Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Vôlei Balneário Camboriú joga em Osasco nesta terça-feira
Divulgação

Terça, 12/2/2019 15:08.

 

 

(Diego Carvalho/VBC) - A equipe do Vôlei Balneário Camboriú (VBC), única catarinense que disputa a Superliga Cimed/2019, enfrentará o Osasco/Audax, no ginásio José Liberati, em Osasco, nesta terça-feira (12), às 19h30. A partida é válida pela 6a.rodada. O VBC tem 7 pontos e está em 12o lugar na classificação e o Osasco, com 28 pontos, está na 5a.posição na classificatória.

Na próxima quinta-feira (14), o time de Balneário Camboriú jogará em casa, no ginásio Multieventos da Barra, às 20h30, contra o São Caetano, que tem 11 pontos e está na 11a.posição da competição.

VBCxBrasília

A noite de sexta-feira (8) foi marcada pelo confronto direto na tabela de classificação da Superliga Cimed 2018/2019, no Barra Multieventos, em Balneário Camboriú.

O sexteto em quadra do VBC iniciou a ‘decisão’ frente ao BRB/Brasília a todo vapor, vibrando a cada jogada que colocava a bola no chão e virando muito com a distribuição eficaz da levantadora Priscila. A vantagem de oito pontos foi aberta a partir do 15x7 e passou a ser administrada com bons saques da capitã Ivna (foto), ataques de Paula e Ariele, bloqueios de Ariane e Adri Vilvert, além de boas defesas da líbero Silvana. Não tardou para o set fechar em 25x17, com vinte minutos de partida. Era o motivo para aumentar a empolgação de um Clube que vinha de bons resultados dentro de casa nas rodadas anteriores.

Com a desvantagem, as adversárias do Cerrado endureceram o jogo no 2° set e a pontuação foi alternando um a um, com pequenas vantagens estabelecidas entre as equipes, ora para a equipe de Santa Catarina, ora para o time de Brasília até que em sequência de ataques fulminantes, Ivna colocou na diagonal e o VBC abriu 16x13, obrigando o técnico visitante a pedir tempo. Porém, o ataque seguinte foi parado por um bloqueio de Ariele e a distância cresceu. Ainda sim, as oponentes viraram e fecharam em 21x25, empatando o confronto. E ditaram também o ritmo no 3° set. Apesar de grandes defesas de Silvana e ataques impiedosos de Ivna, a parcial foi de 22x25.

Para não sofrer a derrota, as atletas do técnico Mauricio Thomas precisavam garantir o 4° set. Todavia, mesmo com muita luta e as entradas de Ana Guth, Raquel e Sabrina, BRB/Brasília fechou em 25x19 e a partida por 3 sets a 1.

O Vôlei Balneário Camboriú tem patrocínio da Embraed e Unimed. Apoio Academia Wave, Prefeitura Municipal e Fundação Municipal de Esportes.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Vôlei Balneário Camboriú joga em Osasco nesta terça-feira

Divulgação
Terça, 12/2/2019 15:08.

 

 

(Diego Carvalho/VBC) - A equipe do Vôlei Balneário Camboriú (VBC), única catarinense que disputa a Superliga Cimed/2019, enfrentará o Osasco/Audax, no ginásio José Liberati, em Osasco, nesta terça-feira (12), às 19h30. A partida é válida pela 6a.rodada. O VBC tem 7 pontos e está em 12o lugar na classificação e o Osasco, com 28 pontos, está na 5a.posição na classificatória.

Na próxima quinta-feira (14), o time de Balneário Camboriú jogará em casa, no ginásio Multieventos da Barra, às 20h30, contra o São Caetano, que tem 11 pontos e está na 11a.posição da competição.

VBCxBrasília

A noite de sexta-feira (8) foi marcada pelo confronto direto na tabela de classificação da Superliga Cimed 2018/2019, no Barra Multieventos, em Balneário Camboriú.

O sexteto em quadra do VBC iniciou a ‘decisão’ frente ao BRB/Brasília a todo vapor, vibrando a cada jogada que colocava a bola no chão e virando muito com a distribuição eficaz da levantadora Priscila. A vantagem de oito pontos foi aberta a partir do 15x7 e passou a ser administrada com bons saques da capitã Ivna (foto), ataques de Paula e Ariele, bloqueios de Ariane e Adri Vilvert, além de boas defesas da líbero Silvana. Não tardou para o set fechar em 25x17, com vinte minutos de partida. Era o motivo para aumentar a empolgação de um Clube que vinha de bons resultados dentro de casa nas rodadas anteriores.

Com a desvantagem, as adversárias do Cerrado endureceram o jogo no 2° set e a pontuação foi alternando um a um, com pequenas vantagens estabelecidas entre as equipes, ora para a equipe de Santa Catarina, ora para o time de Brasília até que em sequência de ataques fulminantes, Ivna colocou na diagonal e o VBC abriu 16x13, obrigando o técnico visitante a pedir tempo. Porém, o ataque seguinte foi parado por um bloqueio de Ariele e a distância cresceu. Ainda sim, as oponentes viraram e fecharam em 21x25, empatando o confronto. E ditaram também o ritmo no 3° set. Apesar de grandes defesas de Silvana e ataques impiedosos de Ivna, a parcial foi de 22x25.

Para não sofrer a derrota, as atletas do técnico Mauricio Thomas precisavam garantir o 4° set. Todavia, mesmo com muita luta e as entradas de Ana Guth, Raquel e Sabrina, BRB/Brasília fechou em 25x19 e a partida por 3 sets a 1.

O Vôlei Balneário Camboriú tem patrocínio da Embraed e Unimed. Apoio Academia Wave, Prefeitura Municipal e Fundação Municipal de Esportes.

Publicidade

Publicidade