MALA DIRETA


BAIXA TEMPORADA

A hotelaria e o comércio como um todo se ressentem de uma maior presença de turistas do cone sul nos meses considerados de inverno. Já com relação aos meses de veraneio, as notícias que sopram principalmente da Argentina não são nada animadoras. A provável vitória dos peronistas liderados pela ex-presidente Kristina Kirchner deixaram o mercado financeiro em polvorosa e, por consequência, fez o dólar atingir níveis estratosféricos. Ou seja, como a poupança dos argentinos é dolarizada, a presença deles por aqui fica bem improvável. É torcer para que no segundo turno das eleições o grupo do atual presidente Mauricio Macri consiga reverter essa iminente derrota. Façam figas.

CARA NOVA

O restaurante Chaplin que abriu suas portas em 1992 passou por uma repaginada e ficou mais moderno e arejado, com uma ampla varanda e equipe de uniforme novo. O novo Chaplin tem uma configuração totalmente diferente da anterior e vem com uma proposta de modernidade e acompanhamento das novas tendências do mercado gastronômico. A preocupação maior da família Moro que toca a casa desde o início, é não perder as raízes e manter o foco na qualidade dos produtos servidos e na excelência do atendimento. A equipe da casa ainda tem nos seus quadros alguns dos seus primeiros colaboradores. Sucesso na certa.

ANIVERSARIANTE

Foto: Arquivo Pessoal

Arthur Cezar Braga, filho de Roberta Braga e Tiago Cezar Lopes, neto de Beth e Wislen Braga e de Beatriz Helena Cezar, comemorou 2 aninhos domingo, entre familiares e muitos amiguinhos.

VITRINE

  • Tá cada dia mais difícil circular pela avenida Brasil e Atlântica sem ser abordado por algum mendigo. A pedida é sempre a mesma uma moedinha para comprar comida, ou algumas vezes, os mais sinceros, falam que é pra cachaça mesmo. A vida nas ruas não é nada fácil, mas, conter essa onda de migrantes sem teto é tarefa que exige determinação e coragem por parte dos integrantes do Executivo.
  • A prefeitura começou a pavimentar algumas ruas da área central da cidade que há muito clamam por uma repaginada. No entorno do Colégio Santa o visual já é outro. Aquela cara de abandono aos poucos vai sumindo. Espero que a turma da pintura de faixas e estacionamento venha logo atrás. A parte central da cidade andava meio esquecida. Temporada chegando é hora de arrumar a casa. Sugestão: sinalizar melhor as ruas no entorno, evita o vai e vem de carros que se deparam com a via bloqueada.
  • Outro problema que atinge em cheio a cidade é a circulação de ambulantes pelas nossas vias. Tem gente vendendo abacaxi, laranja e morangos em carrinhos de mão, outros doces e salgados. O desemprego e o sonho de morar no litoral ajuda bastante a elevar esses índices. Enquanto isso o comerciante estabelecido amarga uma carga de impostos e aluguéis nas alturas. O jogo pra quem tá estabelecido é muito duro.
  • A melhor notícia dos últimos dias vem por conta da liberação pelo TJSC da Big Whell a roda gigante que vai ser instalada na Barra Norte. Sem dúvida uma atração de grande porte pra ajudar a levantar o moral da cidade. Sua chegada deve trazer um incremento muito grande na circulação de veículos e pessoas naquela região. No último fim de semana o trânsito por ali em direção à Praia Brava tava muito grande. Pra pensar e se organizar.
  • Dei uma passada em Itapema pra conhecer a famosa casa de massas Gustare Forneria, que é tocada com muita competência pela chefe Rubia.O local é super aconchegante e serve pizzas e massas deliciosas. A fila de espera nos fins de semana pode ultrapassar uma hora facilmente. Mas, vale a pena. Imperdível. Fica na Rua 288, nº 354 na Meia Praia.
  • Outra dica é dar uma passada na Kombina Felice no Brava Mall e saborear o filé à parmegiana com massa longa. É grelhado e finalizado no forno com queijo colonial, catupiry e farofa crocante. De lamber os beiços, como já dizia o Marzinho, nosso big boss do JP3. Passa lá.
 ESSE ANO FAÇA CERTO. DIGA NÃO A IMPUNIDADE.  FAÇA A SUA PARTE.

 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 26/09/2019 às 08h36 | jonasramos3011@hotmail.com



Jonas Ramos Júnior

Assina a coluna J. Júnior

Advogado pós graduado em direito ambiental, reside em BC desde dez/1981. Escreve no JP3 desde 1992, porque tem interesse na cidade e no seu desenvolvimento.














Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br

Página 3
J. Júnior
Por Jonas Ramos Júnior

MALA DIRETA


BAIXA TEMPORADA

A hotelaria e o comércio como um todo se ressentem de uma maior presença de turistas do cone sul nos meses considerados de inverno. Já com relação aos meses de veraneio, as notícias que sopram principalmente da Argentina não são nada animadoras. A provável vitória dos peronistas liderados pela ex-presidente Kristina Kirchner deixaram o mercado financeiro em polvorosa e, por consequência, fez o dólar atingir níveis estratosféricos. Ou seja, como a poupança dos argentinos é dolarizada, a presença deles por aqui fica bem improvável. É torcer para que no segundo turno das eleições o grupo do atual presidente Mauricio Macri consiga reverter essa iminente derrota. Façam figas.

CARA NOVA

O restaurante Chaplin que abriu suas portas em 1992 passou por uma repaginada e ficou mais moderno e arejado, com uma ampla varanda e equipe de uniforme novo. O novo Chaplin tem uma configuração totalmente diferente da anterior e vem com uma proposta de modernidade e acompanhamento das novas tendências do mercado gastronômico. A preocupação maior da família Moro que toca a casa desde o início, é não perder as raízes e manter o foco na qualidade dos produtos servidos e na excelência do atendimento. A equipe da casa ainda tem nos seus quadros alguns dos seus primeiros colaboradores. Sucesso na certa.

ANIVERSARIANTE

Foto: Arquivo Pessoal

Arthur Cezar Braga, filho de Roberta Braga e Tiago Cezar Lopes, neto de Beth e Wislen Braga e de Beatriz Helena Cezar, comemorou 2 aninhos domingo, entre familiares e muitos amiguinhos.

VITRINE

  • Tá cada dia mais difícil circular pela avenida Brasil e Atlântica sem ser abordado por algum mendigo. A pedida é sempre a mesma uma moedinha para comprar comida, ou algumas vezes, os mais sinceros, falam que é pra cachaça mesmo. A vida nas ruas não é nada fácil, mas, conter essa onda de migrantes sem teto é tarefa que exige determinação e coragem por parte dos integrantes do Executivo.
  • A prefeitura começou a pavimentar algumas ruas da área central da cidade que há muito clamam por uma repaginada. No entorno do Colégio Santa o visual já é outro. Aquela cara de abandono aos poucos vai sumindo. Espero que a turma da pintura de faixas e estacionamento venha logo atrás. A parte central da cidade andava meio esquecida. Temporada chegando é hora de arrumar a casa. Sugestão: sinalizar melhor as ruas no entorno, evita o vai e vem de carros que se deparam com a via bloqueada.
  • Outro problema que atinge em cheio a cidade é a circulação de ambulantes pelas nossas vias. Tem gente vendendo abacaxi, laranja e morangos em carrinhos de mão, outros doces e salgados. O desemprego e o sonho de morar no litoral ajuda bastante a elevar esses índices. Enquanto isso o comerciante estabelecido amarga uma carga de impostos e aluguéis nas alturas. O jogo pra quem tá estabelecido é muito duro.
  • A melhor notícia dos últimos dias vem por conta da liberação pelo TJSC da Big Whell a roda gigante que vai ser instalada na Barra Norte. Sem dúvida uma atração de grande porte pra ajudar a levantar o moral da cidade. Sua chegada deve trazer um incremento muito grande na circulação de veículos e pessoas naquela região. No último fim de semana o trânsito por ali em direção à Praia Brava tava muito grande. Pra pensar e se organizar.
  • Dei uma passada em Itapema pra conhecer a famosa casa de massas Gustare Forneria, que é tocada com muita competência pela chefe Rubia.O local é super aconchegante e serve pizzas e massas deliciosas. A fila de espera nos fins de semana pode ultrapassar uma hora facilmente. Mas, vale a pena. Imperdível. Fica na Rua 288, nº 354 na Meia Praia.
  • Outra dica é dar uma passada na Kombina Felice no Brava Mall e saborear o filé à parmegiana com massa longa. É grelhado e finalizado no forno com queijo colonial, catupiry e farofa crocante. De lamber os beiços, como já dizia o Marzinho, nosso big boss do JP3. Passa lá.
 ESSE ANO FAÇA CERTO. DIGA NÃO A IMPUNIDADE.  FAÇA A SUA PARTE.

 

Escrito por Jonas Ramos Júnior, 26/09/2019 às 08h36 | jonasramos3011@hotmail.com



Jonas Ramos Júnior

Assina a coluna J. Júnior

Advogado pós graduado em direito ambiental, reside em BC desde dez/1981. Escreve no JP3 desde 1992, porque tem interesse na cidade e no seu desenvolvimento.