Jornal Página 3

Ligas de França, Portugal e Holanda adotarão árbitro de vídeo
Divulgação Fifa.

(UOL/FOLHAPRESS) - Pelo menos três ligas europeias devem adotar auxílio de vídeo aos árbitros a curto e médio prazo: França, Portugal e Holanda. A informação foi divulgada nesta quinta-feira (20) pelo jornal espanhol 'Mundo Deportivo'.

Os três países devem ser os primeiros entre as grandes ligas da Europa a utilizar o recurso. Fora do continente, apenas a Austrália tem apostado no vídeo - desde abril, a liga é a primeira profissional a contar com o chamado VAR (Video Assistant Referee).

Segundo Mike van der Roest, diretor do projeto para implementar a novidade no Campeonato Holandês, a novidade deverá estrear na temporada 2018/2019. A tendência é que o auxílio seja testado na temporada 2017/2018.

Na França, o vídeo deve chegar ainda antes: já na temporada 2016/2017, nos playoffs de acesso e descenso que serão disputados nos dias 25 e 28 maio. Nas partidas em questão, o 18º colocado da primeira divisão disputará uma vaga na elite local contra o terceiro colocado da segunda divisão.

Vale lembrar que o vídeo já foi utilizado na França em outubro de 2016 em caráter de teste, mediante aprovação da FFF (Federação Francesa de Futebol) e da LFP (Liga de Futebol Profissional). Nos playoffs, o artifício só poderão ser utilizados em quatro possibilidades: gol, infração que anule gol, falta ou saída de bola.

Em Portugal, por sua vez, a vídeo-arbitragem será utilizada na final da Copa de Portugal, a ser disputada no próximo dia 28 de maio. Na ocasião, Vitória de Guimarães e Benfica se enfrentarão no Estádio Nacional do Jamor. 


Sexta, 21/4/2017 6:51.
Publicidade


Colunistas
por Céres Fabiana Felski
por Waldemar Cezar Neto
por Sonia Tetto
por Augusto Cesar Diegoli
por Saint Clair Nickelle
Empregos

Com terceirização os 157 contratados poderão ser mantidos no emprego. Veja as vagas disponíveis.


Cidade

Evento acontecerá terça-feira, às 9h, no Cine Itália. 


Cultura

Na programação 76 filmes, feira, cursos e palestras  


Cidade

Aplicativo é voltado para turistas e moradores 


Mundo/Internacional


Publicidade

Projetos têm nomes de árvores nativas e podem ser adequados ao gosto dos clientes


Publicidade