Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
Goiás vence, afunda Avaí na lanterna e sonha com vaga na Libertadores

Segunda, 4/11/2019 7:11.

Publicidade

Com dois gols nos acréscimos, o Goiás derrotou o Avaí pelo placar de 2 a 0, em partida realizada na noite deste domingo, no estádio Serra Dourada, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. De quebra, entrou de vez na briga por uma vaga na Copa Libertadores do próximo ano.

Com o resultado, o Goiás quebrou uma série de quatro tropeços consecutivos e subiu para a nona posição, com 42 pontos, contra 46 do Athletico-PR, primeiro dentro da zona de Libertadores. Já o Avaí ficou na lanterna, com 17. O Cruzeiro, primeiro fora da degola, tem 33.

Embalado pelo empate diante do líder Flamengo, o Goiás começou o primeiro tempo com o ímpeto de quem queria confirmar o quanto antes a vitória. Mas esqueceu de avisar o Avaí, que fez um jogo de igual para igual. O começo da partida, no entanto, foi de pressão por parte da equipe esmeraldina. Rafael Moura teve duas oportunidades, porém, jogou para fora.

O clube catarinense foi mais cauteloso, mas ameaçou aos 28 minutos. Em cobrança de falta de Gegê, Igor Fernandes cabeceou para grande defesa de Tadeu. A partir daí, o duelo acabou caindo de produção. O Goiás mostrou certo desgaste físico e deixou o jogo truncado. O Avaí também não se abriu, fazendo com que fossem para o intervalo com 0 a 0 no placar.

No segundo tempo, o Avaí resolveu se arriscar e chegou logo aos quatro minutos. Richard Franco arriscou de fora da área e por muito pouco não pegou Tadeu desprevenido. O goleiro salvou o Goiás mais duas vezes, em arremates de Vinícius Araújo e Gegê, este por cobertura.

O Goiás acordou e respondeu em chute de Michael, de fora da área, pela linha de fundo. O time goiano ainda chegou com Yago Felipe. Ele recebeu de Rafael Vaz e ficou na defesa milagrosa de Vladimir. Apesar de ter mais volume, a equipe visitante não conseguiu pressionar o rival e sentiu dificuldade na criação.

Nos minutos finais, o Goiás se atirou ao ataque e deu liberdade ao Avaí, que desperdiçou dois lances incríveis de vencer. Na primeira, Vinícius Araújo recebeu de Franco dentro da área e chutou para defesa de Tadeu. No rebote, Ferrareis mandou de cabeça rente à trave. Na sequência, o mesmo Vinícius Araújo recebeu em velocidade e tentou encobrir o goleiro. A bola passou raspando.

Como quem não marca, leva. O Avaí acabou castigado aos 45 minutos. Ricardo derrubou Thales dentro da área e o árbitro assinalou pênalti. Rafael Moura foi para a cobrança e fez 1 a 0. Aos 48, o time da casa fechou a conta. Rafael Moura acionou Kaio, que invadiu a área e chutou para defesa de Vladimir. Na sobra, Thalles só teve o trabalho de empurrar.

Na próxima rodada, o Goiás enfrenta o Atlético Mineiro na quarta-feira, às 20h, no Mineirão em Belo Horizonte (MG). No mesmo dia, às 21h, o Avaí recebe o Santos na Ressacada, em Florianópolis (SC).

FICHA TÉCNICA:

GOIÁS 2 x 0 AVAÍ

GOIÁS - Tadeu; Yago Rocha (Thalles), Fábio Sanches, Rafael Vaz e Jefferson (Alan Ruschel); Breno, Yago Felipe e Léo Sena; Michael, Rafael Moura e Leandro Barcia (Kaio). Técnico: Ney Franco.

AVAÍ - Vladimir; Léo, Ricardo, Betão e Igor Fernandes; Luanderson, Richard Franco e Pedro Castro (Luan Pereira); Vinícius Araújo, Brenner (Gabriel Liam) e Gegê (Gustavo Ferrareis). Técnico: Evando Camillato.

GOLS - Rafael Moura, aos 45, e Thalles, aos 48 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Vinicius Gonçalves Dias Araujo (SP).

CARTÕES AMARELOS - Fábio Sanches (Goiás); Gegê, Pedro Castro e Vladimir (Avaí).

RENDA - R$ 108.670,00.

PÚBLICO - 8.914 pagantes.

LOCAL - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3

Goiás vence, afunda Avaí na lanterna e sonha com vaga na Libertadores

Publicidade

Segunda, 4/11/2019 7:11.

Com dois gols nos acréscimos, o Goiás derrotou o Avaí pelo placar de 2 a 0, em partida realizada na noite deste domingo, no estádio Serra Dourada, pela 30ª rodada do Campeonato Brasileiro. De quebra, entrou de vez na briga por uma vaga na Copa Libertadores do próximo ano.

Com o resultado, o Goiás quebrou uma série de quatro tropeços consecutivos e subiu para a nona posição, com 42 pontos, contra 46 do Athletico-PR, primeiro dentro da zona de Libertadores. Já o Avaí ficou na lanterna, com 17. O Cruzeiro, primeiro fora da degola, tem 33.

Embalado pelo empate diante do líder Flamengo, o Goiás começou o primeiro tempo com o ímpeto de quem queria confirmar o quanto antes a vitória. Mas esqueceu de avisar o Avaí, que fez um jogo de igual para igual. O começo da partida, no entanto, foi de pressão por parte da equipe esmeraldina. Rafael Moura teve duas oportunidades, porém, jogou para fora.

O clube catarinense foi mais cauteloso, mas ameaçou aos 28 minutos. Em cobrança de falta de Gegê, Igor Fernandes cabeceou para grande defesa de Tadeu. A partir daí, o duelo acabou caindo de produção. O Goiás mostrou certo desgaste físico e deixou o jogo truncado. O Avaí também não se abriu, fazendo com que fossem para o intervalo com 0 a 0 no placar.

No segundo tempo, o Avaí resolveu se arriscar e chegou logo aos quatro minutos. Richard Franco arriscou de fora da área e por muito pouco não pegou Tadeu desprevenido. O goleiro salvou o Goiás mais duas vezes, em arremates de Vinícius Araújo e Gegê, este por cobertura.

O Goiás acordou e respondeu em chute de Michael, de fora da área, pela linha de fundo. O time goiano ainda chegou com Yago Felipe. Ele recebeu de Rafael Vaz e ficou na defesa milagrosa de Vladimir. Apesar de ter mais volume, a equipe visitante não conseguiu pressionar o rival e sentiu dificuldade na criação.

Nos minutos finais, o Goiás se atirou ao ataque e deu liberdade ao Avaí, que desperdiçou dois lances incríveis de vencer. Na primeira, Vinícius Araújo recebeu de Franco dentro da área e chutou para defesa de Tadeu. No rebote, Ferrareis mandou de cabeça rente à trave. Na sequência, o mesmo Vinícius Araújo recebeu em velocidade e tentou encobrir o goleiro. A bola passou raspando.

Como quem não marca, leva. O Avaí acabou castigado aos 45 minutos. Ricardo derrubou Thales dentro da área e o árbitro assinalou pênalti. Rafael Moura foi para a cobrança e fez 1 a 0. Aos 48, o time da casa fechou a conta. Rafael Moura acionou Kaio, que invadiu a área e chutou para defesa de Vladimir. Na sobra, Thalles só teve o trabalho de empurrar.

Na próxima rodada, o Goiás enfrenta o Atlético Mineiro na quarta-feira, às 20h, no Mineirão em Belo Horizonte (MG). No mesmo dia, às 21h, o Avaí recebe o Santos na Ressacada, em Florianópolis (SC).

FICHA TÉCNICA:

GOIÁS 2 x 0 AVAÍ

GOIÁS - Tadeu; Yago Rocha (Thalles), Fábio Sanches, Rafael Vaz e Jefferson (Alan Ruschel); Breno, Yago Felipe e Léo Sena; Michael, Rafael Moura e Leandro Barcia (Kaio). Técnico: Ney Franco.

AVAÍ - Vladimir; Léo, Ricardo, Betão e Igor Fernandes; Luanderson, Richard Franco e Pedro Castro (Luan Pereira); Vinícius Araújo, Brenner (Gabriel Liam) e Gegê (Gustavo Ferrareis). Técnico: Evando Camillato.

GOLS - Rafael Moura, aos 45, e Thalles, aos 48 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Vinicius Gonçalves Dias Araujo (SP).

CARTÕES AMARELOS - Fábio Sanches (Goiás); Gegê, Pedro Castro e Vladimir (Avaí).

RENDA - R$ 108.670,00.

PÚBLICO - 8.914 pagantes.

LOCAL - Estádio Serra Dourada, em Goiânia (GO).


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade