Jornal Página 3

Corpo encontrado ontem era do pescador que naufragou sexta-feira

O corpo encontrado no final da manhã de terça-feira (12), na Praia dos Amores, era mesmo do funcionário da Marina Tedesco, Valmir da Silva, que havia desaparecido após acidente no mar, na sexta-feira, enquanto pescava com o colega Everton Hercílio da Luz.

Ainda havia dúvidas sobre a identificação, porque o corpo não havia sido reconhecido por um familiar e pelo pessoal da Marina. Foi necessário um exame de digitais para comprovar que se tratava de Valmir.

O velório será às 17h na Capela Mortuária da Barra e o sepultamento às 9h da manhã.

O acidente

Valmir estava pescando em um barco pequeno com o colega de trabalho, Everton Hercílio da Luz, quando algum tipo de acidente aconteceu. O barco apareceu na costa logo após o acidente e estava bem deteriorado, como se tivesse se chocado em algo. Ambos trabalhavam na Marina Tedesco e eram experientes no mar.

Valmir deixa a esposa e duas filhas. Everton Hercílio da Luz deixa esposa e três filhas.

Logo após a notícia sobre o fato, a Marina Tedesco emitiu uma nota de pesar, lamentando a morte prematura do coordenador operacional e do técnico, cada um com pelo menos 10 anos de empresa.


Quarta, 13/9/2017 10:53.
Publicidade


Colunistas
por Fabi Langaro Loos
por Saint Clair Nickelle
por Augusto Cesar Diegoli
por Céres Fabiana Felski
por Sonia Tetto
Cidade

Prefeitura quer iniciar a cobrança ainda neste ano 


Cidade

Fundação Cultural desenvolve projeto de valorização do artesanato indígena


Cultura

Na programação 76 filmes, feira, cursos e palestras  


Cidade

Vereadores Probst e Piruka exageraram em suas afirmações 


Esportes

Eles foram convocados para integrar a seleção brasileira  


Cidade

Para votar é preciso apresentar documento de identidade com foto e comprovante de residência


Esportes

Evento será na Barra, com entrada franca


Esportes

Competição segue até dia 26 de novembro com intensa programação


Cultura

Diversos títulos à venda e apresentações para os pequenos


Publicidade

Projetos têm nomes de árvores nativas e podem ser adequados ao gosto dos clientes


Publicidade