Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
Toninho conquistou prata no Pan-Americano de Paraciclismo

Terça, 18/6/2019 16:19.
Divulgação.
Toninho na competição em Diadema

Publicidade

 Antônio Carlos Sanchez (Toninho), 40, do ICED/FMEBC, único representante de Balneário Camboriú no Circuito Pan-Americano de Paraciclismo de Estrada/etapa Brasil, disputada no final de semana, na paulista Diadema, conquistou duas medalhas de prata e um quarto lugar.

Na categoria Estrada/Handbike, Toninho que é tetracampeão brasileiro de paraciclismo, buscou duas pratas, no individual e em duplas. Na prova Estrada/contra relógio ele ficou em quarto lugar, com diferença de apenas alguns segundos dos que ocuparam o pódio.

“Fui bem e mal também, por falta de equipamento melhor. Competi contra os melhores do Brasil, todos com equipamento top e ainda assim cheguei em quarto na Estrada contra relógio. Tenho certeza que com equipamento igual ao deles, o resultado seria melhor”, disse Toninho ao Página3.

 Desde o início do ano, ele vem se queixando do equipamento, que está velho demais e não rende como deveria nas competições. Por isso, ele pede patrocínio para ajudar a comprar uma handbike nova.

“Estou batalhando uma handbike para as próximas etapas do Brasileiro, em setembro, em São Paulo, tomara que consiga apoio até lá”, disse.

Telefone para contato: (47) 98476-1078

Toninho, vice campeão.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Divulgação.
Toninho na competição em Diadema
Toninho na competição em Diadema

Toninho conquistou prata no Pan-Americano de Paraciclismo

Publicidade

Terça, 18/6/2019 16:19.

 Antônio Carlos Sanchez (Toninho), 40, do ICED/FMEBC, único representante de Balneário Camboriú no Circuito Pan-Americano de Paraciclismo de Estrada/etapa Brasil, disputada no final de semana, na paulista Diadema, conquistou duas medalhas de prata e um quarto lugar.

Na categoria Estrada/Handbike, Toninho que é tetracampeão brasileiro de paraciclismo, buscou duas pratas, no individual e em duplas. Na prova Estrada/contra relógio ele ficou em quarto lugar, com diferença de apenas alguns segundos dos que ocuparam o pódio.

“Fui bem e mal também, por falta de equipamento melhor. Competi contra os melhores do Brasil, todos com equipamento top e ainda assim cheguei em quarto na Estrada contra relógio. Tenho certeza que com equipamento igual ao deles, o resultado seria melhor”, disse Toninho ao Página3.

 Desde o início do ano, ele vem se queixando do equipamento, que está velho demais e não rende como deveria nas competições. Por isso, ele pede patrocínio para ajudar a comprar uma handbike nova.

“Estou batalhando uma handbike para as próximas etapas do Brasileiro, em setembro, em São Paulo, tomara que consiga apoio até lá”, disse.

Telefone para contato: (47) 98476-1078

Toninho, vice campeão.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade