Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Crime passional: homem é morto enquanto dormia em Balneário Camboriú

Quarta, 6/12/2017 16:01.

Um crime passional aconteceu no começo da manhã desta quarta-feira (6) na Rua João Francisco dos Santos, Bairro Pioneiros, em Balneário Camboriú.

Uma mulher contou que pouco antes das 8h, seu ex-companheiro Maximiliano Siqueira Mendes, invadiu o apartamento e atirou contra o atual namorado dela, que estava dormindo no quarto.

A vítima foi identificada como Alex da Rocha Dalmeida, 31 anos.

Maximiliano fugiu logo em seguida em um carro e ainda não foi localizado.

Ele tem várias passagens pela polícia por crimes como ameaça, tentativa de homicídio, lesão corporal e desobediência.

A vítima também tinha alguns boletins de ocorrência em seu nome por ameaças, lesão corporal e porte ilegal de arma de fogo com numeração suprimida.

As buscas pelo autor continuam. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Esportes

Jogo de estreia será no ginásio da Barra às 20h ingressos à venda


Cidade

Centro de Eventos de Balneário Camboriú será o maior do Sul do país  


Cidade

Toda a comunidade pode participar no próximo domingo


Cidade

Obra é cara e mal explicada 


Publicidade


Variedades

A chegada do bom velhinho também dá inicio a uma intensa programação cultural  


Geral

Participe da votação online!


Informe Comercial


Cultura

A entrada é gratuita, com contribuição de um quilo de alimento não perecível


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Crime passional: homem é morto enquanto dormia em Balneário Camboriú

Quarta, 6/12/2017 16:01.

Um crime passional aconteceu no começo da manhã desta quarta-feira (6) na Rua João Francisco dos Santos, Bairro Pioneiros, em Balneário Camboriú.

Uma mulher contou que pouco antes das 8h, seu ex-companheiro Maximiliano Siqueira Mendes, invadiu o apartamento e atirou contra o atual namorado dela, que estava dormindo no quarto.

A vítima foi identificada como Alex da Rocha Dalmeida, 31 anos.

Maximiliano fugiu logo em seguida em um carro e ainda não foi localizado.

Ele tem várias passagens pela polícia por crimes como ameaça, tentativa de homicídio, lesão corporal e desobediência.

A vítima também tinha alguns boletins de ocorrência em seu nome por ameaças, lesão corporal e porte ilegal de arma de fogo com numeração suprimida.

As buscas pelo autor continuam. A Polícia Civil vai investigar o caso.

Publicidade

Publicidade