Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Obituário
Faleceu de covid-19 o Dr. Nelson Barichello

Domingo, 2/8/2020 11:38.

Publicidade

O médico intensivista e nefrologista Nelson Barichello, 70, faleceu na manhã deste domingo, 2, vítima da Covid-19, após um longo período internado. Ele trabalhava na UTI do Hospital Marieta quando foi contaminado há cerca de 50 dias. Ele também era professor do curso de Medicina da Univali.

Quando testou positivo, ele não quis internar, mas semanas depois, com a piora do quadro de saúde, foi internado em UTI.

Natural de Curitibanos, Nelson formou-se em medicina na Universidade Federal de Santa Catarina. Depois trabalhou em Alta Floresta (MT), onde construiu o primeiro hospital daquela região, que funcionava com gerador de energia.

Há pouco mais de três décadas veio morar em Balneário Camboriú, para ficar mais perto da família, buscar mais qualidade de vida e porque seu irmão Walter Barichello, já falecido, já residia na praia.

“Era uma pessoa muito querida por todos, ele era leve e divertido, todo mundo gostava dele”, descreveu a sobrinha Christina Barichello, secretária municipal da Inclusão Social em Balneário Camboriú.

Nelson era casado com a fisioterapeuta Juliana Barichello e o casal tinha um filho, Benjamin, de 10 anos.

O corpo foi cremado na manhã deste domingo na presença da esposa e de uma médica.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3

Faleceu de covid-19 o Dr. Nelson Barichello

Publicidade

Domingo, 2/8/2020 11:38.

O médico intensivista e nefrologista Nelson Barichello, 70, faleceu na manhã deste domingo, 2, vítima da Covid-19, após um longo período internado. Ele trabalhava na UTI do Hospital Marieta quando foi contaminado há cerca de 50 dias. Ele também era professor do curso de Medicina da Univali.

Quando testou positivo, ele não quis internar, mas semanas depois, com a piora do quadro de saúde, foi internado em UTI.

Natural de Curitibanos, Nelson formou-se em medicina na Universidade Federal de Santa Catarina. Depois trabalhou em Alta Floresta (MT), onde construiu o primeiro hospital daquela região, que funcionava com gerador de energia.

Há pouco mais de três décadas veio morar em Balneário Camboriú, para ficar mais perto da família, buscar mais qualidade de vida e porque seu irmão Walter Barichello, já falecido, já residia na praia.

“Era uma pessoa muito querida por todos, ele era leve e divertido, todo mundo gostava dele”, descreveu a sobrinha Christina Barichello, secretária municipal da Inclusão Social em Balneário Camboriú.

Nelson era casado com a fisioterapeuta Juliana Barichello e o casal tinha um filho, Benjamin, de 10 anos.

O corpo foi cremado na manhã deste domingo na presença da esposa e de uma médica.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade