Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Polícia
Polícia Civil apreende 14 toneladas de camarão argentino em Balneário Camboriú

Quinta, 30/1/2020 10:16.

Publicidade

A Polícia Civil por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú apreendeu na tarde de quarta-feira (29) uma carga de 14 toneladas de camarão contrabandeado da Argentina, avaliada em aproximadamente R$ 700 mil. Dois homens foram presos.

Segundo a Polícia Civil, a apreensão ocorreu durante apuração de uma denúncia anônima de uma possível carga roubada que estaria em um galpão no Bairro Nova Esperança, em Balneário Camboriú.

Após um período de monitoramento, os policiais viram um caminhão carregado com parte da mercadoria deixando o local. O motorista foi abordado e os policiais descobriram que na realidade tratava-se de uma carga de camarões de importação proibida (contrabandeado).

O motorista relatou que trabalhava para outro homem e que estava levando parte da carga para um comprador, estando o restante dentro do galpão, em um contêiner frigorífico.
Os policiais conseguiram encontrar o proprietário da carga e como a dupla se envolveu em um crime federal ambos foram detidos e encaminhados à Polícia Federal, em Itajaí.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade













Página 3

Polícia Civil apreende 14 toneladas de camarão argentino em Balneário Camboriú

Publicidade

Quinta, 30/1/2020 10:16.

A Polícia Civil por meio da Divisão de Investigação Criminal (DIC) de Balneário Camboriú apreendeu na tarde de quarta-feira (29) uma carga de 14 toneladas de camarão contrabandeado da Argentina, avaliada em aproximadamente R$ 700 mil. Dois homens foram presos.

Segundo a Polícia Civil, a apreensão ocorreu durante apuração de uma denúncia anônima de uma possível carga roubada que estaria em um galpão no Bairro Nova Esperança, em Balneário Camboriú.

Após um período de monitoramento, os policiais viram um caminhão carregado com parte da mercadoria deixando o local. O motorista foi abordado e os policiais descobriram que na realidade tratava-se de uma carga de camarões de importação proibida (contrabandeado).

O motorista relatou que trabalhava para outro homem e que estava levando parte da carga para um comprador, estando o restante dentro do galpão, em um contêiner frigorífico.
Os policiais conseguiram encontrar o proprietário da carga e como a dupla se envolveu em um crime federal ambos foram detidos e encaminhados à Polícia Federal, em Itajaí.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade