Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Geral
CDL BC comemora 43 anos com palestras online

Nesta segunda-feira o presidente Vilton dos Santos falará sobre associativismo

Segunda, 17/8/2020 16:28.
Divulgação/CDL/BC
Dia Livre de Impostos

Publicidade

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Vilton João dos Santos estará apresentando palestra sobre a “Importância do Associativismo em Tempos de Pandemia, junto com o presidente da Federação Catarinense de Dirigentes Lojistas (FCDL) de Santa Catarina, Ivan Tauffer, nesta segunda-feira (17), dia em que a entidade local está comemorando 43 anos de fundação.

A transmissão será às 20h pelo Instagram da @cdl.bcsc.

Desde o último dia 10 estão acontecendo palestras online abertas ao público, que seguirão até o próximo dia 28, para comemorar o aniversário da CDL, fundada em 17 de agosto de 1977. Hoje é a entidade de classe mais antiga da cidade.

Programação

Na próxima quarta (19), Magnun Barcarol e Alexandre Lima falarão sobre Gestão de Pessoas: Atrair, Reter e Motivar, e na sexta (21), o desembargador do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), Wanderley Godoy Júnior, e advogado João Sabino conversarão sobre “Direito do Trabalho após Reforma e Pandemia”. Os encontros iniciam sempre às 20h no Instagram da entidade.

Na semana do dia 24 a 28 de agosto, a CDL Jovem comandará os encontros onlines com cases de empresas da região que buscaram a inovação para alavancar negócios, a exemplo da Next Shipping, Riders Bike e Juliano Vendas.

“Escolhemos temas que podem inspirar os empreendedores e contribuir com a tomada de decisão das empresas associadas”, explica o presidente da CDL BC.

Cursos Certificados

Para incentivar a interação do público, a CDL BC está presenteando todos os participantes das palestras com cursos certificados da Universidade Corporativa CDL, além de prêmios super especiais das cooperativas parceiras.

“Quase todos os anos, a entidade promove uma ampla programação com a participação dos associados e diretoria. Respeitando todos os protocolos de segurança determinados pelos órgãos de saúde, a programação está inteiramente online, com ótimas novidades para o setor lojista”, observa Vilton.

História

Desde a fundação, a CDL sempre esteve ligada à defesa de importantes bandeiras socioeconômicas locais. Entre o final da década de 1980 e início da década 1990, associados da CDL ajudaram a cobrar mais infraestrutura de distribuição de água e tratamento de esgoto à Casan, estatal responsável pelo serviço na época. Na década de 1990, a duplicação da BR-101 em Santa Catarina e a construção do 12º Batalhão da Polícia Militar em Balneário Camboriú – com o objetivo de não depender mais do comando da corporação em Itajaí – já estavam nas pautas de demandas da entidade.

Em parceria com o sindicato do comércio, a entidade também conquistou uma de suas mais emblemáticas bandeiras: a lei do horário livre para o comércio, que ganhou a permissão oficial para abrir inclusive em domingos e feriados nacionais. Até hoje, um dos grandes diferenciais turísticos de Balneário Camboriú é o horário flexível das lojas, que só não podem abrir em apenas 2 dias do ano: Natal e Dia do Trabalho. Em nenhuma outra cidade de Santa Catarina, o comércio abre 363 dias do ano.

Outra clássica luta do comércio local foi uma legislação municipal de proibição a eventos itinerantes – no estilo “feira de verão” – em Balneário Camboriú. A defesa da CDL sempre foi em prol do comércio fundamentado na cidade, que gera empregos e paga impostos e alugueis caros o ano inteiro. A lógica da medida é a proteção ao setor justamente na época do ano de maior movimento para o comércio local.

A alta carga tributária no Brasil também rendeu participações da CDL de Balneário Camboriú em passeatas e movimentos nacionais ao longo da história. Em 1994, diretores da entidade já saíam às ruas, ao lado de outras associações de Santa Catarina, para pedir a reforma tributária no país. Vinte e cinco anos depois, o tema segue na pauta. Uma das mais famosas ações das CDLs em todo o Brasil, atualmente, é o Impostossauro. Em Santa Catarina, o movimento é organizado pelas CDLs Jovens e reivindica a redução das altas taxas de impostos nos mais variados setores do varejo nacional.

Galeria de Imagens históricas

Construção da sede própria da CDL/BC

Camvel recém inaugurada

Farmácia Central de Olávio Mafra

L.Martins Materiais de Construção. Na década de 1980 foi comprada pela Casas D'Água

Luciene Calçados, década de 60

Avenida Central, década de 70

Dimatel Iluminação, década de 70

Supermercado Meschke

Desfile na Vive La Vie


Fonte: Buriti Jornalistas Associados


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Divulgação/CDL/BC
Dia Livre de Impostos
Dia Livre de Impostos

CDL BC comemora 43 anos com palestras online

Nesta segunda-feira o presidente Vilton dos Santos falará sobre associativismo

Publicidade

Segunda, 17/8/2020 16:28.

O presidente da Câmara de Dirigentes Lojistas (CDL), Vilton João dos Santos estará apresentando palestra sobre a “Importância do Associativismo em Tempos de Pandemia, junto com o presidente da Federação Catarinense de Dirigentes Lojistas (FCDL) de Santa Catarina, Ivan Tauffer, nesta segunda-feira (17), dia em que a entidade local está comemorando 43 anos de fundação.

A transmissão será às 20h pelo Instagram da @cdl.bcsc.

Desde o último dia 10 estão acontecendo palestras online abertas ao público, que seguirão até o próximo dia 28, para comemorar o aniversário da CDL, fundada em 17 de agosto de 1977. Hoje é a entidade de classe mais antiga da cidade.

Programação

Na próxima quarta (19), Magnun Barcarol e Alexandre Lima falarão sobre Gestão de Pessoas: Atrair, Reter e Motivar, e na sexta (21), o desembargador do Tribunal Regional do Trabalho (TRT), Wanderley Godoy Júnior, e advogado João Sabino conversarão sobre “Direito do Trabalho após Reforma e Pandemia”. Os encontros iniciam sempre às 20h no Instagram da entidade.

Na semana do dia 24 a 28 de agosto, a CDL Jovem comandará os encontros onlines com cases de empresas da região que buscaram a inovação para alavancar negócios, a exemplo da Next Shipping, Riders Bike e Juliano Vendas.

“Escolhemos temas que podem inspirar os empreendedores e contribuir com a tomada de decisão das empresas associadas”, explica o presidente da CDL BC.

Cursos Certificados

Para incentivar a interação do público, a CDL BC está presenteando todos os participantes das palestras com cursos certificados da Universidade Corporativa CDL, além de prêmios super especiais das cooperativas parceiras.

“Quase todos os anos, a entidade promove uma ampla programação com a participação dos associados e diretoria. Respeitando todos os protocolos de segurança determinados pelos órgãos de saúde, a programação está inteiramente online, com ótimas novidades para o setor lojista”, observa Vilton.

História

Desde a fundação, a CDL sempre esteve ligada à defesa de importantes bandeiras socioeconômicas locais. Entre o final da década de 1980 e início da década 1990, associados da CDL ajudaram a cobrar mais infraestrutura de distribuição de água e tratamento de esgoto à Casan, estatal responsável pelo serviço na época. Na década de 1990, a duplicação da BR-101 em Santa Catarina e a construção do 12º Batalhão da Polícia Militar em Balneário Camboriú – com o objetivo de não depender mais do comando da corporação em Itajaí – já estavam nas pautas de demandas da entidade.

Em parceria com o sindicato do comércio, a entidade também conquistou uma de suas mais emblemáticas bandeiras: a lei do horário livre para o comércio, que ganhou a permissão oficial para abrir inclusive em domingos e feriados nacionais. Até hoje, um dos grandes diferenciais turísticos de Balneário Camboriú é o horário flexível das lojas, que só não podem abrir em apenas 2 dias do ano: Natal e Dia do Trabalho. Em nenhuma outra cidade de Santa Catarina, o comércio abre 363 dias do ano.

Outra clássica luta do comércio local foi uma legislação municipal de proibição a eventos itinerantes – no estilo “feira de verão” – em Balneário Camboriú. A defesa da CDL sempre foi em prol do comércio fundamentado na cidade, que gera empregos e paga impostos e alugueis caros o ano inteiro. A lógica da medida é a proteção ao setor justamente na época do ano de maior movimento para o comércio local.

A alta carga tributária no Brasil também rendeu participações da CDL de Balneário Camboriú em passeatas e movimentos nacionais ao longo da história. Em 1994, diretores da entidade já saíam às ruas, ao lado de outras associações de Santa Catarina, para pedir a reforma tributária no país. Vinte e cinco anos depois, o tema segue na pauta. Uma das mais famosas ações das CDLs em todo o Brasil, atualmente, é o Impostossauro. Em Santa Catarina, o movimento é organizado pelas CDLs Jovens e reivindica a redução das altas taxas de impostos nos mais variados setores do varejo nacional.

Galeria de Imagens históricas

Construção da sede própria da CDL/BC

Camvel recém inaugurada

Farmácia Central de Olávio Mafra

L.Martins Materiais de Construção. Na década de 1980 foi comprada pela Casas D'Água

Luciene Calçados, década de 60

Avenida Central, década de 70

Dimatel Iluminação, década de 70

Supermercado Meschke

Desfile na Vive La Vie


Fonte: Buriti Jornalistas Associados

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade