Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
Projeto ‘Tá na bola, tá na escola’ recebeu ajuda da Federação Catarinense de Futebol

Sexta, 5/6/2020 16:22.
Divulgação/FCF
A entrega aconteceu na sede da FCF

Publicidade

O projeto ‘Tá na bola, tá na escola’, sediado no Bairro dos Municípios, onde atende cerca de 150 jovens, através de trabalho voluntário e social, sem fins lucrativos, recebeu doação de bolas e coletes da Federação Catarinense de Futebol (FCF), nesta quinta-feira (4).

Criado e liderado pelo professor Onivaldo Aparecido do Carmo (Neka), presidente e ex-preparador físico do Marcílio Dias, e pela diretora Paula Aparecida da Silva, o projeto tem por objetivo ajudar na formação das crianças não só como atletas, mas principalmente como cidadãos de caráter.

A ação da FCF foi uma parceria com Artur Gayer, Diretor da Guarda Municipal de Balneário, que contribuiu com álcool em gel e máscaras.

“A Federação Catarinense fez essa doação de maneira inesperada e foi muito importante para nosso projeto”, disse o professor Neka.

Da direita para esquerda, professor Alex Chaves, Paulo Feio, Neka, Bruno e professor Christian.

Homenagem

O Instituto Neka do Carmo mudou de nome. Agora chama-se ‘Escola de Futebol Paulo Feio’, uma homenagem ao vice-presidente da instituição que faleceu no início da pandemia.

“Paulo Feio é o apelido carinhoso que damos ao Paulo Luciano, meu braço direito desde que o instituto foi fundado. Eu dei o nome de Escola de Futebol Paulo Feio para homenagear ele que infartou desesperado com a Pandemia, porque tinha problemas de respiração”, disse Neka.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação/FCF
A entrega aconteceu na sede da FCF
A entrega aconteceu na sede da FCF

Projeto ‘Tá na bola, tá na escola’ recebeu ajuda da Federação Catarinense de Futebol

Publicidade

Sexta, 5/6/2020 16:22.

O projeto ‘Tá na bola, tá na escola’, sediado no Bairro dos Municípios, onde atende cerca de 150 jovens, através de trabalho voluntário e social, sem fins lucrativos, recebeu doação de bolas e coletes da Federação Catarinense de Futebol (FCF), nesta quinta-feira (4).

Criado e liderado pelo professor Onivaldo Aparecido do Carmo (Neka), presidente e ex-preparador físico do Marcílio Dias, e pela diretora Paula Aparecida da Silva, o projeto tem por objetivo ajudar na formação das crianças não só como atletas, mas principalmente como cidadãos de caráter.

A ação da FCF foi uma parceria com Artur Gayer, Diretor da Guarda Municipal de Balneário, que contribuiu com álcool em gel e máscaras.

“A Federação Catarinense fez essa doação de maneira inesperada e foi muito importante para nosso projeto”, disse o professor Neka.

Da direita para esquerda, professor Alex Chaves, Paulo Feio, Neka, Bruno e professor Christian.

Homenagem

O Instituto Neka do Carmo mudou de nome. Agora chama-se ‘Escola de Futebol Paulo Feio’, uma homenagem ao vice-presidente da instituição que faleceu no início da pandemia.

“Paulo Feio é o apelido carinhoso que damos ao Paulo Luciano, meu braço direito desde que o instituto foi fundado. Eu dei o nome de Escola de Futebol Paulo Feio para homenagear ele que infartou desesperado com a Pandemia, porque tinha problemas de respiração”, disse Neka.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade