Jornal Página 3

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Semana de Mobilização contra o Aedes aegypti
EBC

Quinta, 22/11/2018 16:26.

Durante a próxima semana a Vigilância Ambiental da secretaria da Saúde realizará ações nas ruas, visitas domiciliares, distribuição de panfletos, inspeções e orientações.

A ação atende recomendação da Secretaria do Estado de Saúde, seguindo a Sala Nacional de Coordenação e Controle de dengue, zika e chikungunya (doenças causadas pela picada do mosquito), porque estas doenças registraram crescimento no Estado.

Do dia 26 ao dia 29, haverá panfletagens em ruas, semáforos e em alguns supermercados da cidade. Na sexta-feira (30), será o “Dia D” da mobilização, com todos os agentes da Vigilância Ambiental distribuindo panfletos no Pontal Norte, Sul e Praça Almirante Tamandaré, além de semáforos.

Segundo dados do programa local, até outubro, mais de 70 mil visitas foram realizadas, que resultaram em 227 intimações e 92 infrações, além de uma interdição.

O diretor do Departamento de Vigilância Ambiental ressaltou a importância de cada um controlar as poças de água, águas paradas, porque no verão chove com mais frequência e com o calor, o ciclo das larvas torna-se mais rápido.

“Importante é não deixar qualquer tipo de material que possa acumular água da chuva parado e a verificação de calhas e caixas d’água também estão entre as maneiras de tornar a casa livre do mosquito”, afirmou.

Informações - Secretaria de Saúde (47) 3261-6264

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade



Publicidade

Página 3

Semana de Mobilização contra o Aedes aegypti

EBC

Publicidade

Quinta, 22/11/2018 16:26.

Durante a próxima semana a Vigilância Ambiental da secretaria da Saúde realizará ações nas ruas, visitas domiciliares, distribuição de panfletos, inspeções e orientações.

A ação atende recomendação da Secretaria do Estado de Saúde, seguindo a Sala Nacional de Coordenação e Controle de dengue, zika e chikungunya (doenças causadas pela picada do mosquito), porque estas doenças registraram crescimento no Estado.

Do dia 26 ao dia 29, haverá panfletagens em ruas, semáforos e em alguns supermercados da cidade. Na sexta-feira (30), será o “Dia D” da mobilização, com todos os agentes da Vigilância Ambiental distribuindo panfletos no Pontal Norte, Sul e Praça Almirante Tamandaré, além de semáforos.

Segundo dados do programa local, até outubro, mais de 70 mil visitas foram realizadas, que resultaram em 227 intimações e 92 infrações, além de uma interdição.

O diretor do Departamento de Vigilância Ambiental ressaltou a importância de cada um controlar as poças de água, águas paradas, porque no verão chove com mais frequência e com o calor, o ciclo das larvas torna-se mais rápido.

“Importante é não deixar qualquer tipo de material que possa acumular água da chuva parado e a verificação de calhas e caixas d’água também estão entre as maneiras de tornar a casa livre do mosquito”, afirmou.

Informações - Secretaria de Saúde (47) 3261-6264

Publicidade

Publicidade

Publicidade

Publicidade