Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Polícia
Trio é preso com drogas, arma de fogo e munições em Balneário Camboriú

Terça, 18/2/2020 9:37.
Divulgação

Publicidade

Dois homens e uma mulher foram presos, na tarde de segunda-feira (17), no Bairro dos Municípios, com drogas, arma de fogo e munições e dinheiro. Eles respondem por tráfico de drogas, associação para o tráfico, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, desobediência, desacato e resistência.

Segundo a Polícia Militar, policiais vinham recebendo diversas denúncias de que dois homens estariam traficando drogas no condomínio que fica na Sexta Avenida com a Rua Caçador, no Bairro dos Municípios. O local já era conhecido como ponto de venda de entorpecentes.

Para comercializar as drogas a dupla utilizava um apartamento para armazenar os ‘produtos’, e na segunda-feira, por volta das 16h, PMs em rondas conseguiram ver os dois saindo de um dos blocos do condomínio. Quando eles perceberam a presença da viatura começaram a correr, acessando a Rua Chapecó, que fica nas proximidades.

Os policiais pediram que parassem, mas eles não teriam obedecido. Um dos homens acessou o bloco 4 do condomínio e o outro o bloco 2. Com um deles, que foi abordado, a polícia encontrou cinco torrões de maconha, uma bucha de cocaína, R$ 79 em dinheiro e um celular. No apartamento que o homem tinha a chave foram localizados mais R$ 1 mil em dinheiro.

O outro homem conseguiu acessar um segundo apartamento. Ele não acatou a ordem dos PMs para deixar que eles entrassem no local, sendo necessário usar a força para realizar a entrada. Com ele foram encontrados seis torrões de maconha, uma bucha de crack e uma bucha de cocaína. Em busca na residência foi localizado uma pistola Taurus PT640 Pro calibre .40 com a numeração raspada, com um carregador contendo 10 munições calibre .40, uma munição 9mm, uma TV 50 polegadas, e na cueca que o rapaz usava estavam R$ 322 em dinheiro.

Ambos confessaram que eram traficantes e indicaram qual o apartamento em que estavam guardando o restante da droga. No local foram localizadas 788g de maconha, divididos em diversos torrões, 10 buchas de crack pesando aproximadamente 434g, um torrão de haxixe pesando aproximadamente 92g, uma bucha de cocaína pesando aproximadamente 50g, um pacote de skunk pesando aproximadamente 297g, três balanças de precisão, um prato com faca, gilete e material para embalar a droga, R$ 2.352 em dinheiro, uma TV 32 polegadas e uma bicicleta da marca Absolute Bikes.

Em certo momento, uma mulher chegou ao local. Ela estaria ‘transtornada’ e começou a xingar os policiais, mandando que eles fossem ‘prender bandidos’, dizendo que eles ‘uns bostas, uns covardes’. Foi determinado que ela saísse do local, sendo que ela desobedeceu e continuou a xingar os PMs, momento em que foi dada voz de prisão. Ela então saiu correndo e já na Sexta Avenida pegou seu filho no colo e continuou xingando os militares, que conseguiram detê-la. Ela tentou resistir e teve apoio de vários populares, sendo então necessário algemar a mulher.

Os três foram presos e encaminhados à delegacia junto de todos os materiais apreendidos.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3
Divulgação

Trio é preso com drogas, arma de fogo e munições em Balneário Camboriú

Publicidade

Terça, 18/2/2020 9:37.

Dois homens e uma mulher foram presos, na tarde de segunda-feira (17), no Bairro dos Municípios, com drogas, arma de fogo e munições e dinheiro. Eles respondem por tráfico de drogas, associação para o tráfico, porte ilegal de arma de fogo de uso restrito, desobediência, desacato e resistência.

Segundo a Polícia Militar, policiais vinham recebendo diversas denúncias de que dois homens estariam traficando drogas no condomínio que fica na Sexta Avenida com a Rua Caçador, no Bairro dos Municípios. O local já era conhecido como ponto de venda de entorpecentes.

Para comercializar as drogas a dupla utilizava um apartamento para armazenar os ‘produtos’, e na segunda-feira, por volta das 16h, PMs em rondas conseguiram ver os dois saindo de um dos blocos do condomínio. Quando eles perceberam a presença da viatura começaram a correr, acessando a Rua Chapecó, que fica nas proximidades.

Os policiais pediram que parassem, mas eles não teriam obedecido. Um dos homens acessou o bloco 4 do condomínio e o outro o bloco 2. Com um deles, que foi abordado, a polícia encontrou cinco torrões de maconha, uma bucha de cocaína, R$ 79 em dinheiro e um celular. No apartamento que o homem tinha a chave foram localizados mais R$ 1 mil em dinheiro.

O outro homem conseguiu acessar um segundo apartamento. Ele não acatou a ordem dos PMs para deixar que eles entrassem no local, sendo necessário usar a força para realizar a entrada. Com ele foram encontrados seis torrões de maconha, uma bucha de crack e uma bucha de cocaína. Em busca na residência foi localizado uma pistola Taurus PT640 Pro calibre .40 com a numeração raspada, com um carregador contendo 10 munições calibre .40, uma munição 9mm, uma TV 50 polegadas, e na cueca que o rapaz usava estavam R$ 322 em dinheiro.

Ambos confessaram que eram traficantes e indicaram qual o apartamento em que estavam guardando o restante da droga. No local foram localizadas 788g de maconha, divididos em diversos torrões, 10 buchas de crack pesando aproximadamente 434g, um torrão de haxixe pesando aproximadamente 92g, uma bucha de cocaína pesando aproximadamente 50g, um pacote de skunk pesando aproximadamente 297g, três balanças de precisão, um prato com faca, gilete e material para embalar a droga, R$ 2.352 em dinheiro, uma TV 32 polegadas e uma bicicleta da marca Absolute Bikes.

Em certo momento, uma mulher chegou ao local. Ela estaria ‘transtornada’ e começou a xingar os policiais, mandando que eles fossem ‘prender bandidos’, dizendo que eles ‘uns bostas, uns covardes’. Foi determinado que ela saísse do local, sendo que ela desobedeceu e continuou a xingar os PMs, momento em que foi dada voz de prisão. Ela então saiu correndo e já na Sexta Avenida pegou seu filho no colo e continuou xingando os militares, que conseguiram detê-la. Ela tentou resistir e teve apoio de vários populares, sendo então necessário algemar a mulher.

Os três foram presos e encaminhados à delegacia junto de todos os materiais apreendidos.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade