Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Grupo Charruas, de Balneário Camboriú, campeão de danças populares do Festival de Joinville
Alceu Bett
A coreografia campeã

Segunda, 29/7/2019 11:35.

O Grupo Artístico Charruas, de Balneário Camboriú, conquistou o título de campeão da categoria Danças Populares do Festival de Dança de Joinville. A final aconteceu no último dia 22, mas a entrega do troféu inédito para o grupo e para Balneário Camboriú, aconteceu na Noite dos Campeões, que encerrou o festival neste sábado(27).

Desde 2010 quando o grupo de folclore gaúcho foi criado em Balneário Camboriú, muitos títulos regionais e estaduais foram conquistados. Há nove anos o grupo participa do Festival de Dança de Joinville, há seis anos na parte competitiva, sempre ‘batendo na trave’, como disse um dos diretores do grupo, Jardel Bazi.

“São nove anos conquistando muitos títulos, mas o que faltava era o Festival de Dança de Joinville, que finalmente conseguimos. Nos cinco últimos sempre chegamos muito perto, mas este ano conquistamos o tão esperado título, logo de primeira. Foi uma alegria tão grande, a ficha ainda não caiu até agora”, contou Jardel.


A coreografia

“Milonga para Missões” é a coreografia campeã, montada pelos coreógrafos Osmar Gulanovski, Tania Rauber Gulanovski e Waldir Coral, este último contratado este ano pelo grupo.

“Trabalhamos durante um ano essa coreografia, estava muito bem elaborada, estávamos bem focados, não tem como explicar, é muito emocionante, gratificante, é uma sensação que não sabemos descrever, a reação do público e o que sentimos enquanto apresentamos nosso trabalho”, contou Jardel.

Todos os campeões por categorias voltaram ao palco na Noite dos Campeões, para receber seu troféu e um deles seria o campeão dos campeões e receberia um prêmio de R$ 30 mil.

“Mesmo não ganhando como campeão geral, o mais importante para nós foi o título de campeão da categoria Danças Populares Brasileiras e estar no palco na noite de encerramento, foi muito importante, não tem como explicar em palavras o que isso significa”., afirmou Jardel.


Os integrantes

Divulgação/Grupo Charruas

O grupo alcançou um sonho de cinco anos

O grupo tem 20 integrantes. A coreografia campeã envolveu 16 deles. São comerciantes, empresários, profissionais liberais, nenhum deles é profissional de dança.

“Somos um grupo amador. Tudo é amor pela dança e sempre queremos mais. O que nos une é a tradição gaúcha e o amor pela dança”, segue o diretor.

Ele contou que gaúcho do Rio Grande do Sul tem dois ou três, os outros são gaúchos de Santa Catarina, gaúchos do Paraná e de outros estados.]

“Gaúcho é um estilo de vida...somos todos gaúchos de coração. O grupo está aberto, se alguém quiser participar, não precisa ser nascido no Rio Grande do Sul, apenas precisa conhecer um pouco sobre a tradição gaúcha”, convidou.


Patrocínio

Até aqui, o grupo tem andando com as ‘próprias pernas’. A expectativa é que com esta conquista surjam interessados em patrocinar o Charruas.

“Esperamos daqui pra frente algum patrocínio, todas as despesas são tiradas do bolso, mensalidade cada bailarino paga a sua...roupas, ônibus tudo por nossa conta, não temos patrocinador, tudo é custeado pelo grupo e às vezes deixamos de ir para fora do Estado, porque não temos dinheiro”, enfatizou Jardel.


Interessados podem contatar pelos fones: (47) 99221-5762/(47) 3081-4590

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Grupo Charruas, de Balneário Camboriú, campeão de danças populares do Festival de Joinville

Alceu Bett
A coreografia campeã
A coreografia campeã

Publicidade

Segunda, 29/7/2019 11:35.

O Grupo Artístico Charruas, de Balneário Camboriú, conquistou o título de campeão da categoria Danças Populares do Festival de Dança de Joinville. A final aconteceu no último dia 22, mas a entrega do troféu inédito para o grupo e para Balneário Camboriú, aconteceu na Noite dos Campeões, que encerrou o festival neste sábado(27).

Desde 2010 quando o grupo de folclore gaúcho foi criado em Balneário Camboriú, muitos títulos regionais e estaduais foram conquistados. Há nove anos o grupo participa do Festival de Dança de Joinville, há seis anos na parte competitiva, sempre ‘batendo na trave’, como disse um dos diretores do grupo, Jardel Bazi.

“São nove anos conquistando muitos títulos, mas o que faltava era o Festival de Dança de Joinville, que finalmente conseguimos. Nos cinco últimos sempre chegamos muito perto, mas este ano conquistamos o tão esperado título, logo de primeira. Foi uma alegria tão grande, a ficha ainda não caiu até agora”, contou Jardel.


A coreografia

“Milonga para Missões” é a coreografia campeã, montada pelos coreógrafos Osmar Gulanovski, Tania Rauber Gulanovski e Waldir Coral, este último contratado este ano pelo grupo.

“Trabalhamos durante um ano essa coreografia, estava muito bem elaborada, estávamos bem focados, não tem como explicar, é muito emocionante, gratificante, é uma sensação que não sabemos descrever, a reação do público e o que sentimos enquanto apresentamos nosso trabalho”, contou Jardel.

Todos os campeões por categorias voltaram ao palco na Noite dos Campeões, para receber seu troféu e um deles seria o campeão dos campeões e receberia um prêmio de R$ 30 mil.

“Mesmo não ganhando como campeão geral, o mais importante para nós foi o título de campeão da categoria Danças Populares Brasileiras e estar no palco na noite de encerramento, foi muito importante, não tem como explicar em palavras o que isso significa”., afirmou Jardel.


Os integrantes

Divulgação/Grupo Charruas

O grupo alcançou um sonho de cinco anos

O grupo tem 20 integrantes. A coreografia campeã envolveu 16 deles. São comerciantes, empresários, profissionais liberais, nenhum deles é profissional de dança.

“Somos um grupo amador. Tudo é amor pela dança e sempre queremos mais. O que nos une é a tradição gaúcha e o amor pela dança”, segue o diretor.

Ele contou que gaúcho do Rio Grande do Sul tem dois ou três, os outros são gaúchos de Santa Catarina, gaúchos do Paraná e de outros estados.]

“Gaúcho é um estilo de vida...somos todos gaúchos de coração. O grupo está aberto, se alguém quiser participar, não precisa ser nascido no Rio Grande do Sul, apenas precisa conhecer um pouco sobre a tradição gaúcha”, convidou.


Patrocínio

Até aqui, o grupo tem andando com as ‘próprias pernas’. A expectativa é que com esta conquista surjam interessados em patrocinar o Charruas.

“Esperamos daqui pra frente algum patrocínio, todas as despesas são tiradas do bolso, mensalidade cada bailarino paga a sua...roupas, ônibus tudo por nossa conta, não temos patrocinador, tudo é custeado pelo grupo e às vezes deixamos de ir para fora do Estado, porque não temos dinheiro”, enfatizou Jardel.


Interessados podem contatar pelos fones: (47) 99221-5762/(47) 3081-4590

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade