Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Polícia
Comerciante que assassinou a mulher em Camboriú morreu

Sexta, 31/7/2020 12:59.
Divulgação

Publicidade

O comerciante Ricardo Deivid Bechtold, 34 anos, morreu na quinta-feira (30) no Hospital Municipal Ruth Cardoso, em Balneário Camboriú, onde estava internado desde o último dia 19, quando assassinou a esposa Leonice Alexandrina Teixeira Bechtold, 32 anos, conhecida como Nice, em Camboriú.

Ricardo assassinou Nice com dois tiros, na frente da casa onde o casal vivia com os dois filhos, na localidade do Braço, porque ela estaria tentando sair de casa e ele não aceitava o fim do casamento.

Após cometer o feminicídio, ele atirou contra a própria cabeça, vindo a falecer na quinta-feira (30). Ele estava na UTI do Ruth Cardoso desde o dia 19. O homem é doador de órgãos e a coleta estava prevista para acontecer nesta sexta-feira (31) pela manhã.

Ele é conhecido em Camboriú porque a sua família é proprietária do Mercado Ralf. O velório dele será na Central de Luto e o sepultamento no cemitério do Bairro do Meio, ambos em Camboriú.

Investigações

A Polícia Civil está em busca da pistola utilizada no feminicídio de Nice e na tentativa de suicídio de Ricardo. A arma de fogo sumiu da cena do crime ainda antes da Polícia Militar chegar ao local.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação

Comerciante que assassinou a mulher em Camboriú morreu

Publicidade

Sexta, 31/7/2020 12:59.

O comerciante Ricardo Deivid Bechtold, 34 anos, morreu na quinta-feira (30) no Hospital Municipal Ruth Cardoso, em Balneário Camboriú, onde estava internado desde o último dia 19, quando assassinou a esposa Leonice Alexandrina Teixeira Bechtold, 32 anos, conhecida como Nice, em Camboriú.

Ricardo assassinou Nice com dois tiros, na frente da casa onde o casal vivia com os dois filhos, na localidade do Braço, porque ela estaria tentando sair de casa e ele não aceitava o fim do casamento.

Após cometer o feminicídio, ele atirou contra a própria cabeça, vindo a falecer na quinta-feira (30). Ele estava na UTI do Ruth Cardoso desde o dia 19. O homem é doador de órgãos e a coleta estava prevista para acontecer nesta sexta-feira (31) pela manhã.

Ele é conhecido em Camboriú porque a sua família é proprietária do Mercado Ralf. O velório dele será na Central de Luto e o sepultamento no cemitério do Bairro do Meio, ambos em Camboriú.

Investigações

A Polícia Civil está em busca da pistola utilizada no feminicídio de Nice e na tentativa de suicídio de Ricardo. A arma de fogo sumiu da cena do crime ainda antes da Polícia Militar chegar ao local.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade