Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Esporte
Avaí bate Operário, obtém segunda vitória seguida e fica de olho no G4 da Série B

Quinta, 3/9/2020 7:20.

Publicidade

O Operário-PR poderia ter assumido a liderança da Série B do Campeonato Brasileiro, mas o Avaí não deixou. O time do técnico Geninho alcançou sua segunda vitória seguida, ao fazer 2 a 0 nos paranaenses, nesta quarta-feira, no Estádio da Ressacada, em Florianópolis, pela sétima rodada.

Pedro Castro e Daniel Amorim garantiram os gols do terceiro triunfo do Avaí que chegou aos nove pontos, três a menos do que o Operário e quatro a menos do que a zona de acesso. O clube de Ponta Grossa, enquanto isso, perdeu sua invencibilidade na Série B.

Avaí e Operário fizeram um primeiro tempo movimentado. Se Lucas Frigeri defendeu a cabeçada de Rafael Bonfim logo no primeiro minuto de jogo, Rodrigo Viana pegou a cabeçada de Rômulo. Aos 12 minutos, Pedro Castro, em posição de impedimento, ganhou a disputa da bola na área e colocou no fundo das redes do Operário

Os visitantes responderam aos 17 minutos com uma bomba de Thomas, mas Frigeri espalmou. O Avaí teve calma e conseguiu o segundo gol, aos 37 minutos. Arnaldo cruzou na medida e Daniel Amorim ampliou de cabeça.

O Operário voltou com tudo no segundo tempo. Roger, que entrou na vaga de Schumacher, recebeu de Douglas Coutinho e acertou a trave. O clube de Ponta Grossa até tentou mais algumas vezes, mas sem sucesso. O Avaí soube esfriar o jogo e garantir os três pontos.

O Avaí voltará a campo no domingo, às 11 horas, quando enfrentará a Chapecoense na Arena Condá, em Chapecó (SC). No sábado, às 19 horas, o Operário receberá o Guarani no estádio Germano Kruger, em Ponta Grossa.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ 2 X 0 OPERÁRIO

AVAÍ - Lucas Frigeri; Arnaldo (Emerson Tucão), Rafael Pereira, Betão e Capa; Ralf, Jean (Bruno Silva), Pedro Castro e Valdívia (Leonan); Daniel Amorim (Gaston Rodríguez) e Rômulo (Lourenço). Técnico: Geninho.

OPERÁRIO - Rodrigo Viana; Sávio, Bonfim, Ricardo Silva (Maranhão) e Reniê; Jardel (Rafael Chorão), Jorge Jiménez e Thomaz (Jean Carlo); Julinho (Fabiano), Douglas Coutinho e Schumacher (Roger). Técnico: Gerson Gusmão.

GOLS - Pedro Castro, aos 12 e Daniel Amorim, aos 37 minutos, do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Douglas Schwengber da Silva (RS).

CARTÕES AMARELOS - Capa, Leonan e Lucas Frigeri (AVAÍ); Julinho, Jean Carlo e Bonfim (OPERÁRIO).

RENDA E PÚBLICO - Jogo disputado com portões fechados.

LOCAL - Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3

Avaí bate Operário, obtém segunda vitória seguida e fica de olho no G4 da Série B

Publicidade

Quinta, 3/9/2020 7:20.

O Operário-PR poderia ter assumido a liderança da Série B do Campeonato Brasileiro, mas o Avaí não deixou. O time do técnico Geninho alcançou sua segunda vitória seguida, ao fazer 2 a 0 nos paranaenses, nesta quarta-feira, no Estádio da Ressacada, em Florianópolis, pela sétima rodada.

Pedro Castro e Daniel Amorim garantiram os gols do terceiro triunfo do Avaí que chegou aos nove pontos, três a menos do que o Operário e quatro a menos do que a zona de acesso. O clube de Ponta Grossa, enquanto isso, perdeu sua invencibilidade na Série B.

Avaí e Operário fizeram um primeiro tempo movimentado. Se Lucas Frigeri defendeu a cabeçada de Rafael Bonfim logo no primeiro minuto de jogo, Rodrigo Viana pegou a cabeçada de Rômulo. Aos 12 minutos, Pedro Castro, em posição de impedimento, ganhou a disputa da bola na área e colocou no fundo das redes do Operário

Os visitantes responderam aos 17 minutos com uma bomba de Thomas, mas Frigeri espalmou. O Avaí teve calma e conseguiu o segundo gol, aos 37 minutos. Arnaldo cruzou na medida e Daniel Amorim ampliou de cabeça.

O Operário voltou com tudo no segundo tempo. Roger, que entrou na vaga de Schumacher, recebeu de Douglas Coutinho e acertou a trave. O clube de Ponta Grossa até tentou mais algumas vezes, mas sem sucesso. O Avaí soube esfriar o jogo e garantir os três pontos.

O Avaí voltará a campo no domingo, às 11 horas, quando enfrentará a Chapecoense na Arena Condá, em Chapecó (SC). No sábado, às 19 horas, o Operário receberá o Guarani no estádio Germano Kruger, em Ponta Grossa.

FICHA TÉCNICA

AVAÍ 2 X 0 OPERÁRIO

AVAÍ - Lucas Frigeri; Arnaldo (Emerson Tucão), Rafael Pereira, Betão e Capa; Ralf, Jean (Bruno Silva), Pedro Castro e Valdívia (Leonan); Daniel Amorim (Gaston Rodríguez) e Rômulo (Lourenço). Técnico: Geninho.

OPERÁRIO - Rodrigo Viana; Sávio, Bonfim, Ricardo Silva (Maranhão) e Reniê; Jardel (Rafael Chorão), Jorge Jiménez e Thomaz (Jean Carlo); Julinho (Fabiano), Douglas Coutinho e Schumacher (Roger). Técnico: Gerson Gusmão.

GOLS - Pedro Castro, aos 12 e Daniel Amorim, aos 37 minutos, do primeiro tempo.

ÁRBITRO - Douglas Schwengber da Silva (RS).

CARTÕES AMARELOS - Capa, Leonan e Lucas Frigeri (AVAÍ); Julinho, Jean Carlo e Bonfim (OPERÁRIO).

RENDA E PÚBLICO - Jogo disputado com portões fechados.

LOCAL - Estádio da Ressacada, em Florianópolis (SC).


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade