Jornal Página 3

Flamengo precisará reverter placar pela 1ª vez por título da Sul-Americana

Quinta, 7/12/2017 6:39.

(FOLHAPRESS) - Pela primeira vez na Copa Sul-Americana, o Flamengo precisará reverter um resultado e, justamente, na decisão para faturar o título da competição. Nesta quarta (6), a equipe carioca perdeu para o Independiente (ARG) por 2 a 1, em Avellaneda, no primeiro jogo da decisão.

Assim, terá que vencer por dois gols de diferença a partida de volta, marcada para o próximo dia 13, no Maracanã. Se ganhar por apenas um gol de vantagem, o duelo vai para a prorrogação e depois para os pênaltis.

Desde que estreou na Copa Sul-Americana, na segunda fase, o clube rubro-negro havia vencido ou ao menos empatado o confronto de ida. O time venceu o duelo inaugural diante do Palestino, Fluminense e Júnior Barranquilla. O único empate foi diante da Chapecoense.

Aliás, a derrota para o Independiente foi a primeira da equipe na competição. Até então, defendia uma invencibilidade de oito jogos -seis vitórias e dois empates.

O Flamengo joga também para colocar fim a um jejum que já dura 18 anos. A última vez que o clube sagrou-se campeão de uma competição desse porte foi em 1999, quando faturou a Copa Mercosul. Na oportunidade, venceu o Palmeiras na decisão.

A final da Copa Sul-Americana interessa diretamente para Vasco e Atlético-MG, sétimo e nonos colocados no Brasileiro. Caso o time rubro-negro conquiste o título, a equipe cruzmaltina disputará a fase de grupos da Copa Libertadores-2018, enquanto os mineiros garantem vaga na pré-Libertadores.

No duelo na Argentina, o Flamengo começou bem e abriu o placar em um lance de bola parada. Aos 8min, Trauco cobrou falta e Réver, de cabeça, mandou para o gol.

O Independiente não se abateu e pressionou. Com muitas jogadas pelo lado de campo, a equipe criou chances para empatar. No entanto, conseguiu igualar o resultado em um contra-ataque. Gigliotti recebeu livre e finalizou com tranquilidade.

O time da casa continuou superior e obteve a virada no início da etapa complementar. Após jogada pela esquerda, Meza bateu de primeira.

O Flamengo buscou o empate, mas não conseguiu.

INDEPENDIENTE-ARG
Campaña; Bustos, Franco (Amorebieta), Silva e Tagliafico; Rodríguez, Meza (Domingo), Barco, Sanchez Miño e Martin Benítez (Juan Martínez); Barco e Gigliotti. T.: Ariel Holan

FLAMENGO
César; Pará, Réver, Juan e Trauco; Cuéllar, Willian Arão e Diego (Vinicius Jr); Everton Ribeiro, Lucas Paquetá (Everton) e Felipe Vizeu. T.: Reinaldo Rueda

Estádio: Liberadores de América, em Avellaneda (ARG)
Juiz: Mario Diaz de Vivar (PAR)
Cartões amarelo: Tagliafico, Bustos e Amorebieta (IND); Diego (FLA)
Gols: Réver (FLA), aos 8min, e Gigliotti (IND), aos 28min do primeiro tempo; Meza (IND), aos 7min do segundo tempo. 


Publicidade


Colunistas
Saúde

Fatma divulgou o resultado nesta sexta-feira. Dois pontos impróprios estão com solução em andamento. 


Política


Educação

Documentos deveriam ser apresentados e não foram, prazo final é terça-feira.


Geral

Sábado é Dia Internacional contra a Corrupção


Cidade

 Abraço revelou realidade cruel contra os idosos 


Cidade

Sistema será aplicado, mas sem cobrança de valores, para evitar abusos 


Esportes

Circuito acontece no final de semana


Comercial

Promoções Rosar Alimentos para esta semana


Guia Legal BC

Banda se apresenta no dia 5 de janeiro


Cidade

Prefeitura de Balneário Camboriú fará leilão no dia 13 de dezembro


Publicidade