Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Equilíbrio
Fórum de Segurança Alimentar será aberto à comunidade, nesta quinta

Será nesta quinta, no auditório do Sesc

Quarta, 3/10/2018 8:59.
Divulgação
A atual presidente Fernanda e o ex-presidente Nairo falaram sobre o evento na sessão legislativa desta terça-feira

Publicidade

O Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional de Balneário Camboriú (COMSEAN/BC), em parceria com entidades apoiadoras, convida a comunidade para participar do I Fórum Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional de Balneário Camboriú (I FSAN/BC), no auditório do SESC, nesta quinta-feira (4), das 13h30 às 19h.

Durante o evento também haverá uma comemoração especial: os 15 anos do Comsean/BC e a celebração pelo Dia Mundial da Alimentação, dia 16 de outubro, em referência à fundação da FAO (Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação).

O objetivo é mostrar as ações, projetos, programas e políticas na área de alimentação e nutrição no município e convidar as entidades não governamentais da região para participarem da nova gestão que vai compor o Conselho.

O Conselho

Foi criado em outubro de 2003, por meio da Lei Municipal 2278. É um instrumento de articulação e de diálogo entre o gestor municipal e a sociedade civil organizada. Sua função é promover, proteger e garantir o direito humano e constitucional ao acesso regular e permanente a todos a alimentos de qualidade, em quantidade suficiente, sem comprometer o acesso a outras necessidades essenciais – e que respeitem a diversidade cultural, bem como sejam ambiental, cultural, econômica e socialmente sustentáveis.

Os conselheiros reúnem-se uma vez por mês paradiscutir todo o processo de produção do alimento, desde o plantio até o momento em que ele chega aoprato do consumidor.

“Queremos compartilhar a alegria de fazermos parte do mais antigo conselho ativo na cidade. Balneário Camboriú pode se orgulhar por ser um dos municípios pioneiros no debate da segurança alimentar e nutricional a nível nacional. Temos ainda muito o que avançar, mas tenho certeza que estamos no caminho certo”, disse a presidente do Conselho Fernanda Amaral.

O tema

A presidente do Conselho lembrou a importância da alimentação na vida de cada um.

“Ela está presente em praticamente todos os momentos do nosso dia a dia. Desde a hora que acordamos e decidimos se vamos tomar café da manhã e o que vamos comer no café da manhã, o que vamos comprar na padaria, no mercado ou no sacolão, se vamos almoçar fora ou cozinhar em casa, se faremos dieta para emagrecer ou se para ganhar peso, se nosso filho está comendo bem na escola, se teremos algum problema de saúde ao consumir transgênicos ou alimentos com agrotóxicos. O tema é muito abrangente e precisamos envolver o maior número de pessoas possível nessa discussão. Esse é o objetivo maior do I Fórum de Segurança Alimentar e Nutricional e também do Conselho Municipal”, colocou Fernanda.

Ela espera a participação de mais de 30 entidades relacionadas ao tema, municípios vizinhos, poder executivo e legislativo, acadêmicos e toda a comunidade de uma forma geral.

Presenças

Além da mesa de abertura com autoridades, a programação contará com palestras e mesa redondacompostas por profissionais referências na área de Segurança Alimentar e Nutricional (SAN), como o ex-presidente do Comsean/BC, Nairo Peixoto Ribeiro; Mick Lennon Machado, membro da Teia deArticulação pelo Fortalecimento da SAN (TearSAN), presidente da Associação Catarinense de Nutrição (ACAN) e conselheiro do CONSEA/SC.

Também participam: Michele Golin Casagrande Colossi, nutricionista do Programa de Alimentação Escolar de Itapema e Navegantes e pesquisadora da área deCultura Alimentar; Edina Acordi Soethe, coordenadora da área de Segurança Alimentar e Nutricional de Joinville; Eloysa Nezello Mosimann, nutricionista especialista em gerência de qualidade na produção de refeições, mestre em agroecossistemas pela UFSC e professora titular da Univali; e Thays Wayne Gonçalves, assistente social, especialista em gestão de projetos e coordenadora das áreas de Saúde e Assistência do SESC/BC.

Ainda, haverá a exposição da “Tenda da Cultura Alimentar”, projeto que identificou os alimentos presentesna mesa das famílias balneocamboriuenses ao longo de cinco décadas de história da cidade, um deliciosocafé da tarde e apresentações culturais promovidos pela unidade do SESC de Balneário Camboriú.

O I FSAN/BC é iniciativa do COMSEAN/BC e conta com o apoio da prefeitura, SESC, OAB/BC, AMFRI e Morro do Espinhal Produtos Orgânicos.

O auditório do SESC fica na Avenida Central, 360.

Informações - (47) 3367-0129


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Divulgação
A atual presidente Fernanda e o ex-presidente Nairo falaram sobre o evento na sessão legislativa desta terça-feira
A atual presidente Fernanda e o ex-presidente Nairo falaram sobre o evento na sessão legislativa desta terça-feira

Fórum de Segurança Alimentar será aberto à comunidade, nesta quinta

Será nesta quinta, no auditório do Sesc

Publicidade

Quarta, 3/10/2018 8:59.

O Conselho Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional de Balneário Camboriú (COMSEAN/BC), em parceria com entidades apoiadoras, convida a comunidade para participar do I Fórum Municipal de Segurança Alimentar e Nutricional de Balneário Camboriú (I FSAN/BC), no auditório do SESC, nesta quinta-feira (4), das 13h30 às 19h.

Durante o evento também haverá uma comemoração especial: os 15 anos do Comsean/BC e a celebração pelo Dia Mundial da Alimentação, dia 16 de outubro, em referência à fundação da FAO (Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação).

O objetivo é mostrar as ações, projetos, programas e políticas na área de alimentação e nutrição no município e convidar as entidades não governamentais da região para participarem da nova gestão que vai compor o Conselho.

O Conselho

Foi criado em outubro de 2003, por meio da Lei Municipal 2278. É um instrumento de articulação e de diálogo entre o gestor municipal e a sociedade civil organizada. Sua função é promover, proteger e garantir o direito humano e constitucional ao acesso regular e permanente a todos a alimentos de qualidade, em quantidade suficiente, sem comprometer o acesso a outras necessidades essenciais – e que respeitem a diversidade cultural, bem como sejam ambiental, cultural, econômica e socialmente sustentáveis.

Os conselheiros reúnem-se uma vez por mês paradiscutir todo o processo de produção do alimento, desde o plantio até o momento em que ele chega aoprato do consumidor.

“Queremos compartilhar a alegria de fazermos parte do mais antigo conselho ativo na cidade. Balneário Camboriú pode se orgulhar por ser um dos municípios pioneiros no debate da segurança alimentar e nutricional a nível nacional. Temos ainda muito o que avançar, mas tenho certeza que estamos no caminho certo”, disse a presidente do Conselho Fernanda Amaral.

O tema

A presidente do Conselho lembrou a importância da alimentação na vida de cada um.

“Ela está presente em praticamente todos os momentos do nosso dia a dia. Desde a hora que acordamos e decidimos se vamos tomar café da manhã e o que vamos comer no café da manhã, o que vamos comprar na padaria, no mercado ou no sacolão, se vamos almoçar fora ou cozinhar em casa, se faremos dieta para emagrecer ou se para ganhar peso, se nosso filho está comendo bem na escola, se teremos algum problema de saúde ao consumir transgênicos ou alimentos com agrotóxicos. O tema é muito abrangente e precisamos envolver o maior número de pessoas possível nessa discussão. Esse é o objetivo maior do I Fórum de Segurança Alimentar e Nutricional e também do Conselho Municipal”, colocou Fernanda.

Ela espera a participação de mais de 30 entidades relacionadas ao tema, municípios vizinhos, poder executivo e legislativo, acadêmicos e toda a comunidade de uma forma geral.

Presenças

Além da mesa de abertura com autoridades, a programação contará com palestras e mesa redondacompostas por profissionais referências na área de Segurança Alimentar e Nutricional (SAN), como o ex-presidente do Comsean/BC, Nairo Peixoto Ribeiro; Mick Lennon Machado, membro da Teia deArticulação pelo Fortalecimento da SAN (TearSAN), presidente da Associação Catarinense de Nutrição (ACAN) e conselheiro do CONSEA/SC.

Também participam: Michele Golin Casagrande Colossi, nutricionista do Programa de Alimentação Escolar de Itapema e Navegantes e pesquisadora da área deCultura Alimentar; Edina Acordi Soethe, coordenadora da área de Segurança Alimentar e Nutricional de Joinville; Eloysa Nezello Mosimann, nutricionista especialista em gerência de qualidade na produção de refeições, mestre em agroecossistemas pela UFSC e professora titular da Univali; e Thays Wayne Gonçalves, assistente social, especialista em gestão de projetos e coordenadora das áreas de Saúde e Assistência do SESC/BC.

Ainda, haverá a exposição da “Tenda da Cultura Alimentar”, projeto que identificou os alimentos presentesna mesa das famílias balneocamboriuenses ao longo de cinco décadas de história da cidade, um deliciosocafé da tarde e apresentações culturais promovidos pela unidade do SESC de Balneário Camboriú.

O I FSAN/BC é iniciativa do COMSEAN/BC e conta com o apoio da prefeitura, SESC, OAB/BC, AMFRI e Morro do Espinhal Produtos Orgânicos.

O auditório do SESC fica na Avenida Central, 360.

Informações - (47) 3367-0129


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade