Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Política
Vereador Lucas Gotardo quer obrigar Prefeitura a dar transparência às auditorias

Sexta, 6/12/2019 14:08.
Divulgação

Publicidade

O vereador Lucas Gotardo acaba de protocolar um projeto de lei obrigando a Prefeitura de Balneário Camboriú a publicizar na internet informações sobre as auditorias feitas através da Controladoria do Município.

A ideia é garantir transparência dos procedimentos administrativos, sem incorrer em ameaça sobre o andamento das investigações, pois as informações seriam divulgadas apenas ao final da auditoria.

A proposta é que a Controladoria informe no seu portal de transparência, em seção própria, um resumo com número de referência, órgão responsável, objeto da auditoria e o relatório da auditoria (assim que concluído pelo corpo técnico), data de início e data de término.

O projeto não cria custos ao Executivo, tendo em vista que a Controladoria já possui um site ativo (Controladoria Balneario Camboriu) e com seções para publicação das auditorias, porém, segue desatualizado.

Para Lucas, que é presidente da Comissão de Transparência, Governança Pública e Accountability, a intenção é ampliar o acesso e dar maior repercussão ao trabalho de fiscalização executado pelo poder público. A medida vai de encontro a um dos pilares defendidos pelo programa do governo da atual gestão, que defendia uma gestão mais moderna, eficaz e transparente.


Fonte: Assessoria do Gabinete


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação

Vereador Lucas Gotardo quer obrigar Prefeitura a dar transparência às auditorias

Publicidade

Sexta, 6/12/2019 14:08.

O vereador Lucas Gotardo acaba de protocolar um projeto de lei obrigando a Prefeitura de Balneário Camboriú a publicizar na internet informações sobre as auditorias feitas através da Controladoria do Município.

A ideia é garantir transparência dos procedimentos administrativos, sem incorrer em ameaça sobre o andamento das investigações, pois as informações seriam divulgadas apenas ao final da auditoria.

A proposta é que a Controladoria informe no seu portal de transparência, em seção própria, um resumo com número de referência, órgão responsável, objeto da auditoria e o relatório da auditoria (assim que concluído pelo corpo técnico), data de início e data de término.

O projeto não cria custos ao Executivo, tendo em vista que a Controladoria já possui um site ativo (Controladoria Balneario Camboriu) e com seções para publicação das auditorias, porém, segue desatualizado.

Para Lucas, que é presidente da Comissão de Transparência, Governança Pública e Accountability, a intenção é ampliar o acesso e dar maior repercussão ao trabalho de fiscalização executado pelo poder público. A medida vai de encontro a um dos pilares defendidos pelo programa do governo da atual gestão, que defendia uma gestão mais moderna, eficaz e transparente.


Fonte: Assessoria do Gabinete


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade