Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Policia
Principal suspeito de ataque contra PM em Camboriú é morto em Itajaí

Terça, 8/10/2019 17:46.
Divulgação
Leonardo Valério dos Santos, suspeito de ter atirado em um policial ontem foi morto hoje tarde

Publicidade

Leonardo Valério dos Santos, 18 anos, foi morto em combate com a Polícia Militar na tarde de hoje (8) em Itajaí. Ele é o principal suspeito de atirar na noite de ontem (7) contra o policial militar aposentado Orlando Moreira, 59 anos, que está internado em um hospital de Florianópolis. A motivação seria as três mortes recentes de traficantes em combates com a PM, sendo uma forma de 'rechação'.

Segundo a PM de Itajaí, após investigações os policiais ficaram sabendo que Leonardo seria o principal suspeito de ter cometido o atentado contra o Sargento Orlando na noite de ontem.

Desde que o crime aconteceu, a PM de toda a região uniu forças à procura dos suspeitos. Segundo informações, dois homens chegaram em uma motocicleta na Farmácia Super Popular, que fica na Rua Monte Agulhas Negras, no Bairro Monte Alegre, em Camboriú, onde Orlando trabalhava como segurança e atiraram cinco vezes contra ele (no joelho direito, mão, mandíbula, dorso e abdômen).

As investigações indicavam que Leonardo estava escondido no Loteamento São Pedro, em Itajaí. As equipes policiais identificaram o local e fizeram a entrada para abordagem juntamente com o PPT (Pelotão de Patrulhamento Tático) do 1º BPM de Itajaí.

Durante as buscas, por volta das 16h, os policiais teriam se deparado com um homem que efetuou disparos de arma de fogo contra eles, sendo prontamente revidado. O homem era Leonardo. Ele morreu no local, onde foi apreendido um revólver calibre .38, com quatro munições, sendo duas percutidas e duas deflagradas.

Leonardo possuía 19 passagens pela polícia, principalmente por tráfico de drogas.

O PM Orlando segue internado em Florianópolis. Segundo o Comandante do Batalhão da PM de Balneário, Alexandre Coelho, o estado dele é estável. Moreira passou por uma cirurgia no abdômen (a de maior gravidade) ainda ontem e tirou parte do intestino, mas o procedimento foi 'muito bem sucedido', tanto que não precisou nem de bolsa de colostomia.


Relacionada: Sargento aposentado da PM é baleado em Camboriú e está em estado grave


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Divulgação
Leonardo Valério dos Santos, suspeito de ter atirado em um policial ontem foi morto hoje tarde
Leonardo Valério dos Santos, suspeito de ter atirado em um policial ontem foi morto hoje tarde

Principal suspeito de ataque contra PM em Camboriú é morto em Itajaí

Publicidade

Terça, 8/10/2019 17:46.

Leonardo Valério dos Santos, 18 anos, foi morto em combate com a Polícia Militar na tarde de hoje (8) em Itajaí. Ele é o principal suspeito de atirar na noite de ontem (7) contra o policial militar aposentado Orlando Moreira, 59 anos, que está internado em um hospital de Florianópolis. A motivação seria as três mortes recentes de traficantes em combates com a PM, sendo uma forma de 'rechação'.

Segundo a PM de Itajaí, após investigações os policiais ficaram sabendo que Leonardo seria o principal suspeito de ter cometido o atentado contra o Sargento Orlando na noite de ontem.

Desde que o crime aconteceu, a PM de toda a região uniu forças à procura dos suspeitos. Segundo informações, dois homens chegaram em uma motocicleta na Farmácia Super Popular, que fica na Rua Monte Agulhas Negras, no Bairro Monte Alegre, em Camboriú, onde Orlando trabalhava como segurança e atiraram cinco vezes contra ele (no joelho direito, mão, mandíbula, dorso e abdômen).

As investigações indicavam que Leonardo estava escondido no Loteamento São Pedro, em Itajaí. As equipes policiais identificaram o local e fizeram a entrada para abordagem juntamente com o PPT (Pelotão de Patrulhamento Tático) do 1º BPM de Itajaí.

Durante as buscas, por volta das 16h, os policiais teriam se deparado com um homem que efetuou disparos de arma de fogo contra eles, sendo prontamente revidado. O homem era Leonardo. Ele morreu no local, onde foi apreendido um revólver calibre .38, com quatro munições, sendo duas percutidas e duas deflagradas.

Leonardo possuía 19 passagens pela polícia, principalmente por tráfico de drogas.

O PM Orlando segue internado em Florianópolis. Segundo o Comandante do Batalhão da PM de Balneário, Alexandre Coelho, o estado dele é estável. Moreira passou por uma cirurgia no abdômen (a de maior gravidade) ainda ontem e tirou parte do intestino, mas o procedimento foi 'muito bem sucedido', tanto que não precisou nem de bolsa de colostomia.


Relacionada: Sargento aposentado da PM é baleado em Camboriú e está em estado grave


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade