- Publicidade -
- Publicidade -
26.7 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Educação e Sindicato tem reunião para apresentação de diagnóstico e decisão quanto ao pagamento do piso nacional

O secretário de Educação de Balneário Camboriú, Marcelo Achutti, e representantes do Sindicato dos Servidores Municipais de Balneário Camboriú (Sisembc) se reúnem na quarta-feira (12), às 10h, para discutir o diagnóstico financeiro levantado pela Educação e assim avançar nos debates quanto o pagamento do piso nacional do magistério.

O secretário Achutti disse que irão apresentar o diagnóstico, assim como o percentual que recebem do Ministério da Educação (MEC), quanto vai para folha de pagamento, quadro de servidores que possuem, para assim buscar justificar algumas questões a serem implementadas para conseguirem avançar em relação ao pagamento do piso nacional. 

“Esse diagnóstico vai ser apresentado ao Sisembc, eles estão acompanhando o levantamento de dados e a partir disso vamos definir até onde podemos avançar”, informou.

- Publicidade -

Achutti pontuou que a prefeitura possui ‘vários mecanismos’ para apresentar, mas que será preciso fazer ‘certos ajustes’. 

“Há opções, mas o servidor também vai precisar se adequar em alguns pontos. Primeiro, antes de citar a nossa proposta aos servidores, temos que apresentar esse diagnóstico”, informou, lembrando que hoje há 31 funcionários P1 que não recebem o piso nacional em Balneário Camboriú. 

“Tudo será debatido com o Sisembc e vamos chegar no melhor acordo, devemos avançar”, completou.

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -