Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Nise Dallago é vice-campeã brasileira de jiu jitsu
Divulgação

Segunda, 6/5/2019 13:22.

Entre os sete mil inscritos de todo o país, desde crianças até atletas masters, Balneário Camboriú disputou o Campeonato Brasileiro de Jiu Jitsu realizado em São Paulo neste final de semana com cinco lutadores e voltou com medalha de prata para Nise Dallago, campeã dos Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC) no ano passado.

Os outros quatro competidores locais foram Diogo Nascimento, Gabriel Neves, Marcos Turella e Marcio Couto

O técnico da modalidade, Aldo Max comentou a atuação do grupo.

“A Nise perdeu o ouro para a atual campeã mundial. O Diogo Nascimento fez lutas lindas, finalizou duas e ganhou outras por pontos e foi barrado apenas pelo atleta que foi o campeão. Este grupo é a base da nossa equipe e eles se testarem entre os melhores do Brasil e fazerem boas lutas mostra que nosso nível técnico está bom”, avaliou Aldo Max.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Saúde

As vizinhas Itapema (185) e Camboriú (105) lideram a lista de doentes autóctones


Justiça

MP diz que aluguel de totens de segurança causou prejuízo ao erário


Geral

Evento será nessa sexta (24) e sábado (25)


Cultura

Livro “Camboriú e Balneário e Camboriú – a história das duas cidades” em nova versão


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Nise Dallago é vice-campeã brasileira de jiu jitsu

Divulgação

Publicidade

Segunda, 6/5/2019 13:22.

Entre os sete mil inscritos de todo o país, desde crianças até atletas masters, Balneário Camboriú disputou o Campeonato Brasileiro de Jiu Jitsu realizado em São Paulo neste final de semana com cinco lutadores e voltou com medalha de prata para Nise Dallago, campeã dos Jogos Abertos de Santa Catarina (JASC) no ano passado.

Os outros quatro competidores locais foram Diogo Nascimento, Gabriel Neves, Marcos Turella e Marcio Couto

O técnico da modalidade, Aldo Max comentou a atuação do grupo.

“A Nise perdeu o ouro para a atual campeã mundial. O Diogo Nascimento fez lutas lindas, finalizou duas e ganhou outras por pontos e foi barrado apenas pelo atleta que foi o campeão. Este grupo é a base da nossa equipe e eles se testarem entre os melhores do Brasil e fazerem boas lutas mostra que nosso nível técnico está bom”, avaliou Aldo Max.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade