Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Geral
Autopista vai contra a vontade popular e implantará mão única na Marginal Oeste

Segunda, 25/11/2019 18:13.

Publicidade

A Autopista Litoral Sul e a Agência Nacional de Transportes Terrestres decidiram voltar a adotar mão única na Marginal Oeste da BR-101, prejudicando os moradores do Nova Esperança, São Judas, Barra etc.

Semanas atrás a Autopista informou à administração municipal que a mudança seria necessária em decorrência do Centro de Eventos, mas não avisou que a alteração seria imediata, antes do verão e sem que o espaço de feiras e convenções tenha sido sequer licitado.

Acabar com a mão inglesa naquele trecho da Marginal Oeste e permitir que o túnel dê saída apenas do São Judas para a BR-101, forçará os moradores que querem vir a Balneário a fazerem o retorno no Speedway, aumentando a viagem em 3,6 Km.

É certo que se o Centro de Eventos estivesse funcionando seria impossível manter a mão inglesa porque a tendência seria travar as marginais Leste e Oeste, mas o Governo do Estado sequer lançou a licitação, faltam meses para aquele espaço funcionar.

Existe a promessa que se a prefeitura colocar semáforos, voltará a mão inglesa no túnel, mas a Autopista, o passado demonstra, não é uma empresa confiável.

O prefeito Fabrício Oliveira tentará abrir uma rua ligando o Nova Esperança direto no túnel, mas qualquer solução demanda tempo.

Os moradores do Nova Esperança estão indignados e provavelmente farão manifestações.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3

Autopista vai contra a vontade popular e implantará mão única na Marginal Oeste

Publicidade

Segunda, 25/11/2019 18:13.

A Autopista Litoral Sul e a Agência Nacional de Transportes Terrestres decidiram voltar a adotar mão única na Marginal Oeste da BR-101, prejudicando os moradores do Nova Esperança, São Judas, Barra etc.

Semanas atrás a Autopista informou à administração municipal que a mudança seria necessária em decorrência do Centro de Eventos, mas não avisou que a alteração seria imediata, antes do verão e sem que o espaço de feiras e convenções tenha sido sequer licitado.

Acabar com a mão inglesa naquele trecho da Marginal Oeste e permitir que o túnel dê saída apenas do São Judas para a BR-101, forçará os moradores que querem vir a Balneário a fazerem o retorno no Speedway, aumentando a viagem em 3,6 Km.

É certo que se o Centro de Eventos estivesse funcionando seria impossível manter a mão inglesa porque a tendência seria travar as marginais Leste e Oeste, mas o Governo do Estado sequer lançou a licitação, faltam meses para aquele espaço funcionar.

Existe a promessa que se a prefeitura colocar semáforos, voltará a mão inglesa no túnel, mas a Autopista, o passado demonstra, não é uma empresa confiável.

O prefeito Fabrício Oliveira tentará abrir uma rua ligando o Nova Esperança direto no túnel, mas qualquer solução demanda tempo.

Os moradores do Nova Esperança estão indignados e provavelmente farão manifestações.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade