Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
Ceará vence confronto direto e deixa Fluminense em má situação no Brasileiro

Quinta, 31/10/2019 6:38.

Publicidade

O Ceará venceu o jogo-chave contra o Fluminense, por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, no Castelão, em Fortaleza, e abriu vantagem para a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Os cariocas, por outro lado, poderão terminar a 29.ª rodada dentro da degola.

Bergson e Mateus Gonçalves garantiram a vitória do Ceará, que chegou aos 33 pontos, na 15.ª colocação. Um degrau abaixo está o Fluminense com 30 pontos, um a mais do que a zona do descenso. O Cruzeiro com 29, porém, jogará nesta quinta-feira diante do Botafogo.

No importante confronto, os dois times começaram em busca do gol Mandantes e visitantes arriscaram chutes de longa distância. Na primeira grande oportunidade, no entanto, a bola morreu no fundo das redes. Bergson recebeu levantamento longo de Ricardinho e, que pegou a defesa carioca desarmada. Ele deu um toque com a coxa direita e bateu por baixo de Muriel. Três minutos depois, João Lucas fez Muriel trabalhar e, no rebote, Bergson desperdiçou a chance de ampliar.

O Fluminense voltou melhor no segundo tempo, enquanto o Ceará preferiu se fechar e jogar nos contra-ataques. Yony González teve duas chances. Na primeira, aos 17 minutos, Diogo Silva defendeu, e na segunda, aos 22, ele bateu para fora. Ganso também obrigou Diogo Silva a trabalhar. Aos 39 minutos, Guilherme, que acabara de entrar, bateu tirando de Diogo Silva e a bola raspou a trave.

Como o time carioca não fez, Mateus Gonçalves deu números finais aos 46 minutos do segundo tempo. Ele recebeu passe diagonal de Bergson e bateu cruzado na saída de Muriel: 2 a 0.

O Ceará voltará a campo no próximo sábado, às 19 horas, quando visitará o Palmeiras no Allianz Parque, pela 30.ª rodada. No mesmo dia e horário, o Fluminense realizará o clássico contra o Vasco, no Maracanã.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 2 X 0 FLUMINENSE

CEARÁ - Diogo Silva; Samuel Xavier, Valdo, Luiz Otávio e João Lucas (Eduardo Brock); William Oliveira, Fabinho, Ricardinho (Pedro Ken) e Thiago Galhardo (Mateus Gonçalves); Felipe Baxola e Bergson. Técnico: Adílson Batista.

FLUMINENSE - Muriel; Gilberto, Nino, Digão e Caio Henrique; Yuri Lima (Guilherme), Daniel e Ganso; Nenê (Wellington Nem), Marcos Paulo (João Pedro) e Yony González. Técnico: Marcão.

GOLS - Bergson aos 13 minutos do primeiro tempo. Mateus Gonçalves aos 46 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Leandro Pedro Vuaden (RS).

CARTÕES AMARELOS - Fabinho (Ceará); Yuri Lima (Fluminense).

RENDA e PÚBLICO - não divulgados.

LOCAL - Castelão, em Fortaleza (CE).


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3

Ceará vence confronto direto e deixa Fluminense em má situação no Brasileiro

Publicidade

Quinta, 31/10/2019 6:38.

O Ceará venceu o jogo-chave contra o Fluminense, por 2 a 0, na noite desta quarta-feira, no Castelão, em Fortaleza, e abriu vantagem para a zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro. Os cariocas, por outro lado, poderão terminar a 29.ª rodada dentro da degola.

Bergson e Mateus Gonçalves garantiram a vitória do Ceará, que chegou aos 33 pontos, na 15.ª colocação. Um degrau abaixo está o Fluminense com 30 pontos, um a mais do que a zona do descenso. O Cruzeiro com 29, porém, jogará nesta quinta-feira diante do Botafogo.

No importante confronto, os dois times começaram em busca do gol Mandantes e visitantes arriscaram chutes de longa distância. Na primeira grande oportunidade, no entanto, a bola morreu no fundo das redes. Bergson recebeu levantamento longo de Ricardinho e, que pegou a defesa carioca desarmada. Ele deu um toque com a coxa direita e bateu por baixo de Muriel. Três minutos depois, João Lucas fez Muriel trabalhar e, no rebote, Bergson desperdiçou a chance de ampliar.

O Fluminense voltou melhor no segundo tempo, enquanto o Ceará preferiu se fechar e jogar nos contra-ataques. Yony González teve duas chances. Na primeira, aos 17 minutos, Diogo Silva defendeu, e na segunda, aos 22, ele bateu para fora. Ganso também obrigou Diogo Silva a trabalhar. Aos 39 minutos, Guilherme, que acabara de entrar, bateu tirando de Diogo Silva e a bola raspou a trave.

Como o time carioca não fez, Mateus Gonçalves deu números finais aos 46 minutos do segundo tempo. Ele recebeu passe diagonal de Bergson e bateu cruzado na saída de Muriel: 2 a 0.

O Ceará voltará a campo no próximo sábado, às 19 horas, quando visitará o Palmeiras no Allianz Parque, pela 30.ª rodada. No mesmo dia e horário, o Fluminense realizará o clássico contra o Vasco, no Maracanã.

FICHA TÉCNICA

CEARÁ 2 X 0 FLUMINENSE

CEARÁ - Diogo Silva; Samuel Xavier, Valdo, Luiz Otávio e João Lucas (Eduardo Brock); William Oliveira, Fabinho, Ricardinho (Pedro Ken) e Thiago Galhardo (Mateus Gonçalves); Felipe Baxola e Bergson. Técnico: Adílson Batista.

FLUMINENSE - Muriel; Gilberto, Nino, Digão e Caio Henrique; Yuri Lima (Guilherme), Daniel e Ganso; Nenê (Wellington Nem), Marcos Paulo (João Pedro) e Yony González. Técnico: Marcão.

GOLS - Bergson aos 13 minutos do primeiro tempo. Mateus Gonçalves aos 46 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Leandro Pedro Vuaden (RS).

CARTÕES AMARELOS - Fabinho (Ceará); Yuri Lima (Fluminense).

RENDA e PÚBLICO - não divulgados.

LOCAL - Castelão, em Fortaleza (CE).


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade