- Publicidade -
- Publicidade -
16.7 C
Balneário Camboriú
- Publicidade -

Leia também

- Publicidade -

Você é bom de matemática?

Às vezes, as coisas mudam. Por exemplo, o primeiro torneio mundial de futebol feminino surgiu em 1970, mesmo ano em que se criou a Loteria Esportiva no Brasil, a Loteca.

A versão atual da Copa do Mundo feminina foi criada em 1991. E toda essa atividade esportiva das mulheres foi ignorada por quase todo mundo durante décadas.

Este ano é diferente. Nunca se viu tanta atenção em torno da Copa do Mundo feminina na mídia, e qualquer pessoa maior de idade no Brasil pode até apostar em jogos femininos, não só da Copa como de outros torneios além de muitas outras modalidades esportivas. E as apostas ficam ainda melhores com o código bônus bet365.

- Publicidade -

Uma coisa que não muda é a atenção que quase ninguém dá para a Olimpíada Brasileira de Matemática. Você sabia que ela está acontecendo? Você pelo menos sabia que ela existe? A sua escola alguma vez mencionou essa competição?

A primeira Olimpíada Internacional de Matemática aconteceu na Romênia em 1959. A edição brasileira começou em 1979, e notícias a seu respeito na mídia ainda não são muito comuns. Mas é claro que aqui, na Página 3, nós vamos falar dela.

Não é muito fácil participar da competição. As inscrições não são abertas, dependem de convite, e talvez isso seja um motivo para tão pouca popularidade.

Este ano, só foram convidados estudantes que tiveram pontuação alta na edição brasileira do ano passado e os melhores competidores das Olimpíadas Regionais de 2022 e 2023.

Existem quatro níveis que englobam alunos do sexto ao último ano do Ensino Fundamental, todo o Ensino Médio e todo o Nível Universitário.

Os concorrentes passam dois dias fazendo provas que duram quatro horas e meia. A boa e velha sorte não tem vez aqui: respostas só são aceitas com a devida comprovação dos cálculos e raciocínio empregado.

A Olimpíada Brasileira é coisa séria. Os melhores da competição têm a chance de representar o país em torneios internacionais.

- Publicidade -

E os brasileiros têm se saído muito bem! Ganharam uma medalha de ouro, duas de prata e três de bronze na Olimpíada Internacional de 2023, que aconteceu no Japão, e duas medalhas de ouro, uma de prata e duas de bronze na edição de 2022, que aconteceu na Noruega. É aquela mesma competição que começou na Romênia em 1959, e foi realizada no Brasil em 2017.

Mas quem serão esses gênios que disputam e até vencem uma Olimpíada de matemática? Pois são jovens normais das escolas do Brasil.

O ganhador do ouro na Olimpíada Internacional de 2023 foi Matheus Alencar de Moraes, um cearense de apenas 16 anos.

Esta página tem muitas fotos de alunos premiados com medalhas ou menção honrosa em olimpíadas regionais. Se você os visse casualmente na rua, imaginaria que são “atletas” olímpicos? Pois é. Você mesmo, leitor ou leitora, ou quem sabe algum dos seus filhos bem que poderia estar lá. Por que não?

Infelizmente, a Olimpíada de Matemática ainda é pouco conhecida e nada popular. Mas um verdadeiro campeão não precisa de nada disso para competir. O que conta mesmo são a vontade de vencer e a competência para fazer contas. Depois, pode até contar vantagem!

- Publicidade -
- publicidade -
- publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -
- Publicidade -