Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Univali apresenta plano de manejo da APA Orla de Itajaí e do Canto do Morcego
Divulgação

Sexta, 14/9/2018 11:24.

A comunidade poderá participar, a partir da próxima semana, das apresentações da última etapa do plano de manejo de duas unidades de conservação em processo de criação na Orla de Itajaí - a Área de Proteção Ambiental (APA) Orla de Itajaí e o Parque Natural Municipal Canto do Morcego, que será incluído na APA.

O plano está sendo elaborado pelo Laboratório de Conservação e Gestão Costeira da Universidade do Vale do Itajaí (Univali).
Os encontros para socialização do instrumento de gestão ocorrerão em três bairros da cidade: dia 17 de setembro (segunda-feira) na Praia Brava, dia 18 (terça-feira) na Fazenda, e dia 26 (quarta-feira) em Cabeçudas.

A APA consiste em uma categoria de unidade de conservação de uso sustentável, de domínio particular e público que tem como objetivo conservar a biodiversidade e disciplinar o uso e a ocupação do espaço. Já o Parque é uma categoria de proteção integral e de domínio público, cujo objetivo é a preservação de ecossistemas e da beleza cênica, possibilitando pesquisa, a educação ambiental, a recreação em contato com a natureza e o turismo ecológico.

Nos encontros serão socializados o zoneamento, as normas de uso e os programas da APA e do Parque. Em março deste ano também foi apresentado à comunidade o diagnóstico da área em questão que, após validado, deu continuidade ao plano de manejo por meio de diversas oficinas com um grupo de trabalho representado por diversas instituições que têm relação direta com a região em questão, resultando em um processo técnico-participativo.

O plano de manejo é um instrumento de gestão para que as duas unidades de conservação cumpram seus objetivos. Trata-se de uma experiência inovadora com o objetivo de harmonizar o interesse dos mais diversos atores que possuem influência direta e indireta no local. Como a APA integra parte dos bairros da Praia Brava, de Cabeçudas e da Fazenda, o conteúdo será exposto nos três bairros, para a comunidade ter mais de uma opção de local para participar. As reuniões serão todas abertas ao público.

Programação:

- 17/09, às 19h - Praia Brava - Majestic Beach Club (Antigo Donatella)
Rua Julio Kumm, 20/esquina com Av. José Medeiros Vieira

- 18/09, às 19h - Fazenda – E.B. Gaspar da Costa Moraes
Av. Osvaldo Reis, 54 - Fazenda

- 26/09, às 19h - Cabeçudas – Local a definir

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Geral

20 são em uma lojas de fast food Burguer King  


Justiça

Acusado diz que falará primeiro com seu advogado antes de se manifestar. Ele foi penalizado com advertência.


Cidade

Esta é uma das últimas etapas para obtenção da Bandeira Azul


Cidade

Lei municipal que favorecia os consumidores foi derrubada pelo Supremo 


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Univali apresenta plano de manejo da APA Orla de Itajaí e do Canto do Morcego

Divulgação

A comunidade poderá participar, a partir da próxima semana, das apresentações da última etapa do plano de manejo de duas unidades de conservação em processo de criação na Orla de Itajaí - a Área de Proteção Ambiental (APA) Orla de Itajaí e o Parque Natural Municipal Canto do Morcego, que será incluído na APA.

O plano está sendo elaborado pelo Laboratório de Conservação e Gestão Costeira da Universidade do Vale do Itajaí (Univali).
Os encontros para socialização do instrumento de gestão ocorrerão em três bairros da cidade: dia 17 de setembro (segunda-feira) na Praia Brava, dia 18 (terça-feira) na Fazenda, e dia 26 (quarta-feira) em Cabeçudas.

A APA consiste em uma categoria de unidade de conservação de uso sustentável, de domínio particular e público que tem como objetivo conservar a biodiversidade e disciplinar o uso e a ocupação do espaço. Já o Parque é uma categoria de proteção integral e de domínio público, cujo objetivo é a preservação de ecossistemas e da beleza cênica, possibilitando pesquisa, a educação ambiental, a recreação em contato com a natureza e o turismo ecológico.

Nos encontros serão socializados o zoneamento, as normas de uso e os programas da APA e do Parque. Em março deste ano também foi apresentado à comunidade o diagnóstico da área em questão que, após validado, deu continuidade ao plano de manejo por meio de diversas oficinas com um grupo de trabalho representado por diversas instituições que têm relação direta com a região em questão, resultando em um processo técnico-participativo.

O plano de manejo é um instrumento de gestão para que as duas unidades de conservação cumpram seus objetivos. Trata-se de uma experiência inovadora com o objetivo de harmonizar o interesse dos mais diversos atores que possuem influência direta e indireta no local. Como a APA integra parte dos bairros da Praia Brava, de Cabeçudas e da Fazenda, o conteúdo será exposto nos três bairros, para a comunidade ter mais de uma opção de local para participar. As reuniões serão todas abertas ao público.

Programação:

- 17/09, às 19h - Praia Brava - Majestic Beach Club (Antigo Donatella)
Rua Julio Kumm, 20/esquina com Av. José Medeiros Vieira

- 18/09, às 19h - Fazenda – E.B. Gaspar da Costa Moraes
Av. Osvaldo Reis, 54 - Fazenda

- 26/09, às 19h - Cabeçudas – Local a definir

Publicidade

Publicidade