Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Geral
Conferência de Políticas para Mulheres começa nesta sexta na Univali

Quinta, 28/11/2019 14:11.
Divulgação
A presidente do Comum, Mariene

Publicidade

A 5ª Conferência de Políticas para as Mulheres, realizada pelo Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (COMUM), inicia nesta sexta-feira (29), na Univali de Balneário Camboriú, às 18h. e segue no sábado (30), no mesmo local, às 8h. O tema será “Garantias e Avanços de Direitos das Mulheres: Democracia, Respeito, Diversidade e Autonomia”.

A presidente do Comum, Mariene de Sena Silva explicou que serão apresentadas as propostas em busca de melhorias de vida para as mulheres sugeridas nas cinco pré-conferências que surgiram nas reuniões que o conselho realizou em cinco bairros do município. Também haverá palestras.

“Esta reunião tem um papel fundamental que é nortear as políticas públicas direcionadas. É o momento de propormos melhorias e mudanças tanto em nível municipal quanto estadual e federal. Aqui no município, especificamente, vai nos ajudar a construir uma Política Municipal para as Mulheres, que já é a vontade do Conselho e da SDIS também. Quando envolvemos as comunidades nesse processo de construção, não só legitimamos um projeto, mas também tornamos as mulheres envolvidas como realmente autoras da política que virá. Esse processo de participação é fundamental e é onde vemos o exercício da democracia direta acontecendo”, disse a presidente.

As sugestões de Balneário Camboriú serão levadas para a etapa Estadual e, por fim, para a Nacional.

Em Balneário Camboriú a atenção às mulheres tem recebido atenção e incentivos este ano. Um exemplo foi a criação, neste ano, do programa Abraço à Mulher, uma ferramenta para a proteção das mulheres vítimas de violência, prestando atendimento 24h, com assistência jurídica, acompanhamento psicológico, encaminhamentos a rede de apoio e a grupos focais.

Também esse ano, foi inaugurada a Casa da Mulher e do Voluntariado que oferece diversos cursos, capacitações, atividades em grupos e uma rede de acolhimento e retomada da autoestima das mulheres.

Desde 2017 funciona na cidade a Casa das Anas, abrigo para mulheres, e seus filhos, vítimas de violência.

Mariene lembrou que nos dias da conferência, serão arrecadados produtos de higiene pessoal e roupas íntimas femininas para doação. Ela recomenda que cada participante leve seu copo/caneca para que o evento seja mais sustentável.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Divulgação
A presidente do Comum, Mariene
A presidente do Comum, Mariene

Conferência de Políticas para Mulheres começa nesta sexta na Univali

Publicidade

Quinta, 28/11/2019 14:11.

A 5ª Conferência de Políticas para as Mulheres, realizada pelo Conselho Municipal dos Direitos da Mulher (COMUM), inicia nesta sexta-feira (29), na Univali de Balneário Camboriú, às 18h. e segue no sábado (30), no mesmo local, às 8h. O tema será “Garantias e Avanços de Direitos das Mulheres: Democracia, Respeito, Diversidade e Autonomia”.

A presidente do Comum, Mariene de Sena Silva explicou que serão apresentadas as propostas em busca de melhorias de vida para as mulheres sugeridas nas cinco pré-conferências que surgiram nas reuniões que o conselho realizou em cinco bairros do município. Também haverá palestras.

“Esta reunião tem um papel fundamental que é nortear as políticas públicas direcionadas. É o momento de propormos melhorias e mudanças tanto em nível municipal quanto estadual e federal. Aqui no município, especificamente, vai nos ajudar a construir uma Política Municipal para as Mulheres, que já é a vontade do Conselho e da SDIS também. Quando envolvemos as comunidades nesse processo de construção, não só legitimamos um projeto, mas também tornamos as mulheres envolvidas como realmente autoras da política que virá. Esse processo de participação é fundamental e é onde vemos o exercício da democracia direta acontecendo”, disse a presidente.

As sugestões de Balneário Camboriú serão levadas para a etapa Estadual e, por fim, para a Nacional.

Em Balneário Camboriú a atenção às mulheres tem recebido atenção e incentivos este ano. Um exemplo foi a criação, neste ano, do programa Abraço à Mulher, uma ferramenta para a proteção das mulheres vítimas de violência, prestando atendimento 24h, com assistência jurídica, acompanhamento psicológico, encaminhamentos a rede de apoio e a grupos focais.

Também esse ano, foi inaugurada a Casa da Mulher e do Voluntariado que oferece diversos cursos, capacitações, atividades em grupos e uma rede de acolhimento e retomada da autoestima das mulheres.

Desde 2017 funciona na cidade a Casa das Anas, abrigo para mulheres, e seus filhos, vítimas de violência.

Mariene lembrou que nos dias da conferência, serão arrecadados produtos de higiene pessoal e roupas íntimas femininas para doação. Ela recomenda que cada participante leve seu copo/caneca para que o evento seja mais sustentável.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade