Jornal Página 3
Coluna
Mãe na Roda
Por Ana Paula Góis

O brinquedo de hoje é o ponto de ônibus de amanhã!

Esta foto é o resultado de uma varrida no quarto da minha filha depois que recebemos amigos por algumas horas.

Objetos quebrados, rasgados e extraviados. Sujeira. E tinha mais: caixas abertas, sacolas remexidas, peças espalhadas, roupas emboladas, restos de comida... Sempre me espanto quando vejo estas coisas. Desde meu primeiro filho venho observando como os adultos tratam 'as coisas das crianças' e consequentemente como as crianças tratam 'as coisas das crianças'. Escolas abarrotadas de brinquedos, quartinho da bagunça, caixas de brinquedos cheias de tralhas de objetos quebrados, bonecas descabeladas, riscadas e sujas, jogos incompletos.

As crianças devem ter acesso a todos os cômodos da casa e se sentirem seguras para andar e remexer por tudo, mas devem ser sempre orientadas por exemplos de como o material deve ser guardado após o uso. Este exemplo deve começar em casa e a tal 'socialização' que sempre é usada quando se fala de escola para pequenos, tem que ocorrer em casa. Os pequenos devem saber que são pessoas e ter noção do espaço que ocupam. Assim como o pai não deve deixar seus objetos em cima do sofá, a criança também não pode fazê-lo, mas não por a sala não ser lugar de brinquedo e sim porque sofá precisa estar disponível para nos sentarmos e porque o que não está mais em uso deve ser guardado.

Todos os objetos têm importância e todos podem ser manuseados pela criança. Os objetos de uso comum da casa devem ser de uso comum mesmo - adultos e crianças. O brinquedo quebrado deve ser tratado como qualquer objeto quebrado: consertado, adaptado para o uso ou eliminado. Quando uma criança quebra um brinquedo, deixa-o estirado no chão, pega outro e depois na hora de guardar, volta tudo para a caixa de brinquedos. Mas quando quebra uma xícara, ouve reprovações, xingamentos, ou até mesmo um sorriso de compreensão, então a mãe vai lá, limpa e põe no lixo. Mas não é de jogar brinquedos fora que estou falando, é de dar oportunidades para a criança aprender a socializar em casa, incentivando-a, com exemplos, a limpar no momento em que sujou, a guardar depois de brincar... quanto mais pequena a criança mais fácil para ela entender seus exemplos.

Para crianças organizadas, precisamos de organização. Poucos brinquedos (bem poucos) e bem cuidados para que a a criança possa nomear e numerar seus brinquedos, e que dê conta de guardar cada um em seu espaço. E se você tem pouco espaço, doe e ganhe espaço. E se você tem pouquíssimo espaço, doe e ganhe algum espaço. E se você tem muito, muito espaço, doe e ganhe mais espaço ainda!

Uma boa opção de presente para qualquer idade é um kit de limpeza... com pá e vassourinha:

 

Deixar à mão panos de limpeza, orientar locais específicos para alimentação, ensinar a lavar a louça, tirar a mesa, varrer o chão, são funções que todos teremos que fazer um dia e devemos aprender em casa.


Aqui também uma opção mais ecológica. Vocês podem confeccionar suas próprias pás e vassouras:

Vassoura de garrafa pet. Clique no link para aprender.

Pá feita de galão. Clique no link para aprender,





Por uma humanidade mais fraterna!

Escrito por Ana Paula Góis, 08/08/2016 às 07h14 | conviteecia@hotmail.com



Ana Paula Góis

Assina a coluna Mãe na Roda














Fale Conosco - Anuncie no Página 3 - Normas de Uso
© Desenvolvido por Página 3

Endereço: Rua 2448, 360 - Balneário Camboriú - SC | Telefone: (47) 3367-3333 | Email: jornal@pagina3.com.br

Página 3
Mãe na Roda
Por Ana Paula Góis

O brinquedo de hoje é o ponto de ônibus de amanhã!

Esta foto é o resultado de uma varrida no quarto da minha filha depois que recebemos amigos por algumas horas.

Objetos quebrados, rasgados e extraviados. Sujeira. E tinha mais: caixas abertas, sacolas remexidas, peças espalhadas, roupas emboladas, restos de comida... Sempre me espanto quando vejo estas coisas. Desde meu primeiro filho venho observando como os adultos tratam 'as coisas das crianças' e consequentemente como as crianças tratam 'as coisas das crianças'. Escolas abarrotadas de brinquedos, quartinho da bagunça, caixas de brinquedos cheias de tralhas de objetos quebrados, bonecas descabeladas, riscadas e sujas, jogos incompletos.

As crianças devem ter acesso a todos os cômodos da casa e se sentirem seguras para andar e remexer por tudo, mas devem ser sempre orientadas por exemplos de como o material deve ser guardado após o uso. Este exemplo deve começar em casa e a tal 'socialização' que sempre é usada quando se fala de escola para pequenos, tem que ocorrer em casa. Os pequenos devem saber que são pessoas e ter noção do espaço que ocupam. Assim como o pai não deve deixar seus objetos em cima do sofá, a criança também não pode fazê-lo, mas não por a sala não ser lugar de brinquedo e sim porque sofá precisa estar disponível para nos sentarmos e porque o que não está mais em uso deve ser guardado.

Todos os objetos têm importância e todos podem ser manuseados pela criança. Os objetos de uso comum da casa devem ser de uso comum mesmo - adultos e crianças. O brinquedo quebrado deve ser tratado como qualquer objeto quebrado: consertado, adaptado para o uso ou eliminado. Quando uma criança quebra um brinquedo, deixa-o estirado no chão, pega outro e depois na hora de guardar, volta tudo para a caixa de brinquedos. Mas quando quebra uma xícara, ouve reprovações, xingamentos, ou até mesmo um sorriso de compreensão, então a mãe vai lá, limpa e põe no lixo. Mas não é de jogar brinquedos fora que estou falando, é de dar oportunidades para a criança aprender a socializar em casa, incentivando-a, com exemplos, a limpar no momento em que sujou, a guardar depois de brincar... quanto mais pequena a criança mais fácil para ela entender seus exemplos.

Para crianças organizadas, precisamos de organização. Poucos brinquedos (bem poucos) e bem cuidados para que a a criança possa nomear e numerar seus brinquedos, e que dê conta de guardar cada um em seu espaço. E se você tem pouco espaço, doe e ganhe espaço. E se você tem pouquíssimo espaço, doe e ganhe algum espaço. E se você tem muito, muito espaço, doe e ganhe mais espaço ainda!

Uma boa opção de presente para qualquer idade é um kit de limpeza... com pá e vassourinha:

 

Deixar à mão panos de limpeza, orientar locais específicos para alimentação, ensinar a lavar a louça, tirar a mesa, varrer o chão, são funções que todos teremos que fazer um dia e devemos aprender em casa.


Aqui também uma opção mais ecológica. Vocês podem confeccionar suas próprias pás e vassouras:

Vassoura de garrafa pet. Clique no link para aprender.

Pá feita de galão. Clique no link para aprender,





Por uma humanidade mais fraterna!

Escrito por Ana Paula Góis, 08/08/2016 às 07h14 | conviteecia@hotmail.com



Ana Paula Góis

Assina a coluna Mãe na Roda