Jornal Página 3

Queda na venda de combustível breca crescimento do varejo

RIO DE JANEIRO, RJ (FOLHAPRESS) - Com queda nas vendas de combustíveis, o comércio no Brasil interrompeu em julho uma sequência de três altas mensais seguidas. Segundo o IBGE, o desempenho do comércio ficou estável no mês, em comparação com junho.

Na comparação com o mesmo mês do ano anterior, a venda teve alta de 3,1%, o melhor resultado nessa base de comparação desde maio de 2014, quando subiu 4,6%.

A economista do IBGE Isabella Nunes disse, porém, que o recuo da inflação, o saque do FGTS e a recomposição do mercado de trabalho permanecem sustentando vendas de supermercados e produtos não duráveis, como têxteis.

"Há uma demanda reprimida e as pessoas estão voltando a comprar produtos que deixaram de lado durante o período mais grave da crise", comentou ela.

O setor de supermercados, hipermercados, produtos alimentícios, bebidas e fumo teve alta de 0,7% na comparação com junho. Já o segmento de tecidos, vestuário e calçados subiu 0,3%.

Além dos combustíveis, que caíram de 1,6%, também registraram queda as vendas de artigos farmacêuticos, médicos, ortopédicos, de perfumaria e cosméticos (-0,4%); e de outros artigos de uso pessoal e doméstico (-0,2%).

"A redução nas vendas de combustíveis tem a ver com o menor nível de atividade econômica, que reduz a demanda, e com a renda ainda comprometida. Muita gente está buscando transporte público e deixando mais o carro em casa", disse Nunes.

Segundo ela, a estabilidade nas vendas gerais é normal depois de três meses consecutivos de alta. Neste período, as vendas do comércio acumularam alta de 2,2%.

O varejo ampliado (inclui veículos e material de construção) avançou 0,2% em relação a junho, com destaque para a alta de 0,9% na venda de material de construção. 


Quarta, 13/9/2017 6:45.
Publicidade


Cidade

É resultado de desrespeito e incapacidade administrativa. Escola é a única que oferece ensino integral para educação fundamental.


Empregos

Com terceirização os 157 contratados poderão ser mantidos no emprego. Veja as vagas disponíveis.


Geral

Devido serviço de manutenção na ETA


Cidade

Navio já chegou com passageiros de 14 nacionalidades e 1.283 tripulantes 


Mundo/Internacional


Publicidade

Projetos têm nomes de árvores nativas e podem ser adequados ao gosto dos clientes


Publicidade