Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
Athletico-PR marca no fim e derrota Atlético-MG no Mineirão

Domingo, 24/11/2019 19:32.

Publicidade

O sonho do Atlético-MG de buscar a vaga na Copa Libertadores ficou ainda mais longe neste domingo. No Mineirão, o time da casa foi derrotado pelo Athletico-PR por 1 a 0, em jogo válido pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jovem Vitinho marcou o único gol da partida.

Com o título da Libertadores do Flamengo, no último sábado, o Campeonato Brasileiro ganhou mais uma vaga para a competição sul-americana. Desta forma, o Atlético-MG ainda tinha esperanças, mas ficou estacionado em 13º lugar, com 41 pontos, longe do G-8 do Brasileirão. Com vaga assegurada no torneio da América no ano que vem, o Athletico é o quinto, com 56.

O Atlético-MG colocou em campo uma escalação ofensiva, com apenas um volante e Luan recuado, jogando como meio-campista. A nova formação deu resultado e o time mineiro começou o duelo em cima, pressionando o adversário. Logo aos seis minutos, Cazares levantou para área e Fábio Santos deu um leve desvio de cabeça. Antes que a bola cruzasse a linha, Santos saltou no canto e desviou para escanteio.

Na esperteza de Luan, o Atlético-MG chegou a abrir o placar. Após cobrança de falta rápida do meia, Di Santo completou a jogada para o fundo das redes. A arbitragem invalidou o lance assinalando impedimento do centroavante argentino.

Os paranaenses conseguiram equilibrar a partida em busca de um contra-ataque. Sem sucumbir à pressão na saída de bola do rival, o Athletico-PR encontrou espaço para levar perigo. Vitinho aproveitou cruzamento de Nikão e saída errada de Cleiton e fez um leve desvio de cabeça. A bola saiu pela linha de fundo por pouco.

Apesar do susto, os donos da casa tiveram liberdade e seguiram trocando passes, mas encontraram dificuldades em acertar a última bola. Numa das raras oportunidades, Marquinhos recebeu de Cazares e finalizou cruzado. O goleiro Santos caiu bem para fazer a defesa.

O Atlético-MG tentou voltar dos vestiários com a mesma postura do primeiro tempo. Di Santo e Marquinhos chegaram com perigo, mas a defesa paranaense conseguiu escapar ilesa. Os mineiros novamente tiveram gol anulado, desta vez com Patric. Ele recebeu bola longa e tocou na saída de Santos, mas a arbitragem consultou o VAR e invalidou o lance.

Os donos da casa seguiram melhores e por pouco não abriram o placar aos 19 minutos. Cazares fez linda jogada individual, passou por Santos. Sem ângulo, o meia mandou para trás e encontrou Otero, que carimbou a trave.

Logo na sequência, as vaias tomaram conta do Mineirão quando Cazares foi substituído por Bruninho. Os torcedores reclamaram e xingaram bastante o técnico Vagner Mancini. A saída do colombiano "matou" o ataque mineiro. O Athletico aproveitou o momento e abriu o placar aos 41 minutos. A defesa do Atlético-MG cortou a bola parcialmente, Vitinho ficou com a sobra e mandou no ângulo de Cleiton, marcando belo gol.

Os dois times voltam a jogar no meio de semana. O Atlético-MG visita o Bahia, na quarta-feira, às 21 horas, na Arena Fonte nova, em Salvador. No mesmo dia, mas às 21h30, o Grêmio encara o Athletico-PR, na Arena da Baixada, em Curitiba.

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-MG 0 x 1 ATHLETICO-PR

ATLÉTICO-MG - Cleiton; Patric, Leonardo Silva, Iago Maidana e Fábio Santos; José Welison, Luan (Vinícius), Otero (Geuvânio) e Cazares (Bruninho); Marquinhos e Di Santo. Técnico: Vagner Mancini

ATHLETICO-PR - Santos; Madson, Pedro Henrique (Robson Bambu), Léo Pereira e Abner; Wellington, Bruno Guimarães (Erick) e Nikão; Thonny Anderson, Vitinho e Marco Ruben (Braian Romero). Técnico: Eduardo Barros.

GOL - Vitinho, aos 41 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Edina Alves Batista (SP).

CARTÕES AMARELOS - José Welison e Geuvânio (Atlético-MG); Thonny Anderson e Braian Romero (Athletico-PR).

RENDA - R$ 209.440,00.

PÚBLICO - 34.432 pagantes.

LOCAL - Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG).


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3

Athletico-PR marca no fim e derrota Atlético-MG no Mineirão

Publicidade

Domingo, 24/11/2019 19:32.

O sonho do Atlético-MG de buscar a vaga na Copa Libertadores ficou ainda mais longe neste domingo. No Mineirão, o time da casa foi derrotado pelo Athletico-PR por 1 a 0, em jogo válido pela 34ª rodada do Campeonato Brasileiro. O jovem Vitinho marcou o único gol da partida.

Com o título da Libertadores do Flamengo, no último sábado, o Campeonato Brasileiro ganhou mais uma vaga para a competição sul-americana. Desta forma, o Atlético-MG ainda tinha esperanças, mas ficou estacionado em 13º lugar, com 41 pontos, longe do G-8 do Brasileirão. Com vaga assegurada no torneio da América no ano que vem, o Athletico é o quinto, com 56.

O Atlético-MG colocou em campo uma escalação ofensiva, com apenas um volante e Luan recuado, jogando como meio-campista. A nova formação deu resultado e o time mineiro começou o duelo em cima, pressionando o adversário. Logo aos seis minutos, Cazares levantou para área e Fábio Santos deu um leve desvio de cabeça. Antes que a bola cruzasse a linha, Santos saltou no canto e desviou para escanteio.

Na esperteza de Luan, o Atlético-MG chegou a abrir o placar. Após cobrança de falta rápida do meia, Di Santo completou a jogada para o fundo das redes. A arbitragem invalidou o lance assinalando impedimento do centroavante argentino.

Os paranaenses conseguiram equilibrar a partida em busca de um contra-ataque. Sem sucumbir à pressão na saída de bola do rival, o Athletico-PR encontrou espaço para levar perigo. Vitinho aproveitou cruzamento de Nikão e saída errada de Cleiton e fez um leve desvio de cabeça. A bola saiu pela linha de fundo por pouco.

Apesar do susto, os donos da casa tiveram liberdade e seguiram trocando passes, mas encontraram dificuldades em acertar a última bola. Numa das raras oportunidades, Marquinhos recebeu de Cazares e finalizou cruzado. O goleiro Santos caiu bem para fazer a defesa.

O Atlético-MG tentou voltar dos vestiários com a mesma postura do primeiro tempo. Di Santo e Marquinhos chegaram com perigo, mas a defesa paranaense conseguiu escapar ilesa. Os mineiros novamente tiveram gol anulado, desta vez com Patric. Ele recebeu bola longa e tocou na saída de Santos, mas a arbitragem consultou o VAR e invalidou o lance.

Os donos da casa seguiram melhores e por pouco não abriram o placar aos 19 minutos. Cazares fez linda jogada individual, passou por Santos. Sem ângulo, o meia mandou para trás e encontrou Otero, que carimbou a trave.

Logo na sequência, as vaias tomaram conta do Mineirão quando Cazares foi substituído por Bruninho. Os torcedores reclamaram e xingaram bastante o técnico Vagner Mancini. A saída do colombiano "matou" o ataque mineiro. O Athletico aproveitou o momento e abriu o placar aos 41 minutos. A defesa do Atlético-MG cortou a bola parcialmente, Vitinho ficou com a sobra e mandou no ângulo de Cleiton, marcando belo gol.

Os dois times voltam a jogar no meio de semana. O Atlético-MG visita o Bahia, na quarta-feira, às 21 horas, na Arena Fonte nova, em Salvador. No mesmo dia, mas às 21h30, o Grêmio encara o Athletico-PR, na Arena da Baixada, em Curitiba.

FICHA TÉCNICA:

ATLÉTICO-MG 0 x 1 ATHLETICO-PR

ATLÉTICO-MG - Cleiton; Patric, Leonardo Silva, Iago Maidana e Fábio Santos; José Welison, Luan (Vinícius), Otero (Geuvânio) e Cazares (Bruninho); Marquinhos e Di Santo. Técnico: Vagner Mancini

ATHLETICO-PR - Santos; Madson, Pedro Henrique (Robson Bambu), Léo Pereira e Abner; Wellington, Bruno Guimarães (Erick) e Nikão; Thonny Anderson, Vitinho e Marco Ruben (Braian Romero). Técnico: Eduardo Barros.

GOL - Vitinho, aos 41 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Edina Alves Batista (SP).

CARTÕES AMARELOS - José Welison e Geuvânio (Atlético-MG); Thonny Anderson e Braian Romero (Athletico-PR).

RENDA - R$ 209.440,00.

PÚBLICO - 34.432 pagantes.

LOCAL - Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG).


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade