Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Geral
Fazenda está atendendo 350 pessoas por dia: serviços podem ser feitos online

Sexta, 24/1/2020 17:21.
Divulgação/PMBC

Publicidade

A Secretaria da Fazenda de Balneário Camboriú está fazendo diariamente cerca de 350 atendimentos, esse número poderia ser bem menor, já que todos os serviços presenciais podem ser feitos de forma online, como protocolo, pedido de alvará, emissão de nota fiscal eletrônica e até das guias do IPTU 2020.

O diretor de Arrecadação da secretaria, Eduardo Machado Mafra, conta que diariamente cerca de 350 pessoas são atendidas na Fazenda, e que o objetivo é reduzir esse número com os serviços online.

“O contribuinte consegue fazer tudo em casa, pelo computador ou celular, desde protocolo, pedido de alvará – inclusive os motoristas de aplicativo não precisam ir até a prefeitura, podem ir direto no Departamento de Trânsito ou fazer tudo online”, diz.

As notas fiscais eletrônicas também podem ser emitidas de casa, assim como boletins de débitos, além de certidão negativa de débitos, guias de pagamento – débitos vencidos e a vencer. No site da prefeitura (www.bc.sc.gov.br) há os e-mails de todos os setores da Fazenda à disposição do público.

“Tudo pode fazer pela internet, até o ITBI e a emissão das guias do IPTU de 2020. Nos prédios o IPTU é entregue, mas em casos de casas e terrenos a pessoa deve ir no Colégio Ivo Silveira e para os moradores da região Sul ao Colégio Dona Lili. Quem não quiser ir presencialmente, pode emitir online”, salienta.

Segundo o diretor, o objetivo é atender tanto o cidadão quanto empresas de forma mais rápida, sem precisar ir até a prefeitura, que também se beneficia com o serviço online. “Hoje o contribuinte consegue acompanhar o andamento de seu processo pela internet. Isso é positivo para os gestores também porque o poder de resposta acaba sendo mais rápido. A nossa intenção é fazermos menos atendimentos presenciais, visando atingir o objetivo de fazer uma prefeitura sem o uso de papel, acabando com os processos físicos e gerando assim economia para o município”, completa.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação/PMBC

Fazenda está atendendo 350 pessoas por dia: serviços podem ser feitos online

Publicidade

Sexta, 24/1/2020 17:21.

A Secretaria da Fazenda de Balneário Camboriú está fazendo diariamente cerca de 350 atendimentos, esse número poderia ser bem menor, já que todos os serviços presenciais podem ser feitos de forma online, como protocolo, pedido de alvará, emissão de nota fiscal eletrônica e até das guias do IPTU 2020.

O diretor de Arrecadação da secretaria, Eduardo Machado Mafra, conta que diariamente cerca de 350 pessoas são atendidas na Fazenda, e que o objetivo é reduzir esse número com os serviços online.

“O contribuinte consegue fazer tudo em casa, pelo computador ou celular, desde protocolo, pedido de alvará – inclusive os motoristas de aplicativo não precisam ir até a prefeitura, podem ir direto no Departamento de Trânsito ou fazer tudo online”, diz.

As notas fiscais eletrônicas também podem ser emitidas de casa, assim como boletins de débitos, além de certidão negativa de débitos, guias de pagamento – débitos vencidos e a vencer. No site da prefeitura (www.bc.sc.gov.br) há os e-mails de todos os setores da Fazenda à disposição do público.

“Tudo pode fazer pela internet, até o ITBI e a emissão das guias do IPTU de 2020. Nos prédios o IPTU é entregue, mas em casos de casas e terrenos a pessoa deve ir no Colégio Ivo Silveira e para os moradores da região Sul ao Colégio Dona Lili. Quem não quiser ir presencialmente, pode emitir online”, salienta.

Segundo o diretor, o objetivo é atender tanto o cidadão quanto empresas de forma mais rápida, sem precisar ir até a prefeitura, que também se beneficia com o serviço online. “Hoje o contribuinte consegue acompanhar o andamento de seu processo pela internet. Isso é positivo para os gestores também porque o poder de resposta acaba sendo mais rápido. A nossa intenção é fazermos menos atendimentos presenciais, visando atingir o objetivo de fazer uma prefeitura sem o uso de papel, acabando com os processos físicos e gerando assim economia para o município”, completa.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade