Jornal Página 3
PÁGINA 3 / Política
Vereadora Jane Stefenn sugere instalação de placas do Ligue 180 em prédios públicos

Quinta, 13/8/2020 13:28.
Divulgação
Jane com o X vermelho na mão, alusão à campanha nacional Sinal vermelho contra a violência.

Publicidade

De acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública, Santa Catarina registrou mais de seis mil casos de agressão contra mulheres no primeiro semestre deste ano. O número é 9% inferior em relação ao mesmo período do ano passado, mas mostra que a violência doméstica ainda é realidade que precisa ser combatida.

Esta realidade motivou a vereadora Jane Stefenn (PSL) a protocolar um projeto de lei para estabelecer a instalação de placas em prédios públicos e estabelecimentos comerciais do município para divulgação do número da Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência (Ligue 180).

O projeto foi protocolado em junho, mas entrou na pauta nesta terça-feira (11), em meio ao Agosto Lilás, mês de sensibilização pelo fim da violência contra a mulher.

O documento será votado em duas sessões e, se aprovado, seguirá para sanção do prefeito.

“Sempre lutei para buscar a proteção dos direitos das mulheres de Camboriú, bem como pelo empoderamento de nossas moradoras. Com a aprovação da lei, teremos mais um mecanismo de informação para que as mulheres vítimas possam se desvencilhar desse cenário tão entristecedor”, explica.

Se for aprovado, os estabelecimentos que terão que afixar as placas do 180 são: academias de ginástica, bares, conveniências de postos de gasolina, hotéis, lanchonetes, padarias, restaurantes, salões de beleza e supermercados e todos os prédios públicos do município.

O projeto prevê auto de infração, multa no valor de 5 Unidades Fiscais Municipais (UFMs)para quem não cumprir a lei. Em caso de reincidência, a penalidade será maior: interdição e suspensão das atividades.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade


Publicidade














Página 3
Divulgação
Jane com o X vermelho na mão, alusão à campanha nacional Sinal vermelho contra a violência.
Jane com o X vermelho na mão, alusão à campanha nacional Sinal vermelho contra a violência.

Vereadora Jane Stefenn sugere instalação de placas do Ligue 180 em prédios públicos

Publicidade

Quinta, 13/8/2020 13:28.

De acordo com dados da Secretaria de Segurança Pública, Santa Catarina registrou mais de seis mil casos de agressão contra mulheres no primeiro semestre deste ano. O número é 9% inferior em relação ao mesmo período do ano passado, mas mostra que a violência doméstica ainda é realidade que precisa ser combatida.

Esta realidade motivou a vereadora Jane Stefenn (PSL) a protocolar um projeto de lei para estabelecer a instalação de placas em prédios públicos e estabelecimentos comerciais do município para divulgação do número da Central de Atendimento à Mulher em Situação de Violência (Ligue 180).

O projeto foi protocolado em junho, mas entrou na pauta nesta terça-feira (11), em meio ao Agosto Lilás, mês de sensibilização pelo fim da violência contra a mulher.

O documento será votado em duas sessões e, se aprovado, seguirá para sanção do prefeito.

“Sempre lutei para buscar a proteção dos direitos das mulheres de Camboriú, bem como pelo empoderamento de nossas moradoras. Com a aprovação da lei, teremos mais um mecanismo de informação para que as mulheres vítimas possam se desvencilhar desse cenário tão entristecedor”, explica.

Se for aprovado, os estabelecimentos que terão que afixar as placas do 180 são: academias de ginástica, bares, conveniências de postos de gasolina, hotéis, lanchonetes, padarias, restaurantes, salões de beleza e supermercados e todos os prédios públicos do município.

O projeto prevê auto de infração, multa no valor de 5 Unidades Fiscais Municipais (UFMs)para quem não cumprir a lei. Em caso de reincidência, a penalidade será maior: interdição e suspensão das atividades.


Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade