Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Economia
Pedágio: tarifas em SC subiram 11%, plano era reajustar em 44%

Terça, 11/8/2020 15:22.
Divulgação

Publicidade

O preço do pedágio no trecho norte da BR-101, entre Palhoça e Curitiba está 11,11% mais caro desde domingo (9). O projeto inicial da concessionária, Arteris Litoral Sul, era aumentar em 44,44%, mas o Tribunal de Contas da União (TCU) e o Procon/SC barraram o reajuste, que havia sido permitido pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

O reajuste inicial causou indignação, porque o preço da tarifa básica (carros) do pedágio seria elevado de R$ 2,70 para R$ 3,90, em plena pandemia de Covid-19, que causou desemprego e diminuição do salário de muitas pessoas. O TCU e o Procon/SC interviram e conseguiram suspender.

A concessionária acatou a recomendação e, junto da ANTT, conseguiu aumentar o valor em 11,11%. Com o reajuste autorizado a tarifa básica para carros passou de R$ 2,70 para R$ 3,00, e motocicletas devem pagar R$ 1,50. A tarifa mais cara é R$ 18,00 – caminhão com reboque e caminhão trator com semirreboque de seis eixos.

Os novos valores

Automóvel, caminhonete e furgão, com dois eixos – de R$ 2,70 para R$ 3,00.

Motocicleta, motoneta, bicicleta a motor e triciclo, com dois eixos – de R$ 1,35 para R$ 1,50.

Caminhão leve, ônibus, caminhão-trator e furgão, com dois eixos – de R$ 5,40 para R$ 6,00.

Automóvel e caminhonete com semirreboque, com três eixos – de R$ 4,05 para R$ 4,50.

Caminhão, caminhão-trator, caminhão-trator com semirreboque e ônibus, com três eixos – de R$ 8,10 para R$ 9,00.

Automóvel e caminhonete com reboque, com quatro eixos – de R$ 5,40 para R$ 6,00.

Caminhão com reboque e caminhão-trator com semirreboque, com quatro eixos – de R$ 10,80 para R$ 12,00.

Caminhão com reboque e caminhão-trator com semirreboque, com cinco eixos – de R$ 13,50 para R$ 15,00.

Caminhão com reboque e caminhão-trator com semirreboque, com seis eixos – de R$ 16,20, para R$ 18,00.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação

Pedágio: tarifas em SC subiram 11%, plano era reajustar em 44%

Publicidade

Terça, 11/8/2020 15:22.

O preço do pedágio no trecho norte da BR-101, entre Palhoça e Curitiba está 11,11% mais caro desde domingo (9). O projeto inicial da concessionária, Arteris Litoral Sul, era aumentar em 44,44%, mas o Tribunal de Contas da União (TCU) e o Procon/SC barraram o reajuste, que havia sido permitido pela Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT).

O reajuste inicial causou indignação, porque o preço da tarifa básica (carros) do pedágio seria elevado de R$ 2,70 para R$ 3,90, em plena pandemia de Covid-19, que causou desemprego e diminuição do salário de muitas pessoas. O TCU e o Procon/SC interviram e conseguiram suspender.

A concessionária acatou a recomendação e, junto da ANTT, conseguiu aumentar o valor em 11,11%. Com o reajuste autorizado a tarifa básica para carros passou de R$ 2,70 para R$ 3,00, e motocicletas devem pagar R$ 1,50. A tarifa mais cara é R$ 18,00 – caminhão com reboque e caminhão trator com semirreboque de seis eixos.

Os novos valores

Automóvel, caminhonete e furgão, com dois eixos – de R$ 2,70 para R$ 3,00.

Motocicleta, motoneta, bicicleta a motor e triciclo, com dois eixos – de R$ 1,35 para R$ 1,50.

Caminhão leve, ônibus, caminhão-trator e furgão, com dois eixos – de R$ 5,40 para R$ 6,00.

Automóvel e caminhonete com semirreboque, com três eixos – de R$ 4,05 para R$ 4,50.

Caminhão, caminhão-trator, caminhão-trator com semirreboque e ônibus, com três eixos – de R$ 8,10 para R$ 9,00.

Automóvel e caminhonete com reboque, com quatro eixos – de R$ 5,40 para R$ 6,00.

Caminhão com reboque e caminhão-trator com semirreboque, com quatro eixos – de R$ 10,80 para R$ 12,00.

Caminhão com reboque e caminhão-trator com semirreboque, com cinco eixos – de R$ 13,50 para R$ 15,00.

Caminhão com reboque e caminhão-trator com semirreboque, com seis eixos – de R$ 16,20, para R$ 18,00.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade