Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
COB produz cartilha para os atletas seguirem durante o isolamento

Segunda, 23/3/2020 19:10.
Wander Roberto/Inovafoto/COB
Coordenadora médica do COB, Ana Carolina Côrte

Publicidade

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) produziu um manual específico para os atletas com diversas recomendações para evitar o contágio e a proliferação do coronavírus. O material divulgado nesta segunda-feira traz ainda dicas de treinamentos adaptados para o período em que os atletas estarão em isolamento dentro de casa, por causa da pandemia do coronavírus.

"Vivemos uma situação totalmente atípica. Quando recomendamos isolamento social, lavar bem as mãos, passar álcool em gel, além de higiene ao tossir e espirrar, é justamente para evitar a transmissão do vírus. É a única forma de contermos essa pandemia", afirmou a coordenadora médica do COB, Ana Carolina Côrte.

Um ponto da cartilha destaca os esportes coletivos. "Eles têm características de aglomerações: ambientes dos clubes, locais com muitas pessoas e competições com grandes públicos. Então, eles são pessoas super importantes no controle da transmissão do vírus", disse a médica.

O manual reforça a importância de uma alimentação saudável, que ajude a mantê-los com a imunidade alta, e da qualidade do sono. "Devemos lembrar que eles são seres humanos como quaisquer outros e inspiram os mesmos cuidados", alertou a especialista em Medicina do Exercício e do Esporte.

Além dos cuidados com a saúde, o manual orienta que os atletas mantenham o foco nos treinamentos. "Procuramos apresentar sugestões que contribuam para a efetividade do treinamento, minimizando os impactos na mudança de rotina dos atletas. Nosso objetivo é auxiliar e orientar atletas, para reduzir ao mínimo as perdas físicas e o risco de lesão", disse o gerente-executivo de Alto Rendimento do COB, Sebastian Pereira.

Desenvolvido pela equipe de preparação física do COB, o programa de treinos pode ser realizado em qualquer ambiente e possui múltiplas possibilidades de adaptação das atividades.

"Assim que ultrapassarmos essa etapa, temos que levar em consideração o retorno aos treinamentos técnicos de alta intensidade, que devem ser de forma gradual. Todos estarão em condições para suportarem os treinamentos, foco principal ao sairmos dessa crise", afirmou o ex-judoca.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Wander Roberto/Inovafoto/COB
Coordenadora médica do COB, Ana Carolina Côrte
Coordenadora médica do COB, Ana Carolina Côrte

COB produz cartilha para os atletas seguirem durante o isolamento

Publicidade

Segunda, 23/3/2020 19:10.

O Comitê Olímpico do Brasil (COB) produziu um manual específico para os atletas com diversas recomendações para evitar o contágio e a proliferação do coronavírus. O material divulgado nesta segunda-feira traz ainda dicas de treinamentos adaptados para o período em que os atletas estarão em isolamento dentro de casa, por causa da pandemia do coronavírus.

"Vivemos uma situação totalmente atípica. Quando recomendamos isolamento social, lavar bem as mãos, passar álcool em gel, além de higiene ao tossir e espirrar, é justamente para evitar a transmissão do vírus. É a única forma de contermos essa pandemia", afirmou a coordenadora médica do COB, Ana Carolina Côrte.

Um ponto da cartilha destaca os esportes coletivos. "Eles têm características de aglomerações: ambientes dos clubes, locais com muitas pessoas e competições com grandes públicos. Então, eles são pessoas super importantes no controle da transmissão do vírus", disse a médica.

O manual reforça a importância de uma alimentação saudável, que ajude a mantê-los com a imunidade alta, e da qualidade do sono. "Devemos lembrar que eles são seres humanos como quaisquer outros e inspiram os mesmos cuidados", alertou a especialista em Medicina do Exercício e do Esporte.

Além dos cuidados com a saúde, o manual orienta que os atletas mantenham o foco nos treinamentos. "Procuramos apresentar sugestões que contribuam para a efetividade do treinamento, minimizando os impactos na mudança de rotina dos atletas. Nosso objetivo é auxiliar e orientar atletas, para reduzir ao mínimo as perdas físicas e o risco de lesão", disse o gerente-executivo de Alto Rendimento do COB, Sebastian Pereira.

Desenvolvido pela equipe de preparação física do COB, o programa de treinos pode ser realizado em qualquer ambiente e possui múltiplas possibilidades de adaptação das atividades.

"Assim que ultrapassarmos essa etapa, temos que levar em consideração o retorno aos treinamentos técnicos de alta intensidade, que devem ser de forma gradual. Todos estarão em condições para suportarem os treinamentos, foco principal ao sairmos dessa crise", afirmou o ex-judoca.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade