Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Arvelino Bini, ex-combatente homenageado por Bolsonaro, faleceu aos 98 anos
Redes sociais.

Sábado, 18/5/2019 18:29.

O cirurgião dentista e ex-combatente da Força Expedicionária Brasileira (FEB), Arvelino Bini, 98 anos, catarinense de Rio do Sul, que há muitos anos residia em Balneário Camboriú, faleceu neste sábado (18) de causas naturais.

Ele participou da Segunda Guerra Mundial como integrante da FEB e na recente visita do presidente Jair Bolsonaro a Camboriú, o Ten.Cel.do Exército foi homenageado e abraçado pelo chefe do Executivo nacional.

Formado em Odontologia, Bini foi fundador da Associação Brasileira de Odontologia/Regional Itajaí. Trabalhou como dentista até os 90 anos.

Depois seu consultório passou a ser ocupado por um dos netos.

Sempre muito envolvido com as causas comunitárias, foi um dos fundadores do Lions Clube Itajaí Verde Vale, que presidiu por seis mandatos.

Também foi presidente da Sociedade Guarani, de Itajaí.

Bini deixa a esposa Ilze Machado Bini, os filhos Valéria, Fátima e Renato, sete netos e dois bisnetos.

Seu corpo será velado no Crematório Vaticano, a partir das 19 horas deste sábado.

Amanhã (19), haverá uma celebração de encomendação do corpo, às 10 horas e a despedida está marcada para às 15 horas, no Crematório.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Arvelino Bini, ex-combatente homenageado por Bolsonaro, faleceu aos 98 anos

Redes sociais.

Publicidade

Sábado, 18/5/2019 18:29.

O cirurgião dentista e ex-combatente da Força Expedicionária Brasileira (FEB), Arvelino Bini, 98 anos, catarinense de Rio do Sul, que há muitos anos residia em Balneário Camboriú, faleceu neste sábado (18) de causas naturais.

Ele participou da Segunda Guerra Mundial como integrante da FEB e na recente visita do presidente Jair Bolsonaro a Camboriú, o Ten.Cel.do Exército foi homenageado e abraçado pelo chefe do Executivo nacional.

Formado em Odontologia, Bini foi fundador da Associação Brasileira de Odontologia/Regional Itajaí. Trabalhou como dentista até os 90 anos.

Depois seu consultório passou a ser ocupado por um dos netos.

Sempre muito envolvido com as causas comunitárias, foi um dos fundadores do Lions Clube Itajaí Verde Vale, que presidiu por seis mandatos.

Também foi presidente da Sociedade Guarani, de Itajaí.

Bini deixa a esposa Ilze Machado Bini, os filhos Valéria, Fátima e Renato, sete netos e dois bisnetos.

Seu corpo será velado no Crematório Vaticano, a partir das 19 horas deste sábado.

Amanhã (19), haverá uma celebração de encomendação do corpo, às 10 horas e a despedida está marcada para às 15 horas, no Crematório.

 

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade