Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Policia
Ex-funcionária do Fort Atacadista é presa após furtar o local

Quinta, 5/9/2019 11:42.
Reprodução

Publicidade

No final da manhã de ontem (4), uma mulher de 47 anos, identificada como L.T.P., foi presa no Fort Atacadista, que fica no Bairro dos Estados. Ela era ex-funcionária do local.

Segundo a Polícia Militar, o caso aconteceu por volta das 11h45. A mulher foi flagrada por ex-colegas de trabalho e detida por seguranças do supermercado.

Uma das colaboradoras do Fort, que é auxiliar de prevenção, identificou L.T.P., que havia entrado no estabelecimento sem calçado nos pés, calçou um par de chinelos que estava à venda, e teria consumido diversos produtos enquanto estava lá.

Após um tempo, a mulher saiu do local sem pagar nenhum dos itens, momento em que foi detida pelos seguranças até a chegada da Polícia Militar.

L.T.P. foi presa e encaminhada à delegacia. 


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Opinião

"Com estes valores, nenhuma unidade de saúde consegue se manter como PORTA ABERTA"


Cidade

Prefeitura é dona de terreno, próximo ao local, que poderia receber o Mercado


Brasil


Política

O vereador aproveitou que estava em Brasília pra falar sobre o saneamento básico de Camboriú


Cidade


Publicidade


Publicidade


Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Ex-funcionária do Fort Atacadista é presa após furtar o local

Reprodução

Publicidade

Quinta, 5/9/2019 11:42.

No final da manhã de ontem (4), uma mulher de 47 anos, identificada como L.T.P., foi presa no Fort Atacadista, que fica no Bairro dos Estados. Ela era ex-funcionária do local.

Segundo a Polícia Militar, o caso aconteceu por volta das 11h45. A mulher foi flagrada por ex-colegas de trabalho e detida por seguranças do supermercado.

Uma das colaboradoras do Fort, que é auxiliar de prevenção, identificou L.T.P., que havia entrado no estabelecimento sem calçado nos pés, calçou um par de chinelos que estava à venda, e teria consumido diversos produtos enquanto estava lá.

Após um tempo, a mulher saiu do local sem pagar nenhum dos itens, momento em que foi detida pelos seguranças até a chegada da Polícia Militar.

L.T.P. foi presa e encaminhada à delegacia. 


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade